Ir para o conteúdo
  • Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #60 da revista programar. Faz já o download aqui!

Orgon

Linguagem para linux

Mensagens Recomendadas

Orgon

Olá.

Depois uns tempos sem cá vir, por causa dos danos provocados pelo temporal e motivos pessoais, voltei para ficar.

Na escola estou a dar pascal e em janeiro mudei para linux por gosto pessoal, por problemas com as licenças do windows e porque não consigo ter o windows mais de uma semana no meu pc.

Estando em linux e como adoro linux gostava de contribuir (programando, etc).

Adoro Pascal mas com pascal não vou conseguir contribuir muito para a comunidade linux nem para o meu futuro (com muito pena minha) por isso estava a pensar em "mudar" para C ou C++ para poder contribuir.

Gostava que me dessem uma opinião sobre o que devo fazer.

Editado por Orgon

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Podes contribuir muito em Pascal. Não é obrigatório andares a fazer tudo em C e C++, apesar de a maioria dos programas estar feito nessas LP's.

O próprio Pascal precisa de ajuda no seu desenvolvimento (refiro-me ao Free Pascal), e acho que não se deve largar por completo uma LP a fim de se aprender outra. Nada o justifica.

O meu conselho é continuares a programar em Pascal, contribuíres para o Free Pascal, e aprenderes outras LP's, como C ou mesmo D.

E aprende mais LP's e não te fiques por aquelas que te permitem "contribuir". Todas permitem contribuir nalguma coisa, principalmente na tua pessoa enquanto programador.

Editado por thoga31

Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
HappyHippyHippo

não estou a ver a relação linux/não pascal ...

nota, eu não me lembro de Pascal (aprendi isso à muito tempo, e nunca mais lhe peguei) mas olha bem para esta página :

http://wiki.lazarus.freepascal.org/Lazarus_Faq

ps >> ou melhor : http://wiki.lazarus.freepascal.org/Overview_of_Free_Pascal_and_Lazarus

Editado por HappyHippyHippo
  • Voto 1

IRC : sim, é algo que ainda existe >> #p@p

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon
O próprio Pascal precisa de ajuda no seu desenvolvimento (refiro-me ao Free Pascal), e acho que não se deve largar por completo uma LP a fim de se aprender outra. Nada o justifica.

Pois eu tambem não posso nem quero largar o pascal porque estou num curso e em programação só vamos dar mesmo pascal/object pascal.

Enquanto tomava banho lembrei-me que pascal e assembly juntos funciona bem (já não sei onde vi isso) e estava a pensar em fazer isso mesmo apender assembly e estudar ainda mais pascal e tambem object pascal.

Quando for para estágio logo vejo que lp's se usa no mercado de trabalho e aí tento adaptar-me.

já agora podem-me dizer quais as diferênças entre pascal e c, é que na minha opinião fazem exactamente a mesma coisa.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pmg

já agora podem-me dizer quais as diferênças entre pascal e c, é que na minha opinião fazem exactamente a mesma coisa.

Hmm ... nao estar a trollar, pois nao? ...

O C foi feito por programadores para programadores.

O Pascal foi feito por um professor para os alunos.

Alem disso, o C (talvez por ser ligeiramente mais simples), tem compiladores para mais sistemas que o Pascal (imagina sistemas ABS, controle de elevadores, gestao de sinais de transito, ..., ...)


What have you tried?

Não respondo a dúvidas por PM

A minha bola de cristal está para compor; deve ficar pronta para a semana.

Torna os teus tópicos mais atractivos e legíveis usando a tag CODE para colorir o código!

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon
Alem disso, o C (talvez por ser ligeiramente mais simples)...

Mais simples em que sentido?

tem compiladores para mais sistemas que o Pascal

Para c só conheco o gcc para linux e para pascal conheço o fpc (que tem suporte para bastantes sistemas, mais do que eu conheço), gpc.

Mas ambos são expansíveis e cada um tem as suas vertentes.

c tem o c++

pascal tem o object pascal

E isso o sistema abs, etc. não vejo por que não pode tambem ser feito em pascal.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Hmm ... nao estar a trollar, pois nao? ...

O C foi feito por programadores para programadores.

O Pascal foi feito por um professor para os alunos.

Alem disso, o C (talvez por ser ligeiramente mais simples), tem compiladores para mais sistemas que o Pascal (imagina sistemas ABS, controle de elevadores, gestao de sinais de transito, ..., ...)

E tu não estás também a trollar, pois não? :D

As origens foram o que foram, mas a actualidade é diferente. Recomendo quem pensa no Pascal como uma LP de ensino a migrar dos anos 70 para o século XXI, dava jeito para acabar a onda da má-língua infundada acerca do Pascal. :)

@Orgon, C é considerada mais simples por causa da sintaxe - {} vs begin-end, for( ; ; ) vs for-to/downto-do, etc.

Depois, C trabalha a mais baixo nível que Pascal em toda a sua essência, mas Pascal também o permite - apenas te oferece um pouco de abstracção em certos assuntos no seu uso comum.

Por fim, Object Pascal é mesmo a melhor derivada do Pascal original, se ignorarmos o Delphi, claro.

Tanto C como Pascal são úteis e fazem basicamente a mesma coisa. O modo de programação e a sua sintaxe é que mudam um pouco.

Editado por thoga31

Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

Não quero criar discussão nenhuma não foi para isso que criei este tópico, eu criei este tópico para me ajudarem a responder se devo começar a aprender c para futuramente trabalhar na área da programação e criação de software para linux ou devo deixar essa questão para essa altura e continuar com pascal.

thoga31 eu acho a sintaxe do pascal mais fácil do que a de c.

C é muito "confuso" para mim, em pascal as variaveis declaram-se fora do programa (Begin e end.) e no c é dento do programa (se estiver errado desculpem) e isso é só uma das coisas que não gosto em c.

Editado por Orgon

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Não quero criar discussão nenhuma não foi para isso que criei este tópico, eu criei este tópico para me ajudarem a responder se devo começar a aprender c para futuramente trabalhar na área da programação e criação de software para linux ou devo deixar essa questão para essa altura e continuar com pascal.

O melhor conselho que te podem dar foi aquilo que já disse: continua com Pascal, aborda Object Pascal, nunca o largues, aprende mais LP's, e entre elas aprende C. Nunca discrimines qualquer LP, o conhecimento de várias LP's é enriquecedor, e faz de ti um melhor programador em todos os níveis.


Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

Mas thoga31 achas que devo começar agora tambem a aprender outras lp's ou espero pelo fim do curso, quando entrar no mercado de trabalho?

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pwseo

Acho que o Orgon estava a referir-se ao facto de ambas serem linguagens de programação general purpose. Não me pareceu que ele quisesse iniciar (perpetuar?) uma flamewar C vs Pascal.

Orgon,

C e Pascal podem actualmente ser utilizadas para fazer essencialmente as mesmas coisas, mas tens mais facilidade em usar C porque existe muito mais código já escrito nessa linguagem, e mais ferramentas que lidam com esse código. Se o teu objectivo é contribuir directamente para software já existe no ecossistema Linux, o melhor mesmo é aprenderes C.

Ainda assim, hoje em dia há imenso software para Linux criado de raiz noutras linguagens que não são C (usam Python, Ruby, entre outras), pelo que poderias utilizar Pascal à tua vontade desde que as libs que precises existam para Pascal também (ex.: GTK, SDL, entre outras).

Posto isto, penso que podes perfeitamente continuar a melhorar o teu domínio de Pascal e aprender C em paralelo também, e contribuir para projectos de ambas as linguagens; não te faz mal nenhum, e sempre ficas a saber mais.

Se tiveres disponibilidade para tal, aprende até mesmo linguagens como D, para perceberes como é perfeitamente possível ter uma linguagem melhor que C que não tem uma sintaxe forjada no inferno.

Não sei quais são os teus objectivos em termos de programação, mas ficares-te quer por Pascal quer por C (ou até ambas) parece-me um desperdício de curiosidade. Aprende ambas e depois explora outras linguagens (Python, Perl,...). Em Linux usa-se muito isto de fazer software em várias linguagens, acredita.

Tudo depende da tua vontade e tempo disponível.

  • Voto 1

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Mas thoga31 achas que devo começar agora tambem a aprender outras lp's ou espero pelo fim do curso, quando entrar no mercado de trabalho?

Começa desde já. Vais estar à espera porquê e para quê? É melhor cultivares-te antes de entrares no mercado de trabalho do que depois.

E friso o post do @pwseo.


Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
HappyHippyHippo

Se tiveres disponibilidade para tal, aprende até mesmo linguagens como D, para perceberes como é perfeitamente possível ter uma linguagem melhor que C que não tem uma sintaxe forjada no inferno.

essas indirectas :D


IRC : sim, é algo que ainda existe >> #p@p

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

Não tenho nada, contra respeito quem usa e gosta.

Se tiver de usar tudo bem, mas acho que "pucham" um bocado pelo pc.

Não sei se é mesmo ou não, se for mentira o que estou a dizer desculpem-me.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

O que é isso de "puxarem" pelo PC? Porque costumam ser mais lentas? A lentidão não se deve ao facto de puxar mais pelo sistema, isso não é totalmente verdade. A diferença é que o código é interpretado por um sistema que tem de pegar no código e analisá-lo e executar as suas ordens, enquanto que um programa compilado já está em código binário, e esse processo de análise já passou pelo compilador.

Python 2 também pode ser compilado no Windows. E não vejo razões para não utilizar linguagens interpretadas. Não são menos que as outras (não estou a dizer que o disseste), e são tão úteis como qualquer outra LP compilada.

Muito software muito interessante e complexo está feito numa mistura de Python com C, ou só Python, pelo facto de Python ter bibliotecas para tudo e mais alguma coisa. É extremamente versátil e altamente portável.

Editado por thoga31

Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pwseo

Orgon, o que estás a dizer não é mentira, mas também não é significativo.

Para aplicações de alta performance, é de facto melhor utilizar linguagens compiladas. No entanto, para outro tipo de aplicações que não exijam todo o CPU a toda a hora, podemos muito bem escrevê-las em linguagens interpretadas (muitas delas até são compiladas para um formato intermédio optimizado) sem termos grandes problemas.

O que se perde em eficiência durante a execução pode não ser nada comparado com aquilo que se ganha em clareza de código e manutenção do mesmo. Para te dar um exemplo: nunca me passaria pela cabeça escrever em C um programa para fazer manipulação de texto quando tenho Perl para isso mesmo. O código C que eu escreveria seria invariavelmente mais lento que as operações altamente optimizadas de Perl.

É mesmo uma questão de pesares os prós e os contras, e as necessidades daquilo que estás a desenvolver.

Editado por pwseo
  • Voto 1

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

Agrada-me muito mais a sintaxe do python do que de c porque é muito mais simples apenas não gosto tanto de python por causa de ser interpretdada e não saber fazer os programas correrem sem ser pelo interpretador mas isso não é para este quadro (acho que é assim que se chama).

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Agrada-me muito mais a sintaxe do python do que de c porque é muito mais simples apenas não gosto tanto de python por causa de ser interpretdada e não saber fazer os programas correrem sem ser pelo interpretador mas isso não é para este quadro (acho que é assim que se chama).

Têm de correr pelo interpretador. Pessoalmente não vejo isso como um problema. :P

O presente tópico que está no quadro de Pascal. Referes-te a qual? xD


Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

Não me estou a referir a este tópico que estamos a falar, estou-me a referir á minha duvida de python.

Mas voltando á questão inicial qual é a linguagem que devo aprender agora (uma que me possa ser util na minha carreira)?

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
thoga31

Outra vez essa questão? Já te foram dadas várias hipóteses... escolhe uma. Ou melhor, vai vendo algumas pouco a pouco. Ao longo do curso tens muito tempo para ver várias.

Eu recomendaria agora uma excursão pelo Python. Podes não apreciar LP's interpretadas, mas sem dúvida que é uma LP interessante, quanto mais não seja para começares a ver coisas diferentes da onda do Pascal e C e D e C++ e...

Editado por thoga31

Knowledge is free! | Occasional Fortnite player

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
Orgon

No curso só vou mesmo dar Pascal e object pascal.

Estive a ler as sujestões e ouve uma que eu já experimentei à muitos anos que foi ruby.

Vou dar um vista de olhos nela e ver no que dá.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!

Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.

Entrar Agora

×

Aviso Sobre Cookies

Ao usar este site você aceita os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Este site usa cookies para disponibilizar funcionalidades personalizadas. Para mais informações visite esta página.