Jump to content
pv2013

SAFT-PT: debate de dúvidas e ideias

Recommended Posts

CFreitas
2 hours ago, bioshock said:

Aproveito para perguntar se há uma data/ano limite para as séries ou se podemos criar séries com a data de expiração 2030?

As séries têm de ser no mínimo anuais. No máximo poderão ser perpétuas. 

  • Vote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
bioshock
11 hours ago, CFreitas said:

As séries têm de ser no mínimo anuais. No máximo poderão ser perpétuas. 

Obrigado, era a ideia que tinha.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcosky

Bom dia. Tenho uma dúvida em relação ao que se deve pôr no ficheiro XML do Saf-t. No HASH qual é o valor que se deve por incriptado? Podem esclarecer o tema do HASH. Obrigado e cumprimentos

Share this post


Link to post
Share on other sites
CFreitas
1 hour ago, Marcosky said:

Bom dia. Tenho uma dúvida em relação ao que se deve pôr no ficheiro XML do Saf-t. No HASH qual é o valor que se deve por incriptado? Podem esclarecer o tema do HASH. Obrigado e cumprimentos

Boas,

Recomendaria a leitura da portaria 363/2010 e do despacho 8632 do diretor da AT, disponíveis no diário da republica e no portal da AT: https://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/apoio_contribuinte/Pages/certificacao-de-software.aspx

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marcosky
Em 11/05/2020 às 14:01, CFreitas disse:

Boas,

Recomendaria a leitura da portaria 363/2010 e do despacho 8632 do diretor da AT, disponíveis no diário da republica e no portal da AT: https://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/apoio_contribuinte/Pages/certificacao-de-software.aspx

Bom dia. Agradeço a informação que deixou, mas ao programar em .NET estou a ter dificuldades em encriptar e convertir en hash sem utilizar o Open SSL. Agradeço que alguém possa ajudar neste caso. Obrigado e cumprimentos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
kalin
Em 13/05/2020 às 10:23, Marcosky disse:

Bom dia. Agradeço a informação que deixou, mas ao programar em .NET estou a ter dificuldades em encriptar e convertir en hash sem utilizar o Open SSL. Agradeço que alguém possa ajudar neste caso. Obrigado e cumprimentos.

Precisa utilizar RSACryptoServiceProvider, está em System.Security.Cryptography

Share this post


Link to post
Share on other sites
SERGIO REBELO

bom dia

A minha aplicação utiliza o FACTEMICLI-2.5.15-5540-cmdClient.jar para o envio do SAFT, deste o dia 1 que ao enviar o ficheiro de resposta do servidor vem vazio sem conteúdo, alguem tem o mesmo problema? obrigado

Edited by SERGIO REBELO

Share this post


Link to post
Share on other sites
virgilio baldaia
Em 03/06/2020 às 12:50, SERGIO REBELO disse:

bom dia

A minha aplicação utiliza o FACTEMICLI-2.5.15-5540-cmdClient.jar para o envio do SAFT, deste o dia 1 que ao enviar o ficheiro de resposta do servidor vem vazio sem conteúdo, alguem tem o mesmo problema? obrigado

Bom dia, tinha o mesmo problema, mas já descobri e resolvi.

no portal das financas, diz que funcionar com a versao 6 do java.

mas descobri que agora, só funciona com a versao 8.

estou a usar a release 151, para ter compatibilidade com o windows xp.

Atentamente.

  • Vote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites
SERGIO REBELO

Bom dia,

 

obrigado Virgilio é isso mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
dadmda

Bom dia,

 

Tenho um problema com a geração do SAF-T, estou a utilizar o validador e se o SAF-T contém a primeira factura de uma série e as sucessivas, valida correctamente o Hashes, mas se, por exemplo, tenho duas facturas, gero uma SAF-T com a primeira e outra com a segunda, a chave pública só valida o SAF-T com a primeira factura. Existe alguma forma de as validar sem enviar as séries completas ou tem de gerar uma nova série para cada envio mensal?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Vitor Pereira
3 horas atrás, dadmda disse:

Bom dia,

 

Tenho um problema com a geração do SAF-T, estou a utilizar o validador e se o SAF-T contém a primeira factura de uma série e as sucessivas, valida correctamente o Hashes, mas se, por exemplo, tenho duas facturas, gero uma SAF-T com a primeira e outra com a segunda, a chave pública só valida o SAF-T com a primeira factura. Existe alguma forma de as validar sem enviar as séries completas ou tem de gerar uma nova série para cada envio mensal?

O Validador da AT só funciona bem ( foi criado para isso ), quando enviamos o SAFT completo e não o simplificado.

Se por alguma razão especial quiser validar um SAFT, sempre utilizo o site do E-Fatura:   É só fazer tudo como se fosse enviar o SAFT, mas no momento de enviar faz VALIDAR e não enviar, passando ai está tudo bem.

NOTA:   Não precisa sequer de fazer esta validação da conta da empresa a quem se refere o SAFT, pode validar em qualquer conta da AT com acesso ao envio de SAFT

  • Vote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
CFreitas
3 hours ago, dadmda said:

Bom dia,

 

Tenho um problema com a geração do SAF-T, estou a utilizar o validador e se o SAF-T contém a primeira factura de uma série e as sucessivas, valida correctamente o Hashes, mas se, por exemplo, tenho duas facturas, gero uma SAF-T com a primeira e outra com a segunda, a chave pública só valida o SAF-T com a primeira factura. Existe alguma forma de as validar sem enviar as séries completas ou tem de gerar uma nova série para cada envio mensal?

Isso é normal. 

Não havendo a primeira fatura não é possível validar a assinatura da segunda. A assinatura do documento n depende da do n-1.

Não deve (é proibido) reiniciar as séries mensalmente. 

O e-fatura não válida as assinaturas. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mr Rick

Boa noite,

Estou a tentar usar o jax2b-maven-plugin para gerar o stubbing e estou a ter este erro:

Citação

org.xml.sax.SAXParseException: s4s-elt-invalid-content.1: The content of '#AnonType_LinePaymentPaymentsSourceDocuments' is invalid.  Element 'assert' is invalid, misplaced, or occurs too often.

 

Apenas copiei o .xsd e coloquei na configuração da pom.xml

<plugin>
  <groupId>org.codehaus.mojo</groupId>
  <artifactId>jaxb2-maven-plugin</artifactId>
  <version>2.5.0</version>
  <executions>
    <execution>
      <goals>
        <goal>xjc</goal>
      </goals>
    </execution>
  </executions>
  <configuration>
    <packageName>com.invoices.xsd</packageName>
    <sources>
      <source>src/main/resources/saft/saft.xsd</source>
    </sources>
  </configuration>
</plugin>

Alguém que tenha implementado em java me pode dar umas luzes? Obrigado

cumprimentos,

Share this post


Link to post
Share on other sites
dadmda
17 hours ago, Vitor Pereira said:

O Validador da AT só funciona bem ( foi criado para isso ), quando enviamos o SAFT completo e não o simplificado.

Se por alguma razão especial quiser validar um SAFT, sempre utilizo o site do E-Fatura:   É só fazer tudo como se fosse enviar o SAFT, mas no momento de enviar faz VALIDAR e não enviar, passando ai está tudo bem.

NOTA:   Não precisa sequer de fazer esta validação da conta da empresa a quem se refere o SAFT, pode validar em qualquer conta da AT com acesso ao envio de SAFT

 

14 hours ago, CFreitas said:

Isso é normal. 

Não havendo a primeira fatura não é possível validar a assinatura da segunda. A assinatura do documento n depende da do n-1.

Não deve (é proibido) reiniciar as séries mensalmente. 

O e-fatura não válida as assinaturas. 

Muito obrigado

Edited by dadmda

Share this post


Link to post
Share on other sites
CrominhO
Em 29/04/2020 às 12:17, bioshock disse:

É obrigatório a exportação de tabelas para excel/xml? De muitos softwares que vou experimentando (online claro) poucos são os que possibilitam isso e os que possibilitam é só relativo a clientes/artigos..

Aproveito para perguntar se há uma data/ano limite para as séries ou se podemos criar séries com a data de expiração 2030?

Obrigado.

@bioshock desculpa, já há algum tempo que não vinha ao P@P. 

As séries o Cfreitas já tinha dito. Em relação aos dados, eles não definiram o formato, o que nos disseram foi o que os dados não são nossos, são do cliente, e como tal temos que lhes facultar. Também tenho ideia que maior parte dos softwares apenas exportam artigos e clientes mas para outros fins, mas como isto já foi a algum tempo e eles não definiram formato, imagino que no limite, apesar de eu nao fazer assim, que se exportares um XML tipo saft com os dados, que resolve essa situação.. penso eu pq nao faço assim... 


As mentes humanas são realmente um local estranho!

Share this post


Link to post
Share on other sites
pedrokins

Bom dia a todos. Antes de mais peço desculpa se a questão for repetida, mas no inicio do ano a AT lançou um despacho com algumas alterações a ser feitas, como criação de séries, QRCode, etc. Também me disseram que até ao fim do ano seria obrigatório implementar a faturação electronica com assinatura digital.

Alguém me consegue dar umas luzes sobre este assunto? Já estão definidas concretamente as regras? Já há especificação técnica sobre estes assuntos?

Obrigado

Share this post


Link to post
Share on other sites
CFreitas
3 hours ago, pedrokins said:

Bom dia a todos. Antes de mais peço desculpa se a questão for repetida, mas no inicio do ano a AT lançou um despacho com algumas alterações a ser feitas, como criação de séries, QRCode, etc. Também me disseram que até ao fim do ano seria obrigatório implementar a faturação electronica com assinatura digital.

Alguém me consegue dar umas luzes sobre este assunto? Já estão definidas concretamente as regras? Já há especificação técnica sobre estes assuntos?

Obrigado

Nada disso está regulamentado ainda.

Agora recentemente foi publicado mais um despacho do SEAF a confirmar os atrasos, agora sobre o tema da comunicação dos estabelecimentos e séries:

Quote

 

Despacho n.º 239/2020-XXII, de 01 de julho de 2020, do SEAF

Decreto-Lei n.º 28/2019, de 15/02 - Artigo 34º -  Informação relativa aos estabelecimentos

Considerando as dificuldades, bem como as redundâncias no que respeita à comunicação de informações relativamente aos estabelecimentos ao abrigo de diversos instrumentos legais, identificadas pela AT e pelos sujeitos passivos, o Despacho n.º 239/2020-XXII de S. Exa. o SEAF vem determinar que a obrigação de comunicação dos estabelecimentos a que se refere o artigo 34º do Decreto-Lei n.º 28/2019,  fique suspensa até à consolidação do quadro jurídico existente sobre a matéria.

 

 

Desconheço qualquer obrigação de emitir fatura eletrónica (só no caso dos contratos públicos).

  • Vote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
paulo brito

Até à consolidação do quadro jurídico... Vai demorar, portanto.

Share this post


Link to post
Share on other sites
chesser
Em 28/07/2020 às 12:12, CFreitas disse:

Agora recentemente foi publicado mais um despacho do SEAF a confirmar os atrasos, agora sobre o tema da comunicação dos estabelecimentos e séries

Pelos vistos, segundo o Decreto-Lei n.º48/2020 (de 3 de Agosto), isso foi mesmo eliminado:

Citação

Por último, fora do âmbito da referida regulamentação, procede-se ainda à eliminação da obrigação de comunicação de informações relativas aos estabelecimentos dos contribuintes, prevista no Decreto-Lei n.º 28/2019, de 15 de fevereiro, atendendo às dificuldades da respetiva operacionalização evidenciadas pelos intervenientes no processo de comunicação. Nestes termos, devem as entidades públicas envolvidas proceder à avaliação, simplificação e consolidação de procedimentos em matéria de comunicação da informação em causa, bem como à uniformização de conceitos para esse fim, por forma a mitigar as redundâncias e inconsistências identificadas.

Já agora, para quem trabalha com o SAF-T de contabilidade vale a pena ler esse Decreto-Lei n.º48/2020 que se refere aos campos do SAF-T da contabilidade que serão descaracterizados antes de serem armazenados pela AT.

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
iznougudpt
1 hora atrás, chesser disse:

Já agora, para quem trabalha com o SAF-T de contabilidade vale a pena ler esse Decreto-Lei n.º48/2020 que se refere aos campos do SAF-T da contabilidade que serão descaracterizados antes de serem armazenados pela AT.

Espectáculo...

Gerar SAFT-PT -> Calcular Checksum (que ainda não dizem qual o mecanismo a usar) -> Voltar a carregar o Ficheiro (porque o pc pode não ter memória que chegue para o ter em memória) -> Descaracterizar os campos -> Gerar o ficheiro novamente...

Mais voltinhas não?

  • Vote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.