Jump to content

Desenvolvimento Android


JDJDJD
 Share

Recommended Posts

Na minha experiência não dá lucro. Mas isso também pode depender do tipo de coisas que fazes. Aquilo que se pode ver é que muita gente que tem Android não tem à vontade para gastar dinheiro em apps. Para além disso, muita gente que utiliza Android não utiliza planos de dados, o que também torna a utilização de publicidade em apps gratuitas muito ineficiente. Isto nota-se bastante se notarem que a maioria das receitas da Google em plataformas móveis não é de sistemas Android, apesar das estatísticas dizeres que existem mais Androids no mercado que outras plataformas.

Para teres lucro com publicidade, para além de teres que conseguir uma adesão bastante grande dos utilizadores, mas também tens que garantir que, para a utilizarem, têm que ter acesso à net. Obviamente que isso implica que tenhas algum tipo de serviço que forneça dados à tua aplicação, o que normalmente implica que tenhas que investir também nos sistemas online.

De qualquer forma, o meu ponto de vista é que desenvolver para Android pode funcionar como hobbie, mas não é suficientemente rentável como negócio exclusivo.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Na minha experiência não dá lucro. Mas isso também pode depender do tipo de coisas que fazes. Aquilo que se pode ver é que muita gente que tem Android não tem à vontade para gastar dinheiro em apps. Para além disso, muita gente que utiliza Android não utiliza planos de dados, o que também torna a utilização de publicidade em apps gratuitas muito ineficiente. Isto nota-se bastante se notarem que a maioria das receitas da Google em plataformas móveis não é de sistemas Android, apesar das estatísticas dizeres que existem mais Androids no mercado que outras plataformas.

Para teres lucro com publicidade, para além de teres que conseguir uma adesão bastante grande dos utilizadores, mas também tens que garantir que, para a utilizarem, têm que ter acesso à net. Obviamente que isso implica que tenhas algum tipo de serviço que forneça dados à tua aplicação, o que normalmente implica que tenhas que investir também nos sistemas online.

De qualquer forma, o meu ponto de vista é que desenvolver para Android pode funcionar como hobbie, mas não é suficientemente rentável como negócio exclusivo.

Podes dar um exemplo mais concreto, e comparar com outra plataforma, por favor...

Se decidir desenvolver para android, na tua opinião que tipo de apps dariam mais resultados, qual seria a melhor estratégia?

Obrigado pela resposta.

Link to comment
Share on other sites

Pah, hoje em dia só existe outra plataforma com um alcance tão grande como o Android. Caso ainda não tenhas descoberto, é o iOS.

Tu tens que pensar é que tens que conseguir convencer o pessoal a comprar a tua app. Ou seja, ou tens qualidade suficiente para conseguires que os utilizadores de Android abram uma excepção e comprem a tua aplicação, ou tentas forçar a que utilizem a internet com regularidade (o que implica que eles o façam nem que seja só pela tua aplicação) para conseguires obter lucros através de publicidade.

Também podes apostar em centenas de pequenas aplicações e esperar que o pequeno retorno de cada uma seja suficientemente bom para sustentar o negócio.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Pah, hoje em dia só existe outra plataforma com um alcance tão grande como o Android. Caso ainda não tenhas descoberto, é o iOS.

Tu tens que pensar é que tens que conseguir convencer o pessoal a comprar a tua app. Ou seja, ou tens qualidade suficiente para conseguires que os utilizadores de Android abram uma excepção e comprem a tua aplicação, ou tentas forçar a que utilizem a internet com regularidade (o que implica que eles o façam nem que seja só pela tua aplicação) para conseguires obter lucros através de publicidade.

Também podes apostar em centenas de pequenas aplicações e esperar que o pequeno retorno de cada uma seja suficientemente bom para sustentar o negócio.

Sim, eu sei que para iOS dá mais lucro, o problema é o dinheiro que se tem de investir para se poder programar (mac, etc). Tu já tiveste muito lucro a programar para iOS, podes falar um bocadinho da tua experiência?

A linguagem de programação que domino é C# + asp.net, e por isso seria mais fácil me adaptar para a programação em java (android) visto serem muito idênticas as linguagens; em termos de tempo que demoraria a aprender para iOS, se calhar seria mais, qual é a tua opinião sobre isso?

Obrigado pela resposta!

Link to comment
Share on other sites

Pah, quando pegas em Android tens que aprender vários conceitos novos que nada têm a haver com Java. Eu já sabendo Java e Objective-C, desenvolvi uma pequena aplicação para streaming de video para iOS em cerca de dois dias e demorei duas semanas a fazer o mesmo para Android.

O saber a linguagem conta praticamente zero (até porque, se for preciso, uma linguagem nova aprende-se na hora). Aliás, tendo em conta que eu comecei a programar em Java antes de tocar em Objective-C, tive uma melhor experiência de iniciação à programação para iOS que a experiência de Android.

As ferramentas para desenvolver para iOS são bastante melhores e o simulador de iOS é muito mais fiável que o emulador de Android. E o Eclipse como IDE recomendado, para mim, é um ponto negativo. Consegui melhor rendimento a desenvolver para Android com um editor de texto com suporte para ctags e linha de comandos que utilizando qualquer IDE. A meu ver, não existe preocupação em integrar bem as ferramentas de desenvolvimento para Android.

Relativamente a ser programação em Java... Java é fácil. Mas isso não faz com que a programação para Android deixe de ser um processo bastante chato.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Devo aqui realçar o mercado de Blackberry. Desenvolver aplicações em Eclipse IDE para a comunidade de utilizadores de smartphones Blackberry pode ser uma boa alternativa a iOS. Há áreas onde há lacunas porque aparentemente os desenvolvedores estão muito focados em Android e iPhone.

Link to comment
Share on other sites

Tendo em conta que a empresa está em crise, praticamente em vias de ser vendidas às peças, não me parece que seja um bom investimento desenvolver para Blackberry.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Não creio que RIM desapareça assim mesmo. Em Outubro de 2011 tinha 70 milhões de utilizadores no mundo. Suponhamos que desenvolvo uma aplicação interessante que vendo por menos de 10€ e 5000 utilizadores adquirem-no. Faço logo 50000€ menos o que tiver que pagar a Paypal ou outra entidade. Sendo aplicação desenvolvida em Java, poderei facilmente uma semelhante para outros smartphones com SO Java.

Eu fiz uma aplicação de controle por bluetooth SPP de um robô 8051 para Nokia e facilmente reutilizei o código em Blackberry. Neste contexto recomendo desenvolvimentos em J2ME Polish para que se utilizem os códigos para os ambientes de OS diferentes.

Edited by Tayeb
Link to comment
Share on other sites

Eu tenho já sigo as notícias financeiras da RIM há uns dois anos e continuo a achar que os resultados não inspiram muita confiança. Ao ritmo a que estão, se não houver uma grande reviravolta, daqui a 1 ano estarão falidos. Não é por existirem 78 milhões de utilizadores (segundo a estatística de Junho deste ano - ou seja, apenas 8 milhões de utilizadores em 9 meses) que faça com que haja imensa confiança na plataforma se tivermos em conta a estabilidade financeira da empresa.

Aqui a questão é, será que a 10€ consegues chegar a 5.000 utilizadores? A aplicação tem qualidade suficiente? Existe público alvo suficiente para essa aplicação? Quanto tempo irá passar até 5.000 pessoas comprarem a aplicação? E os recursos gastos em desenvolvimento e marketing da aplicação? São tudo questões a ter em conta quando se pretende entrar no mercado de aplicações para dispositivos móveis.

A implementação de algoritmos específicos entre várias plataformas não é uma coisa que custe muito. De facto, se a modularização das diferentes componentes for bem feita, portar para outra plataforma não custa muito, mesmo para desenvolvimento nativo com uma linguagem de programação diferente.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

RIM é demasiado apetecível para quem queira investir. É provável que vá mesmo à falência. A curva de conhecimento adquirido em plataforma Java oferece muita vantagem, com recurso por exemplo a Polish J2ME.

Sou recente utilizador de Android e partilho consigo que é muito dificil ganhar dinheiro desenvolvendo aplicações para esse OS.

Tendo como "target" utilizadores que querem ou podem gastar dinheiro não há dúvida que o desenvolvedor terá que pensar em iOS ou basear-se em Java tal como para Blackberry.

Para o profissional Blackberry, as aplicações da RIM oferecem estabilide e interoperabilidade. Eu por exemplo recebo um sms posso com simples clicar reenviar como sms, ou bbm, ou mesmo email ou transformar em tarefa. Com Android nada é linear e a escolha de smartphones é extensa. Posso mesmo enumerar muitas razões porque prefiro Blackberry e o mesmo dirão outros.

Os mesmos argumentos a favor de Blackberry são aplicáveis a iOS. Eu creio que pelo que tenho visto devido a popularidade de iPhone e o excelente marketing da Apple, muitas das aplicações que são lançadas no mercado aparentam ser feitos por desenvolvedores inexperientes. "Olha que fiz uma aplicação em 15 minutos e agora vou lançá-la no mercado" deve ser algo que acontece muito. Este pensamento foi o meu quando fiz uma aplicação instantânea com App Inventor para Android tendo como objectivo controlar o meu robô de testes.

Desenvolver para ganhar dinheiro não é assim tão fácil como eu escreví. Eu tenho um amigo que ganha dinheiro com Blackberry e o comentário dele era que a comunidade de utilizadores é daquelas que é capaz de gastar valores pequenos para uma aplicação útil. No meu Blackberry tenho 4 aplicações que adquiri. E não gasto dinheiro a toa, acredite-me.

Edited by Tayeb
Link to comment
Share on other sites

A RIM não me parece ser de todo apetecível, como investimento. A empresa caiu 95% em 4 anos. No ultimo trimestre apresentou prejuízo de 500 milhões, ficando com menos de 1.5 mil milhões em dinheiro e equivalentes.

A questão do mercado é que, tendo em conta que a RIM apresentou um total de 8 milhões de subscrições em 9 meses, apesar de ter vendido 9 milhões de dispositivos nos últimos 3 meses, significa que há mesmo muita gente está a substituir os BB por outros aparelhos.

O facto de terem voltado a adiar o lançamento do novo OS também não abona a seu favor, e, tal como aconteceu com a Nokia, já começam a haver notícias que especulam que a RIM poderá vir a adoptar o Windows Phone.

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Tenho opinião divergente. Acho que as acções estão demasiado especulativas e que cairäo. Há demasiado hype à volta de iPhone que desvanecerá. Se RIM optar por Windows cometerá suicidio.

O tema é app para Android. Aí estamos de acordo quanto a apostar ou não em investir tempo no

desennvolvimento de apps.

Link to comment
Share on other sites

Agora neste momento estou mais inclinado a aprender a programar para IOS, agora KTachyon gostava que me falasses um pouco sobre o investimento que se tem de fazer...

Eu estava a pensar em comprar um Mac mini que é muito mais barato que o macbook, agora não tenho nenhum equipamento para testar. Apenas para iniciar e tentar gerar algum tipo de lucro com alguma app criada para depois investir em algum tipo de equipamento para testar, achas que daria resultado?

Achas que com apenas um Mac mini conseguiria desenvolver alguma app para lançar na apple store?

Podes-me dizer alguns sites que tu pessoalmente usaste para aprender?

Fiquei agr desempregado por isso estava a pensar investir no desenvolvimento IOS, visto que ja tenho tbm alguma experiencia em programação mas não em IOS...

Obrigado pelas respostas!!!

Abraço

Link to comment
Share on other sites

Eu estava a pensar em comprar um Mac mini que é muito mais barato que o macbook, agora não tenho nenhum equipamento para testar. Apenas para iniciar e tentar gerar algum tipo de lucro com alguma app criada para depois investir em algum tipo de equipamento para testar, achas que daria resultado?

Achas que com apenas um Mac mini conseguiria desenvolver alguma app para lançar na apple store?

O simulador que a Apple fornece é bastante bom (muito melhor que o emulador de Android que vem com o SDK que a Google fornece), mas não é completamente infalível. Eu recomendaria teres, pelo menos, um iPod Touch para fazeres testes.

Podes-me dizer alguns sites que tu pessoalmente usaste para aprender?

Epah, eu já tinha uns 8 anos de Cocoa, pelo que não precisei de muitos recursos para aprender a programar para iOS. Utilizei principalmente o site da Apple que tem a documentação e ainda cheguei a espreitar o CocoaDevCentral (http://cocoadevcentral.com) que tem as bases da programação para Mac OS X.

Mas o que não falta por aí são tutoriais de iOS.

  • Vote 1

“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Link to comment
Share on other sites

Ok, muito obrigado pelas vossas opiniões...

Então isso quer dizer que com um mini mac com um ipodtouch, está tudo ok?

Podiam dar algumas opiniões de que tipo de apps poderia desenvolver e num espaço de um mês com muito tempo disponível o que poderia conseguir fazer?

Link to comment
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.