Jump to content
malainhocf

As falsas promessas dos CMS abertos

Recommended Posts

malainhocf

A culpa da insegurança dos CMS abertos não é deles mas sim dos plugins

Os CMS são inseguros e limitados não só por causa dos plugins

Eles são inseguros por si mesmos. Limitar a insegurança dos CMS

abertos aos Plugins seria faltar com a verdade.

Se os Plugins abrem brechas no sistema é mais uma razão para nunca

se usar CMS abertos. Visto que os Plugins são aquilo que dá alguma vida aos CMS além

daquilo que eles podem fazer.

Os CMS abertos não são limitados

Claro que são. A esmagadora maioria dos utilizadores de CMS abertos não são programadores.

Logo os utilizadores estão limitados ao que os CMS e Plugins podem fazer. Logo são limitados.

Os sites com CMS abertos são melhores do que com código próprio

Errado, visto que os CMS abertos são fáceis de atacar.

Já os sistemas feitos com código próprio ficam mais seguros porque não se

sabe como foi o desenvolvimento dos mesmos. Torna-se muito mais dificil atacar um site

com código próprio.

Os sites de CMS abertos são corrigidos logo que se detecta um problema

Se fosse assim não seria tão fácil atacar um site feito com CMS abertos.

E não seriam tantos os casos de ataques a sites feitos com CMS abertos.

CMS abertos são tão inseguros como sites feitos de raiz

Não é verdade. A probabilidade de atacar um site feito em CMS abertos é muito

maior por causa do próprio CMS aberto ser inseguro, por causa dos Plugins

que geram vulnerabilidades, por utilizadores desqualificados que mal sabem

o que andam a fazer na internet.

Não há problema em utilizar um CMS aberto, adaptando-o as necessidades do cliente

Claro que há problema em usar CMS abertos visto que são inseguros e

limitados. A menos que o cliente queira um problema e não um site.

Muitas vezes esse mau passo leva as empresas a grandes prejuizos financeiros.

Devemos aproveitar os CMS abertos que já existem em vez de fazer um site de raiz

Errado, como podemos usar uma coisa que nos vai prejudicar pela sua limitação

e insegurança ?

É isso que acontece as empresas que tem sites feitos em CMS abertos. Muitas

promessas por parte dos CMS abertos mas depois os problemas começam.

Isso faz lembrar uma droga. Ao principio parece atraente mas depois revela-se

terrivelmente prejudicial.

Com os CMS abertos acontece a mesma coisa.

Muitas promessas e resultados desastrosos.

Com os CMS abertos consegue-se uma grande produtividade

Errado. Quando fazemos um site podemos fazer reutilização de código, podemos

usar Programação Orientada a Objectos.

Com isso, consegue-se atingir a mesma ou até mais produtividade dos CMS abertos.

Por outro lado o que adiantaria tanta produtividade se depois o site estaria

sempre atacado e fora do ar ?

É inutil a produtividade dos CMS abertos.

Porque se perderia tempo a desenvolver algo que já existe ?

Primenro, não é perda de tempo porque o que já existe é limitado e inseguro.

Por isso nunca se deve usar CMS abertos sob hipotse nenhuma.

Para os clientes convem terem um site personalizado conforme as suas

necessidades e não usar algo que ele não precisa.

Pode-se usar um CMS aberto e depois desenvolver o que o cliente precisar

Como se podem construir castelos na areia ? Mais cedo ou mais tarde vem uma

onda e leva o castelo.

Não se pode plantar algo numa terra imprópria para a plantação.

Por outro lado, grande parte dos utilizadores de CMS abertos não são programadores.

Isso é uma promessa enganadora.

Faz-se o site num CMS aberto, se o site for atacado usa-se os backups

Para quê estar sempre a repor os backups. Não seria melhor ter um site seguro ?

E os dados que se podem roubar num site feito em CMS abertos, não contam ?

E com a reposição dos Backups pode haver perda de dados.

Isso também não conta ?

Só por ter um site feito em joomla, o site é mau ?

O site é mau em termos de segurança visto que o CMS é inseguro.

Já para não falar das limitações do mesmo.

Muitos sites de empresas grandes são feitos com CMS abertos

É preciso estar sempre a repor os backups mas e a segurança dos dados

e com a reposição constante dos backups pode ocorrer perdas de dados.

Para além da possibilidade de serem roubados dados dos clientes.

Claro que sites feitos em CMS abertos desactualizados são um perigo, mas é preciso actualizar

O facto de haver site sem actualizações deve-se ao facto de primeiro quem criou os sites

em CMS abertos pouco percebe de internet e por outro lado, os valores envolvidos na proposta

são tão baixos que não dão as empresas actualizações do seu site.

Até nisso os CMS abertos são maus.

Preços absurdos, actualizações inexistentes e prejuizo para os clientes.

Na profissionalweb.net fazemos um acompanhamento dos sites dos nossos clientes

constante com actualizações, monitorizações e relatórios e ações a tomar.

Compreendo que um site feito de raiz com código próprio pode ter vantagens mas os custos são

muito mais baixos usando CMS abertos.

O barato sai caro. De que vale ter um site muito barato se o site está sempre atacado ou fora

do ar ? De que vale o site ser muito barato se as empresas não tem lucros com os sites ?

Essa é mais uma falsa promessa dos CMS abertos.


Cumprimentos

Cesar Oliveira

Desenvolvo websites e aplicações web

http://www.profissionalweb.net

Share this post


Link to post
Share on other sites
softklin

Suponho que tenhas colocado este artigo para discussão. Eu não estou de acordo com algumas coisas que escreveste, e vou apresentar os meus pontos de vista por tópico:

A culpa da insegurança dos CMS abertos não é deles mas sim dos plugins

Os CMS são inseguros e limitados não só por causa dos plugins

Eles são inseguros por si mesmos. Limitar a insegurança dos CMS

abertos aos Plugins seria faltar com a verdade.

Se os Plugins abrem brechas no sistema é mais uma razão para nunca

se usar CMS abertos. Visto que os Plugins são aquilo que dá alguma vida aos CMS além

daquilo que eles podem fazer.

Concordo que os CMS podem ser inseguros com a existência de plugins. Normalmente, os criadores novatos de plugins tem pouco/nenhum cuidado com a segurança. Uma vez que se faz um jogo de abertura vs segurança, é difícil para os programadores do CMS controlarem os plugins para ter a máxima segurança, sem cortar nas possibilidades que o plugin pode fazer (a tal abertura).

Os CMS abertos não são limitados

Claro que são. A esmagadora maioria dos utilizadores de CMS abertos não são programadores.

Logo os utilizadores estão limitados ao que os CMS e Plugins podem fazer. Logo são limitados.

Esta frase para mim não faz sentido. Repara nesta: "Num dado momento, o número de websites existentes na Internet é limitado. Então, a Internet é limitada". O consequente desta afirmação não é verdade, apesar de até poder fazer sentido em lógica, que me parece ser o que fazes nessa afirmação. Todos os CMS (de código aberto ou proprietários) são limitados, todos têm um número finito de funcionalidades. Os plugins são precisamente a solução encontrada para levantar essas limitações. Por isso, se algum dia alguém tiver a necessidade X que ainda não foi implementada, e houver programadores dispostos a programar essa funcionalidade X, o plugin que a implementa vai retirar essa limitação do CMS.

Os sites com CMS abertos são melhores do que com código próprio

Errado, visto que os CMS abertos são fáceis de atacar.

Já os sistemas feitos com código próprio ficam mais seguros porque não se

sabe como foi o desenvolvimento dos mesmos. Torna-se muito mais dificil atacar um site

com código próprio.

Sim, os CMS abertos podem ser alvos preferenciais, porque se conhece o código. Mas os problemas podem também ser revolvidos rapidamente pela comunidade: é sempre um pau de dois bicos.

Até pode ser mais difícil atacar um CMS proprietário, ou melhor dizendo, saber como atacá-lo. Mais isso não implica que seja seguro, porque o CMS proprietário pode ter falhas de segurança que até poderão ser detetadas após longos meses de intrusão no sistema. Este teu argumento é mais ou menos como enterrar uma caixa de madeira debaixo de terra e considerá-la segura, apenas porque não está visível; se alguém estiver realmente à procura dela, pode encontrá-la e abri-la facilmente.

Os sites de CMS abertos são corrigidos logo que se detecta um problema

Se fosse assim não seria tão fácil atacar um site feito com CMS abertos.

E não seriam tantos os casos de ataques a sites feitos com CMS abertos.

Devido à popularidade dos sistemas de código aberto, é normal que haja mais gente a usá-lo, assim como mais gente a atacá-lo. Estamos a comparar um CMS conhecido, que pode ter por base milhões de utilizadores, com o SuperUltraCMS desenvolvido pela XPTOAlojamento, cuja base de clientes podem nem chegar às centenas. É uma exposição menor ao público, que pode levar a menos "ruído" nas notícias.

Com os CMS abertos consegue-se uma grande produtividade

Errado. Quando fazemos um site podemos fazer reutilização de código, podemos

usar Programação Orientada a Objectos.

Com isso, consegue-se atingir a mesma ou até mais produtividade dos CMS abertos.

Por outro lado o que adiantaria tanta produtividade se depois o site estaria

sempre atacado e fora do ar ?

É inutil a produtividade dos CMS abertos.

Porque se perderia tempo a desenvolver algo que já existe ?

Primenro, não é perda de tempo porque o que já existe é limitado e inseguro.

Por isso nunca se deve usar CMS abertos sob hipotse nenhuma.

Para os clientes convem terem um site personalizado conforme as suas

necessidades e não usar algo que ele não precisa.

Um CMS normalmente tem uma base de clientes com problemas muito diversificados: uns querem fazer um site para um clã de seu jogo favorito; outros querem criar uma base de dados de receitas; ainda há quem queira criar a sua própria loja online. Estes 3 objetivos têm pouco ou nada em comum, e por isso um CMS generalista como o Wordpress não consegue resolver na perfeição todos estes problemas. Já um CMS proprietário tem a vantagem de poder ser destinado a poucos clientes, com necessidades em comum (por exemplo, CMS proprietários de empresas de alojamento). Provavelmente, estes últimos irão resolver as necessidades dos clientes, porque foram desenhados para isso à partida. O que não implica que um CMS aberto também não o possa fazer, mesmo sendo generalista (conforme as necessidades do cliente, isso pode exigir que o CMS aberto seja suficientemente flexível para essa tarefa).

Pode-se usar um CMS aberto e depois desenvolver o que o cliente precisar

Como se podem construir castelos na areia ? Mais cedo ou mais tarde vem uma

onda e leva o castelo.

Não se pode plantar algo numa terra imprópria para a plantação.

Por outro lado, grande parte dos utilizadores de CMS abertos não são programadores.

Isso é uma promessa enganadora.

Uma empresa que fez um acordo com o cliente de desenvolver um website de receitas, não vai fornecer ao utilizador um CMS completamente "despido" e dizer "agora faça o favor de desenvolver o resto do site" (pelo menos uma empresa que se importe com os clientes). Claro que grande parte dos utilizadores não são programadores. Mas felizmente os programadores aperceberam-se disso, e grande parte dos CMS já não são restritos a geeks. Um utilizador atento e que tenha noções de informática e dos seus objetivos, consegue pegar num CMS e adaptá-lo (no mínimo aproximadamente) às suas necessidades. Já num CMS proprietário, isso pode exigir contactar os responsáveis pelo alojamento ou procurar na oferta de plugins disponível (quem também pode ser limitada para o que o utilizador quer fazer). Outro problema pode até ser a falta de aprovação de quem desenvolveu o CMS proprietário (sim, existem CMS proprietários que restringem o que o utilizador pode fazer, não por falta de funcionalidades, mas sim por questões de contrato; já nos CMS abertos isso é muito raro acontecer).

Claro que sites feitos em CMS abertos desactualizados são um perigo, mas é preciso actualizar

O facto de haver site sem actualizações deve-se ao facto de primeiro quem criou os sites

em CMS abertos pouco percebe de internet e por outro lado, os valores envolvidos na proposta

são tão baixos que não dão as empresas actualizações do seu site.

Até nisso os CMS abertos são maus.

Preços absurdos, actualizações inexistentes e prejuizo para os clientes.

Na profissionalweb.net fazemos um acompanhamento dos sites dos nossos clientes

constante com actualizações, monitorizações e relatórios e ações a tomar.

Hoje em dia num CMS aberto que tenha um público alvo de grandes dimensões, tem que ter em mente que os utilizadores não percebem nada de programação ou como o CMS funciona. Por isso, muitos fornecem grande abstração sobre a questão das atualizações, avisando o utilizador, através de email ou no próprio painel de controlo, de que existe uma atualização, e quais os motivos/vantagens de atualizar. No entanto, essa comparação que fazes não é justa: estás a comparar um CMS proprietário, com os updates por responsabilidade da empresa (gerido), com um CMS aberto instalado pelo próprio cliente (não gerido). Se um CMS aberto for gerido pela empresa de alojamento que se preze, de certeza que o mesmo é atualizado. Se não o for, a culpa é da empresa por ser negligente e não dos programadores do CMS aberto, que desenvolveram e distribuíram a atualização.

Não respondi a alguns pontos, por não ter opinião ou porque são repetidos de outros que mostraste. Há alguns fatores que não são responsabilidade direta de um CMS aberto, mas sim negligência na sua gestão.


Nick antigo: softclean | Tens um projeto? | Wiki P@P

Ajuda a comunidade! Se encontrares algo de errado, usa a opção "Denunciar" por baixo de cada post.

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado

malainhocf, partes de uma premissa errada para chegar a quase todas as conclusões, de que os ataques são feitos explorando vulnerabilidades encontradas no código fonte. Isso é errado. A esmagadora maioria dos ataques são feitos através de ataques cegos, recorrendo a ferramentas específicas ou truques comuns. É facílimo explorar sql injection de forma cega, por exemplo.

Repara que ninguém me pode acusar de defender CMS públicos, muito longe disso, mas os teus argumentos são todos facilmente rebatíveis, como softklin demonstrou, porque partem dessa premissa errada.

É muito pior um sistema fechado feito por um programador inexperiente, do que uma CMS aberta.


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Rui Carlos

Parece-me que a ideia foi comparar bons CMS "fechados" (com programadores experientes e responsáveis a manter o código e as instalações), com maus CMS abertos (com pessoas inexperientes a manter o código, e utilizadores finais a gerir a instalação), o que diz muito pouco sobre as vantagens e desvantagens de CMS abertos e "fechados".

Share this post


Link to post
Share on other sites
_7_up_

Oh não! Isto outra vez!!

Mas que raio é que deu agora a esta gente para passar a vida a meter entulho deste em todos os fóruns!

Já estão 4 páginas de blah blah blah num tópico copy paste deste no forum do mais tráfego....

Não há paciência...

Um conselho para que faz spam disto em todos os foruns: vão mas é trabalhar

Outro conselho para quem ainda se dá ao trabalho de responder a isto: não percam o vosso tempo...

Share this post


Link to post
Share on other sites
malainhocf

Sendo o Portugal a programar um forum de programadores

Vocês devem estar a perguntar

Mas porque o César Oliveira abriu este tópico

1º Abri este topico para mostrar e avisar as empresas de que os CMS abertos

são inseguros e limitados.

2º Visto que há uma multidão desvairada a fazer sites nos CMS e a vender os

mesmos a 10 euros, os programadores tem que competir com essa multidão

terrivel que prostitui o mercado da venda de sites.

Então, peguei nos argumentos dos utilizadores de CMS abertos e coloquei-os

aqui e mostrei as falsas promessas dos CMS abertos. Com isso, os programadores

podem avisar as empresas e com isso forneço-lhes argumentos contra a

multidão terrivel.

3º Visto que os CMS abertos são inimigos dos programadores então resolvi

criar esta tópico para apelar aos programadores que se juntem no cambate aos

CMS abertos.

Mas cuidado, porque quem os combate é agredido verbalmente.

Este foram os motivos que me levaram a criar este tópico

Os CMS são inseguros com ou sem os Plugins. Arvore fraca dá maus frutos.

Os CMS abertos são limitados porque eles não substituem os programadores.

Se eles não substituem os programadores então são limitados.

E como a esmagadora maioria não são programadores e até pouco ou nada percebem

de sites então ainda mais limitados são.

Os plugins não sustituem a limitação dos programadores porque eles também são

finitos.

Já um programador pode fazer "qualquer coisa"

Logo as empresas não ficam tão limitadas

Eu sei que não existe um unico sistema 100%

Mas os CMS nesse aspecto são muito mais frágeis em termos de segurança

É uma questão de probabilidades.

Se um sistema é muito fácil atacar então não importa tanto se ele é muito

falado.

Se um sistema muito falado fosse muito seguro seria muito mais dificil para

atacar.

Tu achas que alguém que vende o site para o cliente a 100 euros vai se dar ao

trabalho de estar sempre a fazer actualizações do CMS aberto.

Não vai.

O criador do site vai deixar o site na mão do cliente e ele que resolva.

Mjamado, o facto é que os CMS abertos são inseguros e são atacados de diferentes

maneiras.

A premissa não é errada, é facto que eles são facilmente atacados.

É facto que eles são inseguros

É facto que eles são limitados

É facto que eles não substituem os programadores.

Tudo isso é facto.

Rui Carlos, os CMS são todos inseguros e limitados porque eles não substituem

os programadores.

Agora claro que também há CMS fechados de má qualidade

Mas isso é outra questão.

Eu quero comparar os bons CMS fechados com os SUPOSTOS erradamente

bons CMS abertos.

Dai as falsas promessas dos CMS abertos, os "bons" entre aspas porque na

verdade não são bons.

Isto não é spam é uma discução

É um alerta as empresas

é uma proposta para os programadores se defenderem da multidão desvairada

Esse foi o motivo desonesto do mais tráfego para me banir e depois continuar a conversa nas minhas costas.

Isso revela má fé.


Cumprimentos

Cesar Oliveira

Desenvolvo websites e aplicações web

http://www.profissionalweb.net

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado

malainhocf, continuas a bater na mesma tecla, que tanto eu como o softklin já demonstrámos que parte duma premissa errada.

Mas se queres provas irrefutáveis, fazemos assim: atira aí um link de um site feito por ti. Entretanto, para te entreteres, ataca o Wordpress (código fonte aqui) ou os Blogs do Sapo (plataforma LiveJournal, código fonte aqui).


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Rui Carlos

Os CMS são inseguros com ou sem os Plugins. Arvore fraca dá maus frutos.

É tão válido para CMS abertos como para fechados.

Os CMS abertos são limitados porque eles não substituem os programadores.

Se eles não substituem os programadores então são limitados.

Frases sem qualquer sentido lógico.

Adicionalmente, podes contratar programadores para adaptar um CMS aberto às tuas necessidades.

E como a esmagadora maioria não são programadores e até pouco ou nada percebem

de sites então ainda mais limitados são.

A esmagadora maioria?  De quê?

Os plugins não sustituem a limitação dos programadores porque eles também são finitos.

Já um programador pode fazer "qualquer coisa"

Logo as empresas não ficam tão limitadas

As funcionalidades de um CMS fechado também são finitas.

Podes ter um CMS fechado adaptado às tuas necessidades?  Certamente, mas um CMS aberto também tem a particularidade de te permitir contratares um programador para o adaptar às tuas necessidades.

Eu sei que não existe um unico sistema 100%

Mas os CMS nesse aspecto são muito mais frágeis em termos de segurança

É uma questão de probabilidades.

Se um sistema é muito fácil atacar então não importa tanto se ele é muito

falado.

Se um sistema muito falado fosse muito seguro seria muito mais dificil para

atacar.

Mais frases que dizem 0.

Vá lá que pelo menos aqui só falas em CMS (sem distinguir os abertos e fechados).

Tu achas que alguém que vende o site para o cliente a 100 euros vai se dar ao

trabalho de estar sempre a fazer actualizações do CMS aberto.

Não vai.

O criador do site vai deixar o site na mão do cliente e ele que resolva.

O que é que impede alguém de contratar um serviço profissional (possivelmente a custar mais de 100€) de manutenção de um CMS aberto?

Adicionalmente, há CMS em que as actualizações são triviais para um utilizador normal fazer.

Mjamado, o facto é que os CMS abertos são inseguros e são atacados de diferentes

maneiras.

A premissa não é errada, é facto que eles são facilmente atacados.

É facto que eles são inseguros

É facto que eles são limitados

É facto que eles não substituem os programadores.

Tudo isso é facto.

malainhocf, o facto é que os CMS fechados são inseguros e são atacados de diferentes maneiras.

A premissa não é errada, é um facto que os CMS fechados são facilmente atacados.

É facto que os CMS fechados são inseguros.

É facto que os CMS fechados são limitados.

É facto que os CMS fechados não substituem os programadores.

Tudo isso é facto.

(Frases com a mesma validade que as tuas.)

Rui Carlos, os CMS são todos inseguros e limitados porque eles não substituem

os programadores.

Como já referi, podes contratar os programadores que quiseres para trabalhar num CMS aberto (ao contrário do CMS fechado, onde ficas muitas vezes preso a programadores muito pouco competentes).

(Mais uma vez, tenta justificar melhor as tuas afirmações, pois essa do "porque eles não substituem os programadores" tem muito pouco valor lógico.)

Agora claro que também há CMS fechados de má qualidade

Mas isso é outra questão.

Claro que é outra questão.  O que importa mesmo é que também há CMS abertos de má qualidade, os fechados vamos esquecer, pois não dá jeito falar deles.

Eu quero comparar os bons CMS fechados com os SUPOSTOS erradamente

bons CMS abertos.

Dai as falsas promessas dos CMS abertos, os "bons" entre aspas porque na

verdade não são bons.

Não devias comparar com os "SUPOSTOS erradamente bons CMS abertos", mas sim com os bons CMS abertos.

Os "SUPOSTOS erradamente bons CMS abertos" compara-os com os "SUPOSTOS erradamente bons CMS fechados".

Dizer que os que os outros fazem não presta, e que o que nós fazemos é que bom, é muito fácil.  Mas dava jeito ter um pouco de noção do ridículo.  E aproveita para pensar se os CMS que fazes/usas serão bons ou "SUPOSTOS erradamente bons".

Share this post


Link to post
Share on other sites
_7_up_

malainhocf o único facto aqui nesta discussão é tu estás sempre a bater na mesma tecla e não percebes ou não queres perceber o que os outros te dizem. E como nem adianta usar argumentos contigo vamos à prática.

Está aqui neste link um blog da playstation em wordpress:

http://blog.us.playstation.com/

Se me encontrares alguém que consiga atacar com sucesso este blog da playstation e que não consiga atacar um dos teus seguríssimos sites desenvolvidos por um profissional web, eu dou-te logo razão e nem precisas de gastar o teu latim.

E que tal meteres mãos à obra em vez de vires para aqui mandares postas de pescada?

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado
Espero que muita gente caia nessa cantiga e começem a pagar melhor o software feito à medida.

A ideia é essa desde o início. Pessoalmente, também espero que as pessoas me paguem soluções customizadas.

Mas daí a dizer o que ele diz... não é só burrice, é má fé. E ninguém faz negócios com pessoas assim.


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
malainhocf

Claro, vocês usam CMS abertos defendem com unhas e dentes os CMS abertos para ENGANAR as empresas.

A minha publicação aqui é para os programadores de verdade se defenderem da multidão de vigaristas que andam a enganar as empresas.

Empresas não se deixem enganar pelas falsas promessas dos CMS abertos


Cumprimentos

Cesar Oliveira

Desenvolvo websites e aplicações web

http://www.profissionalweb.net

Share this post


Link to post
Share on other sites
taviroquai

@malainhocf

Aposto que se fazes bom desenvolvimento web, acabas por fazer um CMS, e o código para ti é aberto, pronto... virou-se o feitiço contra o feiticeiro...  :D

Agora, pensa assim, como provas que os teus produtos (uma pessoa) são melhores do que aqueles pensados e desenvolvidos por várias pessoas?

Share this post


Link to post
Share on other sites
softklin

Claro, vocês usam CMS abertos defendem com unhas e dentes os CMS abertos para ENGANAR as empresas.

A minha publicação aqui é para os programadores de verdade se defenderem da multidão de vigaristas que andam a enganar as empresas.

Empresas não se deixem enganar pelas falsas promessas dos CMS abertos

Calma, OK? A minha participação neste tópico foi apenas para mostrar que um CMS aberto não é o monstro papão que tu pintas. Eu defendi o CMS aberto nos argumentos em que achei que não tinhas razão. Eu nem sequer trabalho no ramo de desenvolvimento de websites com recurso a CMS, por isso não estou a tentar enganar ninguém, apenas a mostrar o meu ponto de vista. Já tu pegas num monte de nada para chegares às conclusões que tu queres fazer transparecer. Procura mais exemplos, notícias, argumentos mais robustos para justificares algumas afirmações que fazes, principalmente na parte dos CMS abertos serem limitados; juro que ainda não percebi qual a vantagem de um CMS proprietário sobre um aberto neste ponto. A minha opinião é que todos são limitados, simplesmente porque têm funcionalidades finitas. Os plugins são uma forma de tentar resolver esse problema.

Para mim, a melhor opção é ponderar a cada projeto quais as metas do mesmo, e se um CMS aberto ou proprietário será a melhor opção.


Nick antigo: softclean | Tens um projeto? | Wiki P@P

Ajuda a comunidade! Se encontrares algo de errado, usa a opção "Denunciar" por baixo de cada post.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Rui Carlos

Claro, vocês usam CMS abertos defendem com unhas e dentes os CMS abertos para ENGANAR as empresas.

A minha publicação aqui é para os programadores de verdade se defenderem da multidão de vigaristas que andam a enganar as empresas.

Empresas não se deixem enganar pelas falsas promessas dos CMS abertos

Também podíamos ter chegado aqui e dito:

Claro, tu que usas CMS fechados defendes com unhas e dentes os CMS fechados para ENGANAR as empresas.

E que tal se apresentasses argumentos em vez de vires cá mandar bocas?

Eu (e antes de mim, outros) procurei refutar as tuas afirmações.  Está à vontade para refutar os argumentos que apresentei.  A menos que não os tenhas, é claro (nesse caso fica claro quem é que quer enganar as empresas).

Share this post


Link to post
Share on other sites
_7_up_

Lol eu bem avisei para nem perderem o vosso tempo...

Está mais que visto que tu não passas dum boneco que nem um ciclo for sabe fazer e ainda tens a lata de vir para o forum dizer que programadores que são certamente muito melhores do que tu alguma vez serás, fazem afirmações para enganar as empresas.

A verdade é que qualquer CMS, seja ele, aberto, fechado, ou até entre-aberto, é mais seguro do que qualquer coisa que tu possas fazer.

Também é verdade que tu não estás preocupado nem com a classe dos programadores, muito menos com as empresas. A tua preocupação é que qualquer miúdo de 12 anos com um CMS consegue ganhar qualquer projecto a que tu te candidates.

Estas é que são verdades.

Em vez de vires para aqui entulhar o forum que tal investires em formação e voltares quando souberes o que estás a dizer?

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado
Empresas, vejam o que muitos vos tentam esconder

Quase 30 mil blogues feitos com Wordpress infectados

Ora, 30k infectados num universo de 60M de instalações independentes (não contando com a plataforma Wordpress.com): isso dá um track record de 0,05%. Bem bom.

Dos teus quatro sites (sim, quatro, porque um dos clientes já foi pregar para outra freguesia), dois deles foram indecentemente injectados pelo pessoal no mais tráfego, e só não tens mais ataques porque o teu hoster (a Hocnet) tem o mod_security activado. Isso dá um track record de 50%. É só 100 vezes 1000 vezes mais inseguro do que o Wordpress.


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
KTachyon

É só 100 vezes mais inseguro do que o Wordpress.

Correcção: 1000 vezes :)


“There are two ways of constructing a software design: One way is to make it so simple that there are obviously no deficiencies, and the other way is to make it so complicated that there are no obvious deficiencies. The first method is far more difficult.”

-- Tony Hoare

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado

Correcção: 1000 vezes :)

Thanks. Corrigido.  :)


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
yoda

Claro, vocês usam CMS abertos defendem com unhas e dentes os CMS abertos para ENGANAR as empresas.

Nunca na minha vida de programador fiz um site a um cliente com um CMS, nem aberto nem fechado. Obrigado pela apreciação ao meu esforço em avisar as pessoas que soluções à medida do seu negócio funcionam melhor.

You just made my day.

Share this post


Link to post
Share on other sites
shumy

malainhocf também era bom que a referência fosse para um site que não seja teu.


Aqui há coisa de 2 anos fazia umas malhas de croché, depois fartei-me e fui para informática!

Share this post


Link to post
Share on other sites
malainhocf

Mas são quase 30 mil só nesse ataque

E os outros

Todos os sites feitos em Joomla, Wordpress e Drupal são muito inseguros e

limitados sim

Empresas não se deixem enganar

A multidão desvairada usa um layout bonito e enganam as empresas direitinho

As empresas não sabem que o negócio delas está em risco e que os dados

pessoais dos seus clientes também em risco

Cuidado

Não caiam nessa

Os meus sites estão todos no ar

Isso é uma mentira lamentável

Não me surpreendo porque usam os CMS abertos

Bem tentaram atacar o meu site mas não conseguiram

Tentaram drop database, tentaram outras coisas também

e NÃO CONSEGUIRAM

Empresas cuidado com as falsas promessas dos CMS abertos


Cumprimentos

Cesar Oliveira

Desenvolvo websites e aplicações web

http://www.profissionalweb.net

Share this post


Link to post
Share on other sites
mjamado

Não sei o que é pior, se a ignorância, se a teimosia...

Como é que um noob deste calibre consegue enganar quatro clientes (cinco, durante algum tempo - esse ganhou juízo) é algo que me ultrapassa.


"Para desenhar um website, não tenho que saber distinguir server-side de client-side" - um membro do fórum que se auto-intitula webdesigner. Temo pelo futuro da web.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.