Jump to content
herakty

Piratas" já têm submarinos, um negócio global que atinge os mil milhões de euros

Recommended Posts

herakty

acho isto vergonhoso... "Uma “brincadeira de piratinhas” como ironizou um dos investigadores." alemão, claro.. na Alemanha já foi concluído o processo e está provado que houve corrupção, tendo a MAN pago por off-shores subornos a Portas... nessa altura entrou mt dinheiro no CDS.. coincidência... o tribunal alemão diz que não.. com é possível alguém assim ainda falar como político?

O grupo MAN, através da sua subsidiaria Ferrostaal, utilizou um escritório de advogados em Zurique, na Suíça, e contas offshore para pagar subornos no negócio dos dois submarinos portugueses. É esta a conclusão avançada pelos alemães que afirmam num relatório que o consórcio criado para efectuar o negócio com o governo português “adoptou um esquema idêntico” àquele que foi utilizado com sucesso na venda de submarinos à marinha grega.

Facto curioso, os “nossos piratas” são uns merdas que nem subornados sabem ser, vejam bem os portugueses receberam, 1,6 milhões de euros por cabeça e os gregos 10 a 12 milhões pagos individualmente no negocio. Uma “brincadeira de piratinhas” como ironizou um dos investigadores.

Quando ouço Paulo Portas a questionar o Governo acerca de vários assuntos, só tenho pena que não haja ninguém a perguntar-lhe:

- E os submarinos, e os submarinos e os submarinos?

Eu sei que os portugueses esquecem muito rápido e se não andassem tão preocupados com "o dinheiro para a bucha de cada dia", diriam a Paulo Portas que primeiro explicasse o seu comportamento no jornal onde foi director: onde conseguia e como, os documentos oficiais que publicava para atacar o governo. Que explicasse direitinho o negócio dos submarinos e a "coincidência" da entrada de avultada soma nas contas do seu partido. Primeiro que se explique e só depois peça explicações, que não servem para o bem-estar dos portugueses mas sim para enaltecer a sua vaidade política e o seu desejo de poder.

Submarinos: cônsul honorário de Portugal terá recebido suborno

http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/submarinos-alemanha-corrupcao-tvi24/1151397-4071.html

Submarine fraud scandal continues

A edição electrónica da revista alemã Der Spiegel está a avançar que um cônsul honorário de Portugal terá recebido um suborno de 1,6 milhões de euros da Man Ferrostaal. Este dinheiro serviria para ajudar a concretizar a compra de dois submarinos por Portugal em 2004.

A Der Spiegel, segundo cita a agência Lusa, refere que a suspeita de corrupção recai contra a empresa germânica é «maior do que se pensava». A Ferrostaal terá «não apenas pago, ela própria, luvas durante anos, mas também ajudado outras empresas a organizar este tipo de pagamentos».

O German Submarine Consortium ganhou o contrato no valor de 880 milhões de euros referentes à entrega de dois submarinos Tridente em Novembro de 2003. A entrega destes navios a Portugal estará no centro o escândalo de corrupção, de acordo com a revista alemã.

O contrato com o consórcio alemão German Submarine Consortium (que integra a Man Ferrostaal) aconteceu numa altura em que era primeiro-ministro Durão Barrosos e Paulo Portas ocupava o cargo de ministro da Defesa.

A «Der Spiegel» assegura que o cônsul em causa terá «recebido 1,6 milhões de euros em luvas pela sua ajuda» na concretização do negócio, mas o seu nome não é identificado.

Este mesmo diplomata terá sido responsável pela organização de uma reunião entre Durão Barroso e a administração da empresa, em 2002, segundo a revista.

http://www.algarveresident.com/story.asp?ID=34725

Portugal accuses 10 of fraud in submarines case

http://www.reuters.com/article/2009/10/02/portugal-submarines-idUSL257190620091002

teckV

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.