Jump to content
Sign in to follow this  
xploit

Negócio de vendas online

Recommended Posts

xploit

Boas

Estou a ponderar abrir um negócio de vendas online, básicamente teria uma loja online que venderia produtos importados, ou seja tenho os meus fornecedores na China, quando um cliente comprar na minha loja online, eu requisitava o produto ao meu fornecedor na China e o mesmo é enviado de lá(China) para o meu cliente, o processo de funcionamento é exactamente isto, há quem lhe chame o famoso dropshipping, sendo que por exemplo o meu fornecedor vende-me a 50€ um produto e eu na minha loja vou vender a 80€, gostaria de saber todos os parametros legais para funcionar totalmente dentro da lei, não tenciono abrir empresa mas sim colectar-me como ENI, só que não sei a área de actividade que deva escolher nem os encargos da mesma, portanto se tiverem nocções disto gostaria de umas opiniões/ajudas, é de referir que o material que vou vender é a base de telemóveis,portáteis, acessórios de telemóveis, PDAs, Tablet PC entre outros produtos eletrónicos.

Obrigado desde já :P

Share this post


Link to post
Share on other sites
bubulindo

Ou seja, uma espécie de amazon...

Eu não sou de todo especialista nisto, mas tendo em conta que tu nem sequer com alfândegas vais lidar, parece-me que terás apenas de estar registado para poderes passar facturas já que vais ser tu a passar facturas e não a companhia chinesa.

A única coisa que me vem à ideia neste modelo é a possibilidade de só teres first-time buyers. Ou seja, eu compro algo no teu site, tipo o kit de iPhone branco, pago-te 80 euro. A encomenda chega-me a casa com a morada e detalhes da empresa chinesa onde compraste o kit. Eu vou pesquisar na net, descubro que essa empresa até me faria o mesmo a mim por 50 euro...

Bom, eu muito provavelmente iria devolver o produto e comprar na China. Como é que seria a tua política de devoluções?

Eu sei que vais dizer que o teu fornecedor na China só te venderia a ti... mas tendo em conta que os custos de envio estão todos do lado do fornecedor, porque é que eles não podem enviar directamente para um outro cliente? Eu já vi coisas semelhantes funcionarem e, se bem que com produtos muito mais especializados e não virados para o consumidor, resultar em lucros fenomenais mas lá está eram produtos muito especializados e nos quais havia ainda algum valor a ser acrescentado pelo intermediário. No teu caso, as coisas podem falhar drasticamente.

Mas lá está, tendo em conta que o capital incluído inicialmente será em software, espaço na internet e tempo teu, acho que deves tentar porque com lucros desse calibre (não sei quanto pagarás de imposto) certamente que revês o investimento em poucas compras.

Só fico a pensar que produtos chineses serão tão apelativos para que possas cobrar mais 30 euro em 80, que eu não possa encontrar no eBay, por exemplo...

Já agora, o exemplo do kit para o iPhone branco foi um caso real acontecido nos estados unidos em que um descendente de família chinesa através dum primo conseguia capas para iPhone 4 branco. Então colocou-as à venda e conseguiu bom lucro com isso até que alguém (os amigos do Steve) o colocaram em tribunal... e ganharam.

O que estou a tentar alertar é para teres cuidado com o que colocas no site porque podes ter problemas parecidos. Se bem que é Portugal... e a justiça é o que se sabe, mas não é bom arriscar.


include <ai se te avio>

Mãe () {

}

Share this post


Link to post
Share on other sites
xploit

Eu neste momento tenho 3 projectos destes em funcionamento em outros países, já tive a oportunidade de testar com o mercado português e o resultado superou muitissimo a minha expectativa, portanto em relação à questão de lucros e "se vale a pena" não tenho dúvidas, só que pretendo ter este projecto dentro da lei, os fornecedores com que lido praticam preços bastante baixos e já tenho uma relação de alguns anos com eles, o problema prendesse é que os mesmos fornecedores não passam uma factura em condições para que eu possa declarar numa escrita por exemplo.. é este o meu grande problema com este negócio, apenas disponho de recibos paypal e de "proforma invoices", o proforma invoice sei perfeitamente que não dá para entrar numa escrita, mas os recibos paypal sinceramente não sei, se eventualmente desse para delclarar os recibos paypal como despesa e como comprovativo do que comprei seria óptimo e resolveria esse ponto chave que é de elevada importância, relativamente à questão que mencionas, do cliente receber a encomenda com uma factura/recibo do fornecedor, isso não acontece, precisamente porque eu próprio tenho acesso a colocar o que quer que seja dentro da encomenda remotamente, portanto posso perfeitamente enviar a minha factura redigida e enviar por email por exemplo e o meu fornecedor coloca a dentro da encomenda, consolidando assim o cliente e caso a encomenda seja taxada será sempre pelo valor que o cliente pagou à partida na minha loja, mas existe alguma maneira de eu por exemplo passar uma factura de um produto com o seu valor total, ou seja vendi a 200 e passo uma factura de 200€, e não tendo uma prova legal(factura da china válida) do produto que comprei ao fornecedor?

Share this post


Link to post
Share on other sites
bubulindo

Acho que precisas de alguém entendido em finanças e leis...

Parabéns pelo negócio. :P


include <ai se te avio>

Mãe () {

}

Share this post


Link to post
Share on other sites
xploit

Vou consultar um contabilista e um advogado para tratar disto.

Obrigado pela dica :P

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.