Ir para o conteúdo
  • Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #60 da revista programar. Faz já o download aqui!

herakty

Apagar realmente dados - wipe

Mensagens Recomendadas

herakty

a maioria das pessoas acha que formatar ou até o simples delete com shift apaga mesmo um ficheiro... mas na realidade não... o que acontece é que o SO apaga a referencia desse ficheiro na respectiva tabela e esse espaço é considerado vazio e quando for criar um novo ficheiro pode coloca-lo nesse espaço, bastante ir à tabela de alocação... isto é para ser rápido e eficaz e  é tudo o que é preciso para as situações normais..

mas e se quiserem vender um disco ou PC?

e se a houver uma emergência e a vossa namorada entrar de repente para ver algo e precisam imediatamente apagar mesmo os dados sem que ela possa usar um programa de forensis para recuperação de dados, mesmo de drives formatadas ou ficheiros apagados?

e se um dia tiveram uma foto que vos envergonha e querem que nunca na vida essa foto volte a existir?

ou registos de uso? há logs de mts coisas e pode-se ver muita coisa sobre o uso de um PC recorrendo às técnicas de forensis... e se quiserem mesmo, mas mesmo mesmo apagar os dados...  como se destruíssem o disco e comprassem um novo?

a isso chama-se "wipe" e há programas que fazem isso. em vez de alterarem a tabela de alocação vão mesmo percorrer todos os sectores da drive (por isso é lento e por default os SO´s não fazem isso, pois normalmente não é necessário)

The facts about data wiping

Data wiping is the process by which the information on your hard drive is permanently deleted. This goes beyond simply reformatting the drive, and should not be taken lightly. The information on a drive that has been cleared by traditional methods (deleting files or even formatting the drive) can be recovered easily by anyone skilled at data recovery.

Data wiping may seem like a procedure only necessary for government agencies, or big corporations - but it's not. The information on your computers, no matter how innocuous it may seem to you, in the wrong hands, could lead to large-scale identity theft, the loss of industry secrets, or multitude of other frauds.

The procedure itself is done by exposing the drive to alternating magnetic fields which overwrite the original "erased" data with random patterns. The difference between a good wipe, which is 90% unrecoverable, and a DOD wipe is in the number of times the drive is re-written over with random patterns. The more times it is overwritten, the better, but the longer and more costly the process is.

é algo que até também é necessário em certas organizações, como o Exército, Banca, CIA, NSA, etc... devido a esta necessidade de se apagar "VERDADEIRAMENTE OS DADOS SEM HIPÓTESES DE RECUPERAÇÃO" foi criado um standard que está no DoD 5220.22-M que é a norma de definições e comportamentos de segurança dentro do exército, agências, governo e industria que opere com dados classificados (industria do armamento por exemplo)

existe uma agência que é a DDS (Defense Security Service) que têm normas e procedimentos para dados classificados que neste caso é o que queremos

The Defense Security Service (DSS) is an agency of the Department of Defense (DoD) located in Alexandria, Virginia with field offices throughout the United States. The Under Secretary of Defense for Intelligence provides authority, direction and control over DSS. DSS provides the military services, Defense Agencies, 23 federal agencies and approximately 13,000 cleared contractor facilities with security support services.

nesta norma estão definidos os procedimentos mínimos para wipe como por exemplo: (basicamente wipe é isto.. percorrer os sectores todos escrevendo por cima dados "random" diversas vezes com software próprio, ou destruição física que pode ser por magnetismo como nos data centers)

-deve-se percorrer todos os sectores e não só apagar como escrever por cima dados "random" (isto baralha mt a recuperação tornando-a impossivel

- quantas vezes se deve passar por cada sector para se considerar seguro (7 times before it is considered un recoverable)

- etc

este é o documento que reúne tudo como destruir fisicamente documentos classificados, como proteger fisicamente o harware e também como apagar dados de drives com técnicas de "wipe"

Department of Defense Data Wiping Standards

Because of the sensative nature of the information at The Department of Defense, they have set the standard for data wipes. In short, a DOD Wipe complies with their standards, writing over the origional deleted information 7 times before it is considered un recoverable.

DoD 5220.22-M

http://www.dss.mil/isp/odaa/documents/nispom2006-5220.pdf

EXTRA NOTA: a secção Intrusion Detection Systems

e tem cenas curiosas como lol

Section 2.  DOD Critical Nuclear Weapon Design Information (CNWDI)

SOFTWARE PARA WIPE GRATUITO(APAGAR MESMO) WINDOWS

Eraser v6

Welcome to the Eraser Home Page!

Eraser is an advanced security tool for Windows which allows you to completely remove sensitive data from your hard drive by overwriting it several times with carefully selected patterns. Works with Windows 98, ME, NT, 2000, XP, Vista, Windows Server 2003 and Server 2008.

Eraser is Free software and its source code is released under GNU General Public License.

No sourceForge:

http://sourceforge.net/projects/eraser/

Página Oficial:

http://eraser.heidi.ie/

Pesquisa no sourceforge com software para WIPE

http://sourceforge.net/search/?type_of_search=soft&words=erase

WinEraser

WinEraser is a secure data removal tool for Windows, based on the code of the project Eraser. It completely removes sensitive data from your hard drive by overwriting it several times with carefully selected patterns.

http://sourceforge.net/projects/win-eraser/

PARA LINUX

Free Secure (Destructive) File and Disk Deletion Tools

The utilities on this page allow you to destructively wipe / delete / erase a file, a disk (floppy disks, hard disks, etc), or a partition. This is usually accomplished by overwriting the existing data on the disk or file with either random numbers or a series of zeros and ones (or some such bit patterns). The tools are useful if you want to make it difficult for people to recover deleted data from your disk. You could say that these tools are the computer equivalent of a file shredder, an electronic or digital file shredder for files, hard disks, etc.

http://www.thefreecountry.com/security/securedelete.shtml

teckV

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
softklin

Para Windows já usei o Eraser, e por acaso gostava muito dele. Actualmente uso um chamado Ultra Shredder (http://www.topfreewaredownloads.com/system-utilities/ultra-shredder-system-cleaner.php), mas acho-o um bocado lento, mesmo com um número baixo de passagens. Provavelmente vou voltar novamente para o Eraser.

Felizmente, não preciso de recorrer frequentemente à ferramenta.


Nick antigo: softclean | Tens um projeto? | Wiki P@P

Ajuda a comunidade! Se encontrares algo de errado, usa a opção "Denunciar" por baixo de cada post.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pedroserra

Se calhar, digo eu, havendo dados importantíssimos no disco que precisem mesmo de ser apagados por estes processos, a primeira coisa inteligente a fazer era tê-los gravado cifrados de maneira a que o acesso físico não pusesse em causa a segurança da informação. Mas, novamente, isso sou eu que sou paranóico.  :dontgetit:


Ah e tal não sei quê...

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

Boas.

Por acaso ai à tempos tinha estado a falar sobre este assunto com um primo meu.

Como é que eles recuperam os dados ?


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

E já que o pedroserra falou em dados cifrados, tenho dados encriptados no meu disco, vou desencripta-los o que acontece ?

Os dados desencriptados são escritos no disco ?

Os dados desencriptados são escritos na memória ?

E se a memória estiver cheia ?


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
softklin

NCS_One, quanto às perguntas deste último post diria que depende da implementação do software que usas. Acho que ambas as possibilidades são válidas, escrever para o disco ou memória os dados em plano.

Quanto ao recuperar dados, o herakty afirma que apenas é removida a ligação entre o sistema de ficheiros e os próprios dados escritos em disco, mas estes permanecem como se fosse uma zona vazia, e podendo posteriormente ser reescrita por outros dados. O que estes programas tipo Eraser fazem é reescrever essas zonas várias vezes com dados aleatórios, para tornar a recuperação difícil/impossível.

BTW, o Eraser mudou bastante desde a última vez que o usei. Usei-o na altura em que a interface era quase tudo em branco, com uma barra vertical de opções.


Nick antigo: softclean | Tens um projeto? | Wiki P@P

Ajuda a comunidade! Se encontrares algo de errado, usa a opção "Denunciar" por baixo de cada post.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

Sim eu sei que o SO apaga o apontador.

Já ouvi dizer que é possível recuperar dados mesmo tendo sido escrito por cima. Ouvi falar que é possível recuperar até 6 camadas. Não sei a que se refere essas 6 camadas.

Era isto que gostaria de saber como funciona, como conseguem recuperar dados mesmo tendo sido escrito por cima ?


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

Nenhum desses vídeos mostra como o processo é realmente executado.


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
softklin

Encontrei um artigo/video interessante sobre wipe vs formatar:

http://whereismydata.wordpress.com/2009/03/04/forensics-wiping-a-drive/

Embora não tenha muitos conteúdos técnicos, é bom para ter uma noções base. No entanto, não explica como recuperar os dados. Ainda tentei procurar um bcado de teoria sobre o assunto, mas é difícil de encontrar documentos técnicos entre as milhares de soluções pagas de software de recuperação...

Outra hipótese para perceber o funcionamento é olhar para softwares opensource de recuperação de dados (?), e ver partes específicas de código. Acredito que seja um nível bastante baixo de programação, pois tem de ir para além do que o sistema de ficheiros oferece, ou seja, provavelmente implica aceder directamente ao disco.


Nick antigo: softclean | Tens um projeto? | Wiki P@P

Ajuda a comunidade! Se encontrares algo de errado, usa a opção "Denunciar" por baixo de cada post.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
IRX773

Por acaso softclean ... isso pareceu-me o mesmo. Uma linguagem de baixo nível unida com uma de alto nível normalmente dá maior rapidez em programas de muito processamento mas neste caso deve ser o necessário, mesmo. Já agora .... alguém têm por aí um script disso? (que saibam que é isso ... porque abaixo de C só consigo perceber o Pascal (que tá ao lado ;) ))

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

    Boa noite,

    Para tornar a recuperação inviavel é preciso re-escrever por cima dos mesmos sectores um determinado numero de vezes acima do anteriormente mensionado. Uma das melhores formas de "limpar" completamente um disco passa por lhe aplicar formatações intercaladas com escrita de dados random em todos os sectores. Para a "limpeza" ser mais eficiênte convem formatar em formatos diferentes e a baixo nivel "MFM e RLL".

    Normalmente programas capazes de fazer isto são escritos em linguagens de nivel muito baixo, maior parte em Assembly x86.

    Não existe nenhuma formula magica que faça um "wipe" de um disco em segundos, existem conjuntos de formulas que tornam a recuperação de dados inviavel.

    Se não me falha a memória quanto mais dividida estiver a informação e mais diversificada for a forma como ela foi "gravada, lida, apagada, e sobre-escrita", mais dificil se torna a recuperação.

    Bem mais "perigoso" que um disco rigido "standard", são os armazenamentos SSD, ou qualquer outro tipo de memória flash, uma vez que não utilizam o mesmo processo de leitura e escrita de um disco, e são bem mais simples de recuperar.

    Se a ideia é dar "um chá de sumisso" em informação e o disco não tem interesse.... um campo magnetico bastante forte "passa-lhe um bilhete de metro para a lua"... usem a imaginação e o "magnetrom lá de casa". ;)

    Se a ideia é dar "chá de sumisso" mas sem danificar dados, aconselho mesmo a formatar o disco a baixo nivel, escrever, formatar, escrever varias fezes, cada formatação de alto nivel numa filesystem diferente da anterior, e cada nova formatação a baixo nivel mais "profunda" que a anterior...

    Não procurem utilizar softwares já feitos, desenvolvam do zero, pois tudo o que já existe, já foi analizado, e de certeza que alguém já descobriu um padrão de "dano" nos dados, para poder começar a reconstrução.

Cordiais cumprimentos


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pedrotuga

Não é preciso escrever por cima várias vezes, basta uma.

Para apagar dados efectivamente (fisicamente) o que eu faria era formatar o disco ou partição, e de seguida colocar ficheiros do tamanho máximo permitido pelo sistema de ficheiros até encher o disco.

Os ficheiros podem ser feitos de inúmeras maneiras, até ficheiros existentes tipo Filmes (que são de tamanho grande) servem. Uma vez destruidos os dados fisicamente não é preciso andar la a fuçar mais, já não existem.

e se a houver uma emergência e a vossa namorada entrar de repente para ver algo e precisam imediatamente apagar mesmo os dados sem que ela possa usar um programa

:spank:

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

    Boa noite,

    O meu comentário foi para tornar a recuperação inviavel para quem tivesse recursos "mais além", do que o comum dos mortais tem. Se a ideia for eliminar dados apenas para não serem facilmente recuperados, ok qualquer tecnica simples serve.

    Se falarmos em eliminar dados para que quem disponha de recursos forences avançados, estamos a falar num outro nivel de know-how, e meios disponiveis, e nesse aspecto a conversa muda completamente de tom.

Cordiais cumprimentos


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
pedrotuga

    Boa noite,

    O meu comentário foi para tornar a recuperação inviavel para quem tivesse recursos "mais além", do que o comum dos mortais tem. Se a ideia for eliminar dados apenas para não serem facilmente recuperados, ok qualquer tecnica simples serve.

    Se falarmos em eliminar dados para que quem disponha de recursos forences avançados, estamos a falar num outro nivel de know-how, e meios disponiveis, e nesse aspecto a conversa muda completamente de tom.

Cordiais cumprimentos

Ok, agora deixaste-me ainda mais confuso.

Ora vamos lá ver.. Eu tenho dados que quero destruir. Formato o disco, escrevo por cima da sua integra. Os dados que lá estavam já não existem fisicamente. A minha primeira pergunta é: Como é que o que lá estava antes pode ser recuperado se já não existe fisicamente?

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

Corrijam-me se estiver errado.

A 1 está magnetizado a 0 não.

Dados a zero no disco.

  0

  0

  0

  0

  0

Um magnetizado.

  0

  0

  (1)

  0

  0

O 1 é representado por (1) porque o magnetismo vai além da linha de escrita.

Apagar o 1.

  0

  0

  (0)

  0

  0

O 1 foi apagado mas ficou (0) porque na linha de escrita está realmente 0 mas para além da linha ficam vestígios de que naquele local esteve um 1, magnetizado.

Se isto estiver correcto para apagar totalmente o disco bastará coloca-lo todo a 1.

Realmente não consigo encontrar nada sobre o assunto.


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

  Boa tarde,

  Os dados são armazenados em disco magnetico, consequentemente não totalmente digital. Leiam sobre as formatações a baixo nivel. Trocando em "trocos", a recuperação de dados pode ser feita pela analise de campo magnetico residual existente no disco, permitindo apartir de analize estatistica a reconstrução total ou parcial dos ficheiros anteriormente existentes. Custa assim tanto ler os artigos sobre recuperação de dados , e formatos de gravação?

    Bem cada vez mais axo que nos tempos de antigamente a malta esforçava-se mais para saber da "poda".

    Espero ter sido esclarecedor sobre o assunto, de contrario elaboro um post mais detalhado, para que se desmistifique o que é e como é feita a recuperação de dados.

Cordiais cumprimentos


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
NCS_One

Custa assim tanto ler os artigos sobre recuperação de dados , e formatos de gravação?

Provavelmente não leste ou não compreendeste alguns posts anteriores, onde outros e eu referem não ter encontrado nada especifico sobre o assunto, porque se não tinhas colocado alguns links com essa informação.


Se a vida te voltar as costas aproveita e apalpa-lhe o cu.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

    Boas tardes,

    Peço desculpa pela má interpretação dos posts. Abaixo deixo alguns links sobre o funcionamento interno dos discos rigidos, e caso seja relevante pode ser elaborado um post com mais informação sobre como funcionam os discos e a recuperação de dados, uma vez que existe muito pouca informação publica disponivel.

http://computer.howstuffworks.com/hard-disk.htm/printable

http://en.wikipedia.org/wiki/Hard_disk_drive

http://en.wikipedia.org/wiki/Disk_formatting

    Penso que estes links sirvam de principio para o estudo dessa tão interessante àrea que é a recuperação de dados em discos rigidos.

    Como mensionei anteriormente não conheço informação publica disponivel sobre os processos concretos utilizados para a recuperação de dados, mas irei ver se tenho alguns apontamentos e/ou documentação que possa disponibilizar.

Cordiais cumprimentos


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
_7_up_

Eu não quero estar aqui a desmotivar ninguém mas quanto mais esmiuçarem este assunto mais frustrados ficarão.

A confusão do NCS_One é perfeitamente compreensível, um bit ou está a 0 ou a 1, é isso que acontece em todos os dispositivos eléctricos. Com carga eléctrica temos um bit, sem carga eléctrica temos outro. E de maneira nenhuma se descobre o bit que lá esteve anteriormente. Estes dispositivos são usados apenas para armazenamento volátil, porque assim que a corrente falta é impossível recuperar dados.

Nos discos magnéticos temos a grande vantagem de ter os dados armazenados permanentemente, isto porque agora foi armazenado o campo magnético, e aqui nem sequer funciona do tipo: magnetizado (bit a 1); desmagnetizado (bit a 0). Aqui entram variações no fluxo do campo magnético e nem sequer é possível usar padrões seguidos de fluxos contínuos, ou seja, torna-se necessário codificar os bits a armazenar doutra maneira... Por exemplo: guardar séries de bits a 0 adicionando alguns bits a 1 pelo meio. Isto porque como os mecanismos de rotação do disco são mecânicos, qualquer variação mínima na velocidade de rotação do motor provocaria que a cabeça de leitura do disco se perdesse completamente durante a leitura ou escrita. Daí as codificações que alguém já referiu aqui como o RLL e outros.

Para analisar estes campos magnéticos entram os ratos de laboratório, que conseguem recuperar dados de um disco que vocês iam jurar que nunca viram na vida... Agora querer perceber como é o fim. Ou têm um estofo invulgar na área de física ou vão ficar frustrados. Eu não sei como é que isso é feito, e mesmo que chegasse aqui o Einstein e me explicasse eu não iria perceber.

boa sorte na mesma

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

    Boa tarde,

    Um bom exemplo que se pode dar de danos em discos e respectivas recuperações foram as quantidades "abismais" de HDD's dos varios tipos, recuperados nos Groud Zero, que posteriormente foram enviados para "ratos de laboratório", recuperarem a informação neles contida.

      Muita da informação sobre como recuperar informação e como funcionam os mecanismos dos discos rigidos, ou está protegida por algum tipo de patente uma vez que é referente a hardware, ou é informação confidêncial, considerada património empresarial.

      Eu discordo que seja assim tão "impossivel" de perceber, é uma questão de empenho e tempo para dispender com o estudo da matéria. Fui eu quem falou nas codificações MFM e RLL, porque passei pela faze da informática em que isso era conhecido.

    É complexo, um disco rigido não é RAM, mesmo as memórias flash tipo NAND, mesmo depois de apagar informação a mesma pode ser recuperada, mas esse processo é ainda mais complexo.

    De uma maneira geral, e descrevendo levianamente como as coisas funcionam, quando se grava dados num disco rigido, uma pequena porção da superficie do disco é magnetizada por indução. Quando é lido o disco ele lê essa area, agora a codificação pode ser feita de diversas formas, e a gravação / leitura, pode ser feita de diversas formas.

    Quando se apagam os dados no Sistema Operativo, apenas é apagado o apontador, não o campo. O campo magnetico residual fica latente durante uma "quase infinidade de tempo", e é por aí que começa a recuperação dos dados.

    Formas de a evitar... É pah existem centenas, mas a mais eficaz é utilizar um campo magnetico extremamente forte, isto claro apaga a informação mas também inutiliza o disco definitivamente. (não partir o disco ou riscar os pratos que se encontram no inteior, torna a recuperação de dados inviavel). Só existe que eu tenha conhecimento um processo de eliminação de dados para o qual não existe reversão que é o IEM (Impulso Electro-Magnetico). Literalmente "frita" o disco. Agora existem formas engenhosas de causar campos magneticos capazes de inviabilizar a recuperação de dados de um disco, basta estudar fisica e ser desenrascado.

Espero que os links abaixo ajudem os mais havidos de informação a perceber um pouco mais sobre o assunto.

Cordiais cumprimentos

http://www.actionfront.com/whitepaper/Drive-Independent%20Data%20Recovery%20Ver14Alrs.pdf

http://www.ssddfj.org/papers/SSDDFJ_V1_1_Breeuwsma_et_al.pdf

http://www.infosec.jmu.edu/reports/jmu-infosec-tr-2006-002.pdf

http://www.infosecwriters.com/text_resources/pdf/Magnetic_Data_Recovery_JSawyer.pdf

http://people.csail.mit.edu/rinard/paper/sms03.pdf

http://web17.webbpro.de/index.php?page=forensic-deletion-software


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
_7_up_

Já agora, se querem apagar dados de um disco para não serem agarrados pela vossa namorada, o conselho que eu vos dou é este: simplesmente apaguem os ficheiros. Se ela for ágil suficiente para mesmo assim vos caçar, livrem-se dela, é demasiado hábil.

Se não querem ir presos, incinerem o disco. Experimentem nos 1000º e vão aumentando até derreter.

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites
apocsantos

    Boa tarde

    Vá fora de brincadeira e em tom de desafio... gostava de ver se alguém tem uma boa sugestão de como apagar totalmente e de forma irrecuperavel um disco sem danificar a caixa esterior nem quebrar o selo de vacuo :)

P.S.: Estou de acordo com a ideia de se livrar da namorada....

Cordiais cumprimentos


"A paciência é uma das coisas que se aprendeu na era do 48k" O respeito é como a escrita de código, uma vez perdido, dificilmente se retoma o habito"

Partilhar esta mensagem


Ligação para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!

Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.

Entrar Agora

×

Aviso Sobre Cookies

Ao usar este site você aceita os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade. Este site usa cookies para disponibilizar funcionalidades personalizadas. Para mais informações visite esta página.