Jump to content
  • Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #60 da revista programar. Faz já o download aqui!

Sign in to follow this  
Upper

Problema com struct e Files

Recommended Posts

Upper

Boas...tou com um pequeno problema. Quando faço o mostrar o que se encontra na estrutura(depois de ter inserido nela apartir de um ficheiro) so me aparece a ultima linha do ficheiro. O que falta na leitura do ficheiro?

RESERVA tabela_reservas[5000];

void ler_ficheiro(RESERVA *tabela_reservas)
{

FILE *fp;
char ficheiro[NOMES];
int i = 0;
	fprintf(stdout, "Introduza o nome do ficheiro: ");
fscanf(stdin," %s",ficheiro);
fp = fopen(ficheiro,"r");
if(fp == NULL)	
{
	printf(">>Impossivel abrir ficheiro %s!<<\n",ficheiro);
	return;
}
else{
        	while(!feof(fp))
	{
	fscanf(fp, "%d", &tabela_reservas->pass.bi);
	fgets(tabela_reservas->pass.nome, NOMES, fp);
	fscanf(fp, "%s", tabela_reservas->cid_part);

	fscanf(fp, "%s", tabela_reservas->cid_cheg);
	fscanf(fp, "%d", tabela_reservas->dia);

	i++;
	} 


}
printf("\nAberto com sucesso!\n");
fclose(fp);

}

Share this post


Link to post
Share on other sites
mogers

Repara que tens uma variável i, mas a unica coisa que fazes com ela é incrementar e não a usas como indice.

tabela_reservas->cid_part

É equivalente a

tabela_reservas[0].cid_part

Porque o nome de um array serve como apontador para a primeira posição desse array. Ou seja, tu estás sempre a escrever a informação sobre a primeira posição.

Tens de usar

tabela_reservas[i].cid_part

(utilizando a variavel i que já tens, ou um apontador como o tabela_reservas e ir incrementando o apontador em vez de i. A variavel i passaria a ser inutil)

PS: não vejo nada para guardar quantos registos tens. Tem atenção a isso.


"What we do for ourselves dies with us. What we do for others and the world, remains and is immortal.", Albert Pine

Blog pessoal : contém alguns puzzles, algoritmos e problemas para se resolver com programação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Upper
PS: não vejo nada para guardar quantos registos tens. Tem atenção a isso.

Como assim? nao tou a perceber

Share this post


Link to post
Share on other sites
Localhost

O que o mogers estava a dizer basicamente é que tu para guardares dados nas structs tens de colocar o indice, uma variável auxiliar, porque o nome de um array é um ponteiro para o primeiro elemento, se tu não colocares o indice ou modificares o valor da variável auxiliar ele vai estar a guardar sempre na mesma posição (no mesmo array).


here since 2009

Share this post


Link to post
Share on other sites
Localhost

Exacto, colocares uma variável auxiliar para ver em que posição do array de structs estás.


here since 2009

Share this post


Link to post
Share on other sites
mogers

Como assim? nao tou a perceber

Quando sais dessa função de leitura, ficas sem saber quantos registos é que o array tem. Assim, convinha que usasses algum metodo para que a função que chama o ler_ficheiro saiba quantos existem (e.g. a função pode retornar esse número ou usar um parametro que é um apontador para um int e colocas aí a informação).


"What we do for ourselves dies with us. What we do for others and the world, remains and is immortal.", Albert Pine

Blog pessoal : contém alguns puzzles, algoritmos e problemas para se resolver com programação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Upper

tou agora com outro problema: como e que eu faço pra escrever num ficheiro o que se encontras na struct?

int escrever_ficheiro(RESERVA *tabela_reservas)

{                                                                                                                                                                            



FILE *fp;

char ficheiro[NOMES];

int i = 0, n = 0;

char string[NOMES];

	fprintf(stdout, "Introduza o nome do ficheiro: ");

fscanf(stdin," %s",ficheiro);

fp = fopen(ficheiro,"wb");

if(fp == NULL)	

{

	printf("\n>>Impossivel abrir ficheiro %s!<<\n",ficheiro);

	return ZERO;

}

else{

	for(i=0;i<tabela_reservas->num_pass;i++)				

	if(fwrite(tabela_reservas[i].pass.bi,sizeof(tabela_reservas.pass.bi),1,fp)!=1) return ZERO;

            }


fclose(ficheiro);

return ZERO;



}

A minha duvida e: o que meto na parte do sizeof?

EDIT: a tag é code, não quote.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Localhost

No sizeof tens de colocar o tipo da estrutura que definiste quando a criaste. Assim:

struct typeteste {
  int blabla;
};

sizeof(struct typeteste);

Não coloquei toda a sintaxe da função fwrite mas acho que deu para perceber.


here since 2009

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.