Jump to content

raios partam o cliente de SSH do Gnome


pedrotuga
 Share

Recommended Posts

carago...

epa... das cenas mais fixes que o linux tem são clientes ssh/ftp e outros embutidos no navegador de pastas.

Epa... tão não é que aquela porra, quando eu clico num ficheiro de texto num computador remoto, abre-me com o gedit e depois não consigo editar... ora porra... para que serve o cliente então se tenho que ir pela consola na mesma.

com os editores em modo de texto:

não posso usar o rato

não tenho sintax hilight

não posso abrir multiplos ficheiros

bahh.... que treta

Link to comment
Share on other sites

com os editores em modo de texto:

não posso usar o rato

não tenho sintax hilight

não posso abrir multiplos ficheiros

com o vim podes isto tudo :P

Link to comment
Share on other sites

Com o Emacs em X podes usar isso tudo.

Creio que o teu probelma não está no SSH mas sim no editor...

10 REM Generation 48K!
20 INPUT "URL:", A$
30 IF A$(1 TO 4) = "HTTP" THEN PRINT "400 Bad Request": GOTO 50
40 PRINT "404 Not Found"
50 PRINT "./M6 @ Portugal a Programar."

 

Link to comment
Share on other sites

Não o consegues editar?

Olha que se não consegues é porque deves ter falta de permissões ou coisa, assim, porque eu uso o gnome-vfs para editar ficheiros remotamente várias vezes ao dia.

Link to comment
Share on other sites

Não o consegues editar?

Olha que se não consegues é porque deves ter falta de permissões ou coisa, assim, porque eu uso o gnome-vfs para editar ficheiros remotamente várias vezes ao dia.

Carago... toda a gente me diz a mesma coisa...

NAO.... n me estou a esquecer das permissoes... tenho efectivamente permissoes..

epa... pode ser problema do editor... eu uso o gedit... mas de todo nao parece pois o ficheiro abre sem problemas...

falco, como fazes? right click e depois edit?

m6.... tenho que ir pela consola? eh k as vezes da-me mais jeito ter uma listagem dos ficheiros em modo grafico.

Link to comment
Share on other sites

Claro que podes editar! Desde que tenhas permissões para tal e que ele não esteja locked ou mesmo apenas aberto por alguma aplicação.

Todos os dias de trabalho eu e os meus cologas usamos esta feature do Gnome, que é o Gnome Virtual File System para editar ficheiros remotamente. Por isso se alguma coisa se está a passar o problema está entre o teclado e a cadeira.

falco, como fazes? right click e depois edit?

Se o ficheiro tiver a extenção adequada nem preciso de fazer right click., É só dois clicks e ele abre-o no gedit.

com os editores em modo de texto:

não posso usar o rato

não tenho sintax hilight

não posso abrir multiplos ficheiros

Podes sim!

Presisas é de correr o serviço de rato para a consola, que é o GPM. E activar a sintax hilight e aprender a usar editores de texto como o Vim ou o Emacs que te permite editar simultâneamente mais que um ficheiro, alias, até te permite no mesmo ecran veres os dois ficheiros ao mesmo tempo.

Link to comment
Share on other sites

Não! Ele não está a usar nenhum cliente de FTP, ele está a usar Gnome-vfs. Por favor leiam os posts!!!

epa... das cenas mais fixes que o linux tem são clientes ssh/ftp e outros embutidos no navegador de pastas.

o gFTP tem suporte para " Supports the FTP, FTPS (control connection only), HTTP, HTTPS, SSH and FSP protocols "

ele não disse o que está usar...

Link to comment
Share on other sites

Disse pois!!! Disse de forma implicita ao dizer que usa o gedit para editar ficheiros remotamente, ou seja, usa um gedit local, para editar um ficheiro remoto. E isso só é possível fazer com o Gnome-vfs.

Para além disso nos vários posts que se seguem há varias referências ao gnome-vfs.

epa... das cenas mais fixes que o linux tem são clientes ssh/ftp e outros embutidos no navegador de pastas.

Ou seja gnome-vfs!

Link to comment
Share on other sites

pessoal, uso ssh (sftp).

Pa... n posso ouvir a palavra "permissoes", não sou estupido a esse ponto, logicamente foi a primeira coisa que verifiquei. E o problema não está nada entre a cadeira e o teclado.

Andei por aí a pesquisar no google e acho que tenho que montar um filesystem remoto na minha maquina local. Deve ser esse vfs de que falam. Mas nao percebo por que raio é que abrir uma pasta do tipo sftp://servidor.remoto.com/~user/pasta nao faz isso por mim. Pensei que fosse para isso que serviam os ambientes de trabalho graficos...

anyway... obrigado pessoal, paree que a solucao esta mesmo no vfs

Link to comment
Share on other sites

Disse pois!!! Disse de forma implicita ao dizer que usa o gedit para editar ficheiros remotamente, ou seja, usa um gedit local, para editar um ficheiro remoto. E isso só é possível fazer com o Gnome-vfs.

mas se tambem dá com o gFTP  :P

epa... das cenas mais fixes que o linux tem são clientes ssh/ftp e outros embutidos no navegador de pastas.

Ou seja gnome-vfs!

eu compreendi assim:

1-oração -epa... das cenas mais fixes que o linux tem são clientes ssh/ftp 2 -oração- e outros embutidos no navegador de pastas

____________________

Chega de off-topic. Eu usei o Gnome-vfs usando FTP e também nao consegui editar com o gedit. Aquilo abre o gedit, diz em baixo a carregar e depois aparece a tela sem nada . Assim:

7862CapturaEcra.png

A única foram que eu estou a ver que dá e so copiando ficheiro para o Desktop, editar e enviar, mas não é esse o objectivo...

EDIT: abrir imagens é o mesmo. diz ficheiro não encontrado. Mas se copiar para o pc ja dá :bored:

Link to comment
Share on other sites

Com o Gnome-vfs não é preciso montar absolutamente nenhum file system. Alias um dos objectivos e vantagens do Gnome-vfs a comparar com o sshfs, ftpfs e outros é precisamente isso.

Eu uso-o todos os dias sem problemas.

Se tiveres atenção à status bar vais ver que o gedit está a tentar aceder ao ficheiro, mas ainda não o abriu. Não será algum problema de rede?

Já agora não te esqueças de fazer os updates :P

Link to comment
Share on other sites

Confundi-te com o CR_

Eu uso o Gnome-vfs todos os dias para SSH, recentemente também usava com smb. e ftp, e funciona-me sempre perfeitamente, os meus colegas de trabalho também o usam todos os dias.

O que é que acontece quando tentas editar?

Eu consigo editar, posso utilizar o rato, tenho syntax hilitgh e abro multiplos ficheiros... E o Gnome-vfs nunca me deu o mínimo problema.

Este é um forum de programação, sendo um programador já devias ter sido mais espedito a reunir informação para debug, por exemplo faz um trace ao gedit a correr acedendo a um ficheiro remoto.

Qual é a tua topologia de rede? E firewall?

Link to comment
Share on other sites

bem... este ultimo post foi para me chamar burro,lol... mas tambem envergonhado ficava eu se nºao tivesse vontade de aprender.

Ok... os sistemas operativos baseados em unix ainda ocultam muitos mistérios para mim.

qual a minha topologia de rede? epa... desculpa a ignorancia... que raio é que isso quer dizer? O computador está ligado a uma rede ip super-normal.

Os ficheiros aparecem no gedit com sintax highlight mas quando tento editar n me deixa... nem dá sequer para inserir um unico caracter.

epa... eu n posso tar a usar o linux e o windows ao mesmo tempo, e neste momento estou sem connectividade no linux devido a problemas com o hotplug pcmcia ( ha que admitir que o linux ainda n apanhou o windows em termos de compatibilidade ).

já que cá estamos... o que é um trace?

Link to comment
Share on other sites

Não foi para te chamar burro foi para te espevitar na resolução do problema.

Isto não é uma questão de sistemas inspirados em Unix. As técnicas de debug são as mesmas em todos os sistemas operativos.

Já vi que não tens formação em informática.

A rede ser IP ou não, não é topologia.

Básicamente o que quero saber é por onde é que passa o tráfego de rede entre o teu desktop e a máquina onde está o ficheiro que queres editar, está na mesma rede?

O GNU/Linux tem suporte para hotplug PCMCIA, se tás com problemas não é por questões de compatibilidade, o GNU/Linux até suporta muito mais tecnologias que o window$. Mas essa é outra questão.

Neste caso o trace que quero é um system trace (mais tarde logo se vê se preciso de outro). Que em GNU/Linux podes fazer com o strace ("strace -o ficheiro.txt -f -e nome do ficheiro_a_ser_editado -e trace=network comando_com_problemas")

Link to comment
Share on other sites

Não foi para te chamar burro foi para te espevitar na resolução do problema.

Isto não é uma questão de sistemas inspirados em Unix. As técnicas de debug são as mesmas em todos os sistemas operativos.

Já vi que não tens formação em informática.

A rede ser IP ou não, não é topologia.

Básicamente o que quero saber é por onde é que passa o tráfego de rede entre o teu desktop e a máquina onde está o ficheiro que queres editar, está na mesma rede?

O GNU/Linux tem suporte para hotplug PCMCIA, se tás com problemas não é por questões de compatibilidade, o GNU/Linux até suporta muito mais tecnologias que o window$. Mas essa é outra questão.

Neste caso o trace que quero é um system trace (mais tarde logo se vê se preciso de outro). Que em GNU/Linux podes fazer com o strace ("strace -o ficheiro.txt -f -e nome do ficheiro_a_ser_editado -e trace=network comando_com_problemas")

epa.. n leves isto como uma briga uma boca ou qq coisa dessas...

epa.. mas...

desculpa lá não saber o que é um trace a topologia da minha rede ( que ainda estou a espera que me expliques o que é ) pa.... mas neste momento passo 9 horas por dia, fim de semana incluido, a bater código em frente ao pc. Ok... formação irformática... o que quer que seja que isso seja acho que não tenho.

Repito, n leves isto como uma provocacao ou qq coisa do estilo.

epa... agradeço a ajuda e disponibilidade mas neste momento a minha namorada apoderou-se do meu pois o dela é velhinho e n aguentava c o photoshop, flash mx e mais n sei o quê...

daqui por uns dias lá envio o trace para ver se resolvo isso entao... para já vou-me safando com o windows, o winscp e o notepad2

obrigado desde já pela disponibilidade

Link to comment
Share on other sites

desculpa lá não saber o que é um trace a topologia da minha rede

Não foi isso que eu pedi. Pedi duas coisas diferentes. Uma é a topologia de rede, para poder perceber como flui o tráfego entre a tua máquina e a máquina onde está o ficheiro que queres editar e a outra é o trace ao programa, para saber o que é que o programa está a fazer durante a execução.

E já agora recomendo-te um pouco de formação. Porque trabalhar em informática e não saber o que é uma topologia de rede, ou não saber o que é um trace a um programa. É grave! Mas mais grave ainda é não teres pegado em ti e procurado tu mesmo na Internet as respostas.

Link to comment
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
 Share

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.