Ir para o conteúdo
anolsi

Bush bate recordes de informação

Mensagens Recomendadas

anolsi    16
anolsi
A administração do presidente George W. Bush, dos EUA, está a bater todos os recordes no que respeita à quantidade de informação digital criada.

Relativamente ao anterior presidente Bill Clinton, estima-se que a administração de George W. Bush tenha criado 50 vezes mais informação digital. Só o arquivo de e-mails ocupa 24 terabytes (ou 24 mil gigabytes), o que está a levantar algumas preocupações quanto à capacidade de os Arquivos Nacionais guardarem este volume maciço de informação.

De acordo com o New York Times, este organismo, responsável por arquivar e preservar todos os documentos oficiais, já colocou em prática um plano de emergência para lidar com os documentos digitais da administração de Bush. Há dúvidas sobre se o novo sistema informático de 144 milhões de dólares (cerca de 100 milhões de euros) é capaz de lidar com as vastas quantidades de dados que irá receber da actual administração, quando esta abandonar a Casa Branca no próximo dia 20 de Janeiro.

Estima-se que, no total, a administração Bush tenha criado 100 terabytes de informação nestes últimos oito anos, entre e-mails, fotos e outros documentos oficiais, mais ou menos o quíntuplo de toda a informação presente nos 20 milhões de livros que a Biblioteca do Congresso dos EUA possui.

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
black_Day    0
black_Day

"Só o arquivo de e-mails ocupa 24 terabytes (ou 24 mil gigabytes), o que está a levantar algumas preocupações quanto à capacidade de os Arquivos Nacionais guardarem este volume maciço de informação."

:hmm: 24 Terabytes... Nao é la muito dificil de guardar 24 TB. Compram-se 24 Discos Rigidos com 1 TB cada...

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
deathseeker25    6
deathseeker25

Acho que com um orçamento de 100 milhões de euros, 24 Tb é uma quantidade minúscula. Mesmo que fossem 24 mil Tb, continuaria a não ser muito para o orçamento citado, mesmo que este já inclua todos os mecanismos de segurança.  :thumbsup:

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
Triton    12
Triton

"Só o arquivo de e-mails ocupa 24 terabytes (ou 24 mil gigabytes), o que está a levantar algumas preocupações quanto à capacidade de os Arquivos Nacionais guardarem este volume maciço de informação."

:hmm: 24 Terabytes... Nao é la muito dificil de guardar 24 TB. Compram-se 24 Discos Rigidos com 1 TB cada...

Não é assim tão fácil. Depois se um disco avariasse, lá se iam os dados.

Mas também acho que estão a exagerar, 24 TB de informação não é muito hoje em dia. Até eu em minha casa devo ter armazenados uns quantos TB. E não tenho esse orçamento! :thumbsup:

Era interessante saber também se os 24 TB são depois de ser aplicada alguma forma de compressão. Como se tratam de e-mails, provavelmente comprimia muito bem.

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
M6    76
M6

O Data Wharehouse da Amazon tem mais do que isso...

Há uns 2 anos tinha 80TBs, por isso hoje em dia de certeza que tem mais do que isso...

E essa informação não é guardada em disco, usam-se storages para esse tipo de informação.

Muitas vezes há 3 camadas, cada uma com capacidades e características diferentes, por exemplo, a primeira serve para dados vivos, em que a velocidade de leitura e escrita é um must, depois há uma segunda camada que guarda informação cujo acesso é menos requisitado e numa última camada guardam-se os dados históricos.

As políticas de passagem de informação entre camadas depende das necessidades, por exemplo, dados com mais de 3 meses passam para a segunda camada e após 6 meses são arquivados na terceira camada.

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!

Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.

Entrar Agora


×

Aviso Sobre Cookies

Ao usar este site você aceita os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade