Jump to content
  • Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #60 da revista programar. Faz já o download aqui!

Sign in to follow this  
libinha

Dll, classes, livrarias,API???

Recommended Posts

libinha

Eu sou iniciante na linguagem c++ e tenho uma grande duvida em relacao ao seguinte:Qual a diferenca entre dll, livrarias, classes e apis?Posso construir as minhas proprias livrarias?ou APIs?

Obrigada a todos

Share this post


Link to post
Share on other sites
Marfig
Qual a diferenca entre dll, livrarias, classes e apis?

DLL (Dynamic Link Library) é a representação para Windows de uma livraria partilhada. É em termos simples um ficheiro que contém código compilado que serve de suporte às operações efectuadas pela aplicação. Uma DLL normalmente contêm funções e objectos que são chamados pela aplicação quando necessário. Este código poderia estar dentro do executável da aplicação. Mas o autor decidiu fazer a separação -- muitas vezes porque isso reduz o tamanho do executável e permite uma melhor distribuição do seu projecto em modulos.

Uma Livraria é um conjunto de rotinas que juntas proporcionam um serviço a um programa. Uma Livraria como o OpenGL permite escrever código para uma placa gráfica. Uma livraria como o Crypto contêm funções, classes e objectos que permitem desenvolver programas na área de criptografia, Já tu podes escrever a tua própria livraria quando te dedicas por exemplo a criar um conjunto de rotinas para lidar com operações matemáticas avançadas e as escreves de forma a reutilizares o código noutros projectos. A forma como a livraria interage com o teu código está dependente da forma como o seu autor a desenvolveu. Um dos métodos é através de uma DLL.

Classes. Só esperes perceber o que uma classe é quando as começares a estudar e escrever. Qualquer tentativa minha de explicar isto será de outra forma inútil.

API (Application Programming Interface) é um tipo de livraria. No entanto, uma API não fornece apenas o código necessário á realização de tarefas (embora muitas vezes também o possa fazer). Uma API fornece um interface, um modelo que o programador tem de seguir para comunicar com um serviço ou aplicação. Tu escreves uma API quando crias o código necessário para que outro programa ou serviço possa ser acedido por outro programa ou serviço desenvolvido por ti ou outra pessoa qualquer.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Triton

Só queria acrescentar que quando pedes ao compilador para compilar uma biblioteca (o que chamaram de livraria) podes optar por uma biblioteca estática ou uma biblioteca dinâmica (uma .dll em Windows). A diferença ocorre no momento de "linkagem" (occore logo depois da compilação) do programa. Quando dizes ao compilador que queres usar uma biblioteca estática, ele no fim vai juntar essa biblioteca ao teu programa, e só necessitas de distribuir o executável. Caso uses uma biblioteca dinâmica, então o compilador vai ligar o teu executável ao ficheiro .dll, sendo necessário distribuir ambos para o programa funcionar.

Caso não tenhas percebido alguma coisa, diz.


<3 life

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

×

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.