Jump to content

Revista PROGRAMAR

  • entries
    201
  • comments
    0
  • views
    143,276

Contributors to this blog

  • staff 153
  • jpaulino 17
  • anolsi 16
  • apocsantos 6
  • Rui Carlos 4
  • Hipnoted 2
  • HecKel 1
  • pedrotuga 1
  • _JR_ 1

Node.js – Construção de Aplicações Web

Sign in to follow this  
staff

659 views

Olá a todos, esta é a primeira vez que faço uma review para a revista Programar, queria desde já agradecer ao António Santos e à FCA pela oportunidade e pelo envio do livro.

Quem me conhece, sabe que dou preferência a um livro impresso aos digitais, apesar de ser um aficionado das tecnologias, a leitura de um livro fisico traz-me um conforto e uma concentração que não consigo nos electrónicos.

O livro Node.js não poderia ter chegado em melhor altura, pois neste momento estou a dedicar mais atenção a esta bela plataforma, que quando aplicada correctamente pode ser uma melhor opção a outras de maior porte, por exemplo o Java EE ou .Net.

Começando pela capa do livro, o leitor mais atento vai verificar que o autor trata as bibliotecas de código como livrarias, bem… para um programador livrarias é um sitio onde compramos livros, já bibliotecas no contexto informático, são boas composições de código que nós facilitam a vida no desenvolvimento de novas aplicações, no entanto é um mero clichê.

Iniciando a leitura do livro começamos com um belo resumo dos excelentes 8 capítulos que compõem o livro, deixando qualquer leitor entusiasmado para ler na totalidade. O termo livrarias parece ter desaparecido nas primeiras páginas, sendo agora tratado pelo termo correcto bibliotecas, mas… aparentemente foi falso alarme já que o autor utiliza tanto um termo como outro ao longo do livro. Esquecendo o termo livrarias, viro o foco para plataforma Node.js, aqui o autor consegue passar perfeitamente a mensagem utilizando poucas palavras e descomplicando o assunto.

No primeiro capítulo a autor justifica o porquê do Node.js, explica a arquitectura assíncrona de eventos, já que esta é uma das grandes potencialidades no Node.js.

De seguida, ainda no capítulo 1 mostra como configurar o ambiente de desenvolvimento, aqui o autor utiliza uma maquina Windows para exemplificar passo a passo a configuração. Ambientes em Mac OS ou Linux não são tratados neste livro, algo que me deixou um pouco desiludido.

No capítulo 2 as coisas começam a ficar interessantes, aqui o módulo Express é explicado detalhadamente e com exemplos, este módulo permite ao programador definir rotas e componentes middleware. Este é um óptimo capitulo para ficar com boas bases para criar uma aplicação baseada na arquitectura MVC (Model-View-Controller).

O capítulo 3 vem falar sobre motores de templates, nomeadamente o Jade e Vash. O autor explica com mais detalhe o Jade e um pouco mais sucintamente o Vash. Aconselha também ao leitor a utilizar o Jade. No entanto se já efetuou alguma pesquisa sobre motores de templates ou se está a começou a usar, deve ter especial atenção que o motor Jade passou agora a chamar-se Pug, o autor não faz referência a isso como é normal, pois o livro começou a ser escrito em 2015 e a alteração de nome de Jade para Pug é muito recente. De qualquer forma tudo o que é descrito no livro funciona perfeitamente e mesmo que o leitor tente instalar o Jade o repositório NPM sabe apontar para o módulo correcto.

Para aqueles que adoram criar interfaces espectaculares, então o capítulo 4 é o indicado.

Aqui o autor explica muito detalhadamente como melhorar a nossa aplicação e aumentar a rapidez com que desenvolvemos. Utilitários como Bootstrap, Bower e Grunt são muito importantes para quem vai desenvolver ou desenvolve aplicações Node.js no seu dia a dia.

O Bootstrap permite ao programador criar uma interface que responda bem em qualquer tamanho de ecrã, seja um iMac de 27 polegadas ou um smartphone. O Bower permite gerir bibliotecas otimizando as dependências comuns entre elas, já o Grunt faz com que tarefas rotineiras sejam realizadas automaticamente. Se o leitor ainda não é um expert, não tem de ter receio porque tudo é explicado passo a passo com uma linguagem muito simples.

Temas sobre bases de dados e Single Page Applications são tratados nos capítulos 5 e 6. Para os aficionados do NoSQL o autor explica como utilizar o MongoDB em aplicações Node.js, mas também não deixa de lado as bases de dados relacionais, e explica também mais sucintamente como as utilizar, sendo que é com bases de dados NoSQL que o Node.js se sente como peixe na água afirma o autor.

Chegando quase ao fim do livro temos o capítulo 7, nos dias que correm este tema não deve ser deixado ao acaso. Nele o autor fala sobre como proteger as aplicações com autenticação e limitar acesso a funcionalidades com base numa autorização. Para o efeito é utilizado o módulo Passport que em conjunto com o módulo Express já conhecido do capítulo 2, tornam as coisas muito simples para o programador.

Por fim o capítulo 8 é dedicado a tecnologias gerais, nomeadamente criptografia, sockets, gestão de buffers e acesso ao sistema de ficheiros. Como leitor e programador recomendo muito este último capítulo, já que nos dá uma ideia do que existe para criarmos aplicações profissionais e robustas.

Com isto deixo os meus parabéns ao Eng. Luís Abreu autor deste excelente livro, não só pela escrita directa e clara, mas também pela segurança e certeza com que aborda os temas deste livro, dando sempre o seu parecer com base na sua vasta experiência.

Recomendo este livro tanto para quem quer iniciar a programação na plataforma Node.js, e para quem quer ter um bom livro de consulta ao lado do teclado.

Obrigado FCA pela publicação e António Santos pelo envio :).

Aguardo pelo proximo :)


Sign in to follow this  


0 Comments


Recommended Comments

There are no comments to display.

×
×
  • Create New...

Important Information

By using this site you accept our Terms of Use and Privacy Policy. We have placed cookies on your device to help make this website better. You can adjust your cookie settings, otherwise we'll assume you're okay to continue.