• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Ridelight

"BBC" e YouTube fazem aliança para divulgar conteúdos pela internet

4 mensagens neste tópico

A "BBC" e o site de vídeos YouTube, de propriedade da Google, anunciaram hoje uma aliança para oferecer aos internautas do mundo todo conteúdos da rede britânica.

O diretor-geral da "BBC", Mark Thompson, disse hoje que a associação "é uma fantástica notícia para o público", já que o YouTube é uma "entrada-chave" para conseguir novos espectadores tanto no Reino Unido como no resto do mundo.

O presidente e executivo-chefe do YouTube, Eric Schmidt, expressou em comunicado conjunto sua satisfação por "unir suas forças com a 'BBC'", a fim de oferecer às pessoas que navegam pela internet "a melhor programação televisiva disponível".

A Google está interessada em desenvolver projetos semelhantes em outros países europeus, disse o responsável de conteúdos de vídeos da Google na Europa, Oriente Médio e África, Patrick Walker.

A aliança anunciada hoje, que não terá caráter exclusivo e ficará em vigor por vários anos, permitirá a criação de canais da "BBC" no You Tube, um de notícias e outros dois de entretenimento.

Assim, os internautas poderão encontrar a partir de hoje no YouTube conteúdos de programas de espetáculos da "BBC", de algumas de suas séries mais populares, como "Doctor Who" ou "Life on Mars", e dos famosos documentários apresentados pelo naturalista David Attenborough.

Além disso, o You Tube oferecerá diariamente 30 clipes de notícias ocorridas no mundo.

Os internautas poderão fazer comentários sobre esses conteúdos, dar notas, recomendá-los a seus amigos e colocar seu próprio vídeo para comunicar-se com a "BBC" ou outros usuários.

"Esta aliança nos proporciona tanto um mercado criativo para uma gama de conteúdos de formato curto dos produtores de programas da "BBC" como uma oportunidade de aprender sobre os novos comportamentos do público", acrescentou Thompson no comunicado.

Segundo o diretor-geral da "BBC", "é essencial" que a rede britânica adote novas formas de chegar a públicos mais amplos com acordos não exclusivos como estes.

Graças às plataformas de publicidade da Google e do YouTube, a "BBC" conseguirá também novas receitas para investir na criação e no desenvolvimento de novos programas.

Em outubro, a Google adquiriu o You Tube pelo valor US$ 1,65 bilhão.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Já metiam lá os seus documentários sobre o Universo...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora