• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

karva

Procura de filmes em DVD supera VHS em Portugal

1 mensagem neste tópico

O número de indivíduos que optou por adquirir filmes em DVD aumentou 10 por cento no ano passado, face ao valor registado em 2004. No total 2,3 milhões de residentes em Portugal Continental, com mais de 14 anos, optaram por este formato em detrimento do formato VHS, o que corresponde a 27,9 por cento do universo inquirido, revelam os dados da edição de 2005 do estudo Consumidor da Marktest.

O mesmo estudo mostra ainda que o número de compradores de DVD é três vezes superior ao número de utilizadores que adquiriram filmes em VHS (8 por cento).

Os dados compilados pela empresa de estudos de mercado indicam que cerca de 49,5 por cento dos indivíduos com idades entre os 15 e os 17 anos adquiriram filmes em formato DVD, seguindo-se dos utilizadores situados nos escalões etários 18/24 anos (46 por cento) e 25/34 anos (42,3 por cento). Os valores publicados pela Marktest demonstram ainda que os indivíduos com mais de 64 anos foram os que menos adquiriram filmes neste formato (5,3 por cento).

Na distribuição por localização geográfica foi a Grande Lisboa que se destacou dos restantes pontos do país, com 38,4 por cento dos inquiridos a afirmarem ser compradores de filmes de DVD. O Grande Porto e o Litoral Centro ocupam o segundo e o terceiro lugar da tabela com, respectivamente, 32,1 e 29,7 por cento de respostas afirmativas.

É na variável referente à profissão dos inquiridos que se observam as maiores diferenças de consumo deste formato de vídeo, com os valores da Marktest a apontarem que 57,6 por cento dos indivíduos são estudantes ou exercem ocupações como quadros médios e superiores ou são trabalhadores qualificados.

O Consumidor de 2005 diz ainda que a compra de filmes em DVD faz parte da realidade de 45,2 por cento dos consumidores pertencentes à classe alta e de 35,6 por cento do escalão médio, face a apenas 11,3 por cento junto da classe baixa.

Fonte

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora