• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Ridelight

Microsoft cria unidade centralizada para vender publicidade online

3 mensagens neste tópico

Nova unidade vai canalizar esforços de vendas de publicidade online do MSN e de outras iniciativas, como Xbox Live e Windows Live.

Em um movimento para tornar mais fácil para os clientes comprarem publicidade da Microsoft, a companhia anunciou uma organização que alinha todos os esforços de vendas online, pesquisa e planejamento.

A Digital Advertising Solutions, que ficará subordinada a Kevin Johnson, responsável pela divisão de plataformas e serviços, será um grupo para resolver todas as necessidades publicitárias dos clientes da Microsoft, informou Eric Hadley, gerente geral global de marketing da empresa.

A organização será responsável pelos funcionários da MSN que vendem publicidade, bem como outros envolvidos com estratégias publicitárias de outras divisões da Microsoft.

Até agora, o MSN era o único lugar que a Microsoft oferecia publicidade. Mas ao longo dos últimos 18 meses, a empresa construiu um portfólio de produtos que podem oferecer publicidade, como o Xbox Live, o Windows Live e o Office Live.

“Publicidade é agora um aspecto central dos ativos da companhia”, afirmou Hadley.

O CEO da Microsoft, Steve Ballmer, expressou sua intenção de competir com Google e Yahoo no mercado de publicidade online.

A Microsoft disse que vai gastar 500 milhões em seu ano fiscal atual em expandir seus negócios online, com grande foco em aumentar as receitas de publicidade online.

A plataforma de links patrocinados, chamada de adCenter, terá um papel importante nos esforços da Microsoft, declarou Hadley.

A adCenter, que é a plataforma de links patrocinados da Microsoft, já foi lançado nos Estados Unidos, França e Cingapura. No futuro, vai permitir que os clientes comprem publicidade por todas as propriedades web da Microsoft.

Elizabeth Montalbano é editora do IDG News Service, em Nova York.

Fonte: IDG NOW

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Basta ver como vai correr o negócio... :D

500 milhões de dólares neste projecto e aposto que não vai conseguir bater o Google. É como eu digo: a Microsoft em vez de inovar neste mercado está a perseguir mercados conquistados por gigantes. Não acredito muito no sucesso desta campanha, mas a ver vamos. ;)

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora