• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

teckV

Preparar discos em Linux

6 mensagens neste tópico

sem duvida que uma das dificuldades encontradas por muitos "novatos" em Linux é a preparação de Discos rigidos para serem usados pelo sistema...

com o desenvolvimento do conceito windows em que se faz tudo praticamente por Wizards (assistentes) muitos ficam sem perceber o que realmente se passa e quando entramos no mundo Linuxisto torna-se um problema...

como é que sem um editor gráfico de partições/sistemas de ficheirospodemos manipular pela consola a criação de partições e sistemas de ficheiros em Linux...

depois de me ter sido colocada essa questãoresolvi criar um topico sobre isso...

isto vai fazer lembrar aos mais velhos a forma de administrar discos/partições nos velhos tempos do MS-DOS... mas para não variar as coisas em Linux são um pouco mais complexas... para mim a diferença é que em Linux temos mesmo de perceber os mecanismos "internos"o que para mim é optimo...

vou depois mostrar a instalação do BlackTrack (liveCD) no topico que seguirá este... o BlackTrack é normalmente usado como livecdsem ser instalado no disco... mas para se tirar o maior proveito deve-se instalar em discopara manter a pesonalizaçãopara guardar files de resultadospara se criar as proprias password listsetc...

mas quando se corre o BlackTrack não se fica com o disco pronto.. é preciso preparar os discos para se poder instalar o blacktrack.... o procedimento é o mesmo para qualquer situação em Linux e vai desde a criação das partições até ao formatar do sistema de ficheiros ext3...

em linux os equipamentos (devices) sãocomo tudo o restoficheiros... se olharem no directorio /dev do vosso linux vão ver todos os perifericos/equipamentos/hardware disponivel no vosso PC...

os discos rigidos são denominados pela nomenclatura hd*.... hda para o disco IDE1, hdb para o disco IDE2 e assim sucessivamente...

ver os discos disponiveis...

cd /dev
ls -la | grep hd

vai vos aparecer uma listagem dos varios discos e das respectivas partições

hda1 é a partição 1 do disco A (se existir claro)

hda2 é a partição 2 do disco A (se existir claro)

hdb1 é a partição 1 do disco B (se existir claro)

etc

é necessário varias coisas para se poder usar um disco novo em Linux...

  • criar as partições
  • criar o sistema de ficheiros/formatar (normalmente para o tipo ext3)
  • montar a partição (para se poder aceder à mesma

para editar as aprtições em Linux usa-se o utilitario "fdisk"... chama-se na consola (linha de comandos) e passa-se como parametro o disco em causa

#fdisk /dev/hda

para verem a tabela de partição actual primem "p"

para criar uma nova partição primem "n"

depois escolhem se é primaria - primem "p"

depois escolhem o numero da partição - primem "1"

depois escolhem o primeiro cilindro - primem "enter" para aceitar o default

depois escolhem o tamanho segundo a nomenclatura apresentada "+300M"  - neste caso fica com 300 MBytes

como fica num Linux real:

Command (m for help): n
Command action
   e   extended
   p   primary partition (1-4)
p
Partition number (1-4): 1
First cylinder (1-621default 1):<RETURN>
Using default value 1
Last cylinder or +size or +sizeM or +sizeK (1-621default 621): +384M

repetem os paços para criarem as partições que desejem

depois alterem as partições segundo necessário... vou mostrar como se torna uma partição bootable (boot/arranque)

escolhem a opção "a" para tornar boot e depois escolhem o numero da partição.. no caso a 1

assim:

Command (m for help): a
Partition number (1-4): 1

e se precisarem tornar uma partição na partição "swap" usem a opção "t" e escolham o numero partição

de seguida é necessário introduzir o codigo para "swap" que é o 82

assim:

Command (m for help): t
Partition number (1-4): 2
Hex code (type L to list codes): 82
Changed system type of partition 2 to 82 (Linux swap)      
Command (m for help): p

agora é necessário guardar as alterações para que sejam realmente aplicadas ao disco rigido...

selecionem a opção "w"

ele grava e sai do fdisk

agora já têm o disco particionado e pronto a que se criei o sistema de ficheiros...

para isso usa-se em Linux o comando "mke2fs" e passa-se a partção... se for a 1 do disco A é hda1

usa-se a opção -j para criar o sistema tipo "extended journal" ext3

isto é como o comando "format" em MS-DOS/windows

#mke2fs -j /dev/hda1 

ficam com o disco particionado e formatado/preparado... só falta montar a partição... algo que não é necessário em windows mas é em Linux... como sempre é bastante simples...

ahh.... primeiro é preciso criar o local onde se vai montar... o mount point... os discos montam-se no directorio "/mnt"... para tal cria-se um novo directorio dentro do /mnt

se quiserem montar a partição 1 so disco A criem o directorio hda1 dentro do mnt

#mkdir /mnt/hda1

e agora monta-se

#mount -t ext3 /dev/hda1 /mnt/hda1

isto diz para se montar a partição 1 do disco A "/etc/hda1" no mount point "/mnt/hda1"

e agora se forem ao /mnt/hda1 vão encontrar a patição pronta a usar... podem editar nela os ficheiros que queiram

simples e muito util...

vou depois mostrar como se instala o blacktrack...

teckV

horus herakty - on the run

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Exactamente, não se esqueçam é que se quiserem instalar o BackTrack em vmware têm de definir algumas opções aquando da criação do disco virtual, que até as podia explicar, mas está tudo aqui:

http://www.remote-exploit.org/index.php/Backtrack_FAQ_Install2VM

Por acaso no backtrack tive de montar primeiro a drive e só depois criei o sistema de ficheiros, mas em gentoo por exemplo já fiz exactamente como o TeckV disse.... enfim...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

para instalar o Blacktrack em portugues e com explicação personalizada...    :P

mas vamos começar do inicio....

eu pessoalmente  tenho instalado o Blacktrack em vmware sem necessidades especiais....

descarreguem o ficheiro ISO do BlackTrack.... um ISO é um ficheiro no formato dos DVD´s e CD´s.... podem gravar o ISO para DVD ou usa-lo como DVD virtual no vmware...

Download ISO BlackTrack

criam um maquina virtual tipo linux e adicionam um Disco IDE de 4 Gigas... o tamanho é ao vosso gosto... pelo menos 3 Gigas para o BlackTrack e rezervem espaço para os vossos documentos...

nas propriedades da maquina virtual que criaram seleccionam o leitor de CD-Rom... no lado direito nas propriedades do leitor de CD-Rom encontram variass configurações e uma delas diz "USE ISO image"... isto faz com que usem uma imagem ISO (imagem de CD/DVD) como se fosse um CD no leitor virtual do vmware...

selecioanam o ISO que descarregaram do BlackTrack na opção "USE ISO image"...

quando fizerem boot da maquina virtual vai iniciar o boot da imagem, iniciando o BlackTrack... se não fizer boot do CD é preciso configurar a BIOS virtual... ao iniciar a maquina virtual pressionam F2 e configuram o boot por CD...

iniciam o blacktrack normalmente...

o blacktrack inicia o SLAX Linux e fica na consola - linha de comandos - prompt

fazem o login normal com o user "root" e password "toor"

configuram o X com o comando "xconf"

#xconf

e iniciam o X com o comando "startX"

#startx

isto vai inicia o GUI (interface grafico X)  do Linux... neste caso usa o sistema de janelas KDE

depois de inciado o ambiente grafico KDE ficam com o BlackTrack disponivel para trabalhar.. usa como base a distro SLAX e têm os utilitários de segurança mas usados...

para instalarem no disco para poderem gurdar configurações e ficheiros pessoais preparem os discos como disse em cima...

depois vão ao menu do KDE e escolhem SYSTEM > BackTrack Installer

na janela escolhem o local para instalar, a partição que acabaram de preparar, na opção "Install BackTrack to"

escolhem a forma, se Live ou Real... na opção real fica todo em disco como uma distro normal de Linux...

seleccionem "Install" e esperem..

se tudo correu bem ficam com a instalação do BackTrack em disco e podem usar como um Linux normal mais todas as ferramentas disponiveis no BackTrack...

tenho me estado a converter ao BackTrack apesar de tambem ainda usar o Auditor...  :D

teckV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

acho que este topico vai ajudar varias pessoas, a se iniciar no linux,( nao recomendo para iniciaçai em ambiente linux, optem para uma distribiuçao mais popular tipo ubuntu).. mas bom post

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Está um bom tutorial sim, mas já está um pouco desactualizado, na parte do hdx.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora