• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

herakty

9 em cada 10 considera corrupção um «grande problema»

20 mensagens neste tópico

Nove em cada 10 portugueses consideram a corrupção um grande problema do país e a maioria aponta a classe política como aquela em que o fenómeno estará mais enraizado, revela um inquérito divulgado pela Comissão Europeia esta quarta-feira, refere a Lusa.

O «Eurobarómetro» sobre «as atitudes dos europeus face à corrupção», publicado no Dia Internacional Contra a Corrupção, mostra que 93 por cento dos portugueses concordam que aquele crime é um «grande problema» do país, o sétimo valor mais elevado da União Europeia, a par da Roménia, e 15 pontos percentuais acima da média comunitária (78%).

Todavia, Portugal é um dos poucos Estados-membros onde, ainda assim, a percepção da corrupção diminuiu ligeiramente relativamente à anterior consulta, há dois anos, já que, em 2007, a corrupção era considerada um grande problema por 95% dos portugueses inquiridos.

Portugueses acreditam que há corrupção em todas as

instituições

Nove em cada 10 por portugueses acreditam que existe corrupção tanto nas instituições nacionais (91 por cento), como nas instituições locais (89) e nas instituições regionais (88), valores, em todos casos, superiores à média da UE (respectivamente 83, 81 e 81 por cento).

Questionados sobre os círculos onde julgam existir mais situações de subornos e abuso de poder, os portugueses apontam em primeiro lugar os «políticos ao nível nacional» (64%), seguindo-se os políticos ao nível local (58%) e regional (57), e só depois várias classes profissionais.

é só mais post este sobre o assunto e vou me reformar para a area da segurança :=

aqui no P@P onde supostamente deveriam estar os "hactivos" é curioso serem os 1´s em 10 que acham que a corrupção é uma alucinação do teckV e outros :D

mas felizmente os restantes portugueses estão a acordar e já deram o 1º passo para a solução...perceber o que se passa... agora é a fase 2

lamento que voçes estejam fora e que acreditem que o que se vive hoje é o correcto e não é possivel fazer melhor. qd eu achava que seria aqui que entenderiam não só o problema como teriam soluções...

a informática será um dos grandes trunfos no combate à corrupção... em mts frentes. um programa não é susceptivel de ser corrumpido e tem capacidade de analisar montes de info e descobrir problemas..

ver esta notica foi a realização de um processo de mts anos :D

esta noticia saiu em diversas fontes... esta é apenas uma

http://diario.iol.pt/economia/portugal-corrupcao-eurobarometro-crime-economico-zona-euro/1108905-4058.html

teckV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

aqui no P@P onde supostamente deveriam estar os "hactivos" é curioso serem os 1´s em 10 que acham que a corrupção é uma alucinação do teckV e outros :D

Há certas coisas que me irritam e uma delas é estares constantemente a dizer que as pessoas não vêm problemas só porque não concordam com a tua solução.

E já te avisei anteriormente sobre isto, comentários provocatórios são desnecessários.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Bem numa coisa tenho de concordar com o @Warrior, Dizer que as pessoas não vêem os problemas só porque não concordam com determinadas soluções torna-se provocatório.

Relativamente ao assunto do topico não posso deixar de achar engraçada a noticia e o dizeres que a informática será um dos grandes trunfos no combate à corrupção.

Eu em muito trabalho que fiz vi tanta forma "engenhosa" de fazer o computador "mentir" e o gajo dizia sempre a verdade... nem que fosse "pedida com jeitinho" :D

Mas ainda assim os computadores mentem.... e tu que estás por dentro do tema da segurança sabes bem o quão aldrabão pode ser um log file por exemplo.

Cumprimentos

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Como já referi noutro tópico, o que me preocupa é que isso só dá 90% e não 100% como deveria ser!...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
Como já referi noutro tópico, o que me preocupa é que isso só dá 90% e não 100% como deveria ser!...

mas... pareceu-me que vocês não viam corrupção na acções politicas actuais? mudaram assim tanto agora?  posso ser eu que estou enganado... mas...

E já te avisei anteriormente sobre isto, comentários provocatórios são desnecessários.

peço desculpa mas não entendo... eu estava-me a referir a certos posts que coloquei onde algumas pessoas disseram que não eram correctos, isto é, eu falei na corrupção generalizada, na ligação promiscua entre a banca e os partidos políticos e outras coisas mais.. e mts pessoas disseram que estava errado

mas estou a ofender por dizer que a maioria das pessoas aqui acharam que eu estava errado quando falava da corrupção? ofender como se tomaram essa opinião e agora porque vêm que são dos poucos que pensam assim se sentem ofendidos?

warrior... desde sempre está em picardia comigo.. porque? onde é que te ofendi directamente neste post? podes sublinhar isso? será mais fácil evitar assim na próxima vez... o que acho é que te ofendes quando não tens razão...mas isso..

é nisto que temos de focar e deixar as questões pessoais de lado... sinceramente quando vejo alguem ser tanta vez ofendido pela opinião de outra pessoa.. isso a mim quer dizer...

e não entendo onde é que ofendi dizendo que aqui me pareceu que a maioria não acha que vivemos num enorme problema de corrupção... onde é que isso ofende?

Eu em muito trabalho que fiz vi tanta forma "engenhosa" de fazer o computador "mentir" e o gajo dizia sempre a verdade... nem que fosse "pedida com jeitinho" :D

Mas ainda assim os computadores mentem.... e tu que estás por dentro do tema da segurança sabes bem o quão aldrabão pode ser um log file por exemplo.

os computadores não pensam por eles, não têm sentimentos (ainda) e por isso só fazem o que lhes mandam

a nivel de segurança... se quem fizer o programa estiver consciente das questões de segurança pode-se criar uma segurança muito mais aceitavel que o factor humano

é possivel criar programas seguros e se forem contratadas as pessoas correctas e se a intenção for a correcta... o programa analisa consoante as regras que lhe dão

e se tiver certos cuidados será mt difícil ser crackado. um programa de análise de facturação não precisa estar ligado a nenhuma rede... há mts formas e soluções e acho que será pela informática que se resolverão mts problemas

alias, está-se a fazer um pouco isso... está a colocar certas medidas nos ERP´s... mas acho que estas ainda são só para inlges ver e não resolverm o core da questão... mas está-se nesse caminho e podia-se acelerar e resolver já mt coisa

teckV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

És tu que estás enganado, acredita.

O facto de haver pessoas - como eu - que acham que alguém é inocente até prova em contrário não quer dizer que a corrupção não exista ou que a mesma não seja um problema sério e grave.

O que tu fizeste foi precipitares-te e concluir que achávamos que a corrupção não existia e/ou não era um problema.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

aqui no P@P onde supostamente deveriam estar os "hactivos" é curioso serem os 1´s em 10 que acham que a corrupção é uma alucinação do teckV e outros :D

mas felizmente os restantes portugueses estão a acordar e já deram o 1º passo para a solução...perceber o que se passa... agora é a fase 2

Amigo,

Sentes-te bem em pertencer aos do contra? Óptimo ... isso muda alguma coisa? Não. E porque?

Que interessa dizer que "ah e tal concordo" se depois fica tudo a olhar uns para os outros? Uma das características do português (tirando o xico-espertismo) são as lamúrias por tudo e por nada. Portugal chora a potes, por tudo o que acontece de mal ou que faz simplesmente comichão, e tirando o 25 de Abril, não sabem impor-se.

Se fores à vizinha França, os motins são levados a sério pela população, em prol do que é para eles .. Em portugal, chora-se. Chora-se por não ter dinheiro, chora-se por não ter emprego, chora-se por ter um governo corrupto, chora-se por tudo e mais alguma coisa, mas acção não existe.

Resumindo, se queres ser mais um para as estatísticas do "bom consumidor", força, mas isso não muda nada. Não é por as pessoas não manifestarem a sua opinião em relação ao governo que signifique que acreditam no que o mesmo tem feito.

Digo-te mais ainda : Se tivesses plena consciência do casamento secular entre o sistema político e sistema financeiro, não te preocupavas tanto. Antes de mudar a política, teria-se de acabar com a ideia que as pessoas deixaram crescer em relação ao dinheiro, ideia essa imposta pelos verdadeiros lideres mundias, que são a classe rica, e que são esses também que mantêm a corda curta ao governo. E antes ainda de acabar com a relação das pessoas com o dinheiro, precisarias de mudar a consciência dessas mesmas pessoas, que são nada mais que eu, tu, e todos os que habitam este planeta. Não é dizer "sim" ou "não" às coisas que muda a consciência, é realmente entender a gravidade e extensão da situação.

É tudo :confused:

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

admito o meu erro de ter pensado que a maioria não achava que viviamos sobre corrupção generalizada... que os dois principais blocos politicos estão envolvidos em importantes esquemas de corrupção e que o nosso pais neste momento está ingovernavel

como a primeira resposta ao primeiro post desta serie foi logo mt violente e mostrava uma atitude de tipo "isso é tudo lixo e deve ser apagado" e como houve mts conversas e opiniões cruzadas eu cometi um erro, que admito aqui e agora, que foi pensar que aqui não tinha essa percepção

ok... errei... e fico mt feliz por isso... a sério, porque acho que a comunidade técnica é mt importante e será mt mais num futuro próximo

com quem me enganei peço desculpa... é por isso que defendo que se devem colocar vários tópicos e não concentrar tudo num, porque um gajo perde o fio à meada e comete erros destes

não me levem a mal que não sou má pessoa... mas tenho uma personalidade mt complexa (por vezes nem eu me percebo :D) e venho de uma cultura completamente diferente da destes novos foruns... acreditem que num certo mundo as "flame wars" são normais e devido a todos serem personalidades complexas as guerras são normais... por isso por vezes eu expludo, mas na verdade não dou tanto valor a isso como pode parecer... mas tenho de respeitar a cultura deste forum e adptar-me a ela... tenho me esforçado por isso, acreditem

e é bom ver que afinal, tirando pequenos pormenores estamos de acordo :)  :confused:

eu não queria ter a razão contra voçes... eu queria era que certa info fosse apresentada...

mas a respeito da banca... ainda há quem não tenha visto a relação promiscua da mesma com os partidos políticos...

e um desabafo... ter os dois principais partidos envolvidos em grandes casos de corrupção é uma cena mt marada...

é preciso que ppl inteligente e capaz se envolva nestas questões porque são precisos... os que lá estão não só são maus tecnicamente como são de má fé

precisa-se de gente boa na gestão do pais... e de boas ideias a nivel de sistemas informáticos que ajudem a resolver alguns problemas

e desculpem se vos interpretei mal... foi por engano...  :thumbdown: :D.

teccV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Amigo,

Sentes-te bem em pertencer aos do contra? Óptimo ... isso muda alguma coisa? Não. E porque?

Ou seja, se fores a favor, já muda? E se fores neutro? Ah bom... então chegámos ao mesmo :) eh eh eh...

Que interessa dizer que "ah e tal concordo" se depois fica tudo a olhar uns para os outros? Uma das características do português (tirando o xico-espertismo) são as lamúrias por tudo e por nada. Portugal chora a potes, por tudo o que acontece de mal ou que faz simplesmente comichão, e tirando o 25 de Abril, não sabem impor-se.

Eu sou Português, com (algum) orgulho - e não é por causa do futebol, sublinhe-se - e às vezes também me queixo :) Ora então tenho motivos para estar sempre contente? Ou ficar indiferente? Nãããããããão.... Muito pelo contrário, o facto de se querer subir impostos e (se não fosse a pressão popular/sindical) manterem o mesmo ordenado mínimo (que eu recebo mais e isso não me influencia a mim, mas influencia os outros).

Se fores à vizinha França, os motins são levados a sério pela população, em prol do que é para eles .. Em portugal, chora-se. Chora-se por não ter dinheiro, chora-se por não ter emprego, chora-se por ter um governo corrupto, chora-se por tudo e mais alguma coisa, mas acção não existe.

Sabes, eu gosto muito de usar a sabedoria popular para muita coisa... Os ditados deles saem como se fosse citações de Einstein... E agora o que me veio à cabeça foi "Quem não se sente, não é filho de boa gente".

Cada um é livre de se expressar (sem afectar a liberdade do "vizinho"). Também se diz que a crítica/pressão leva ao superar das expectativas.

É tudo :D

Ufa! :confused: eh eh eh.

Agora sinceramente, e isto é um comentário geral a toda a situação à volta do tema.... Se pensarmos um bocado, o facto de sermos críticos é bom, mas e a autocrítica?

A minha perspectiva é que, consoante o nível onde estamos, tentamos fugir ao sistema. Não? Ora então vejamos o vulgar contribuinte... Tenta dar voltas e voltas ao sistema de contribuição para não ter que pagar o IRS mas sim recebê-lo :) Alguns declaram menos do que ganham, e esses (que eu saiba) também estão a fugir à lei.

E atenção eu não estou a defender ninguém... Estou a ser lógico! Se subirmos de patamar a nível de influência, vão deixar de fazer fuga aos impostos e passam a 'aceitar dinheiro' porque a vossa influência vale dinheiro! Escusam de fugir aos impostos :) ganham por fora e bem!

Se devia acabar isso tudo? CLARO! Porque é que não acaba? Porque "compensa ir preso" por uma jornada de corrupção... As penas cá são muito leves para que é corrupto... Se o preço a pagar fosse muito alto, ninguém iria querer correr o risco... Na China, 4 ou 5 empresários foram condenados à morte por serem corruptos (sim tb acho um exagero, mas vai de encontro àquilo que disse... Ninguém quer morrer... E aposto que serao poucos os corruptos a partir daí :) )

:D Tb acho que é tudo eh eh eh

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Existem duas caracteristas "chave" no povo Português..... 1ª é um MESTRE no Desenrasca! Já mais do que uma vez houvi Doutores dizerem em varias aulas que uma das coisas em que somos "Mestres" é no desenrascanço. Graças a isso vamos "desenrascando" muita coisa... Doutra forma não estaria-mos muito mal, estariamos péssimos!

A outra caracteristica é o "lamentadorismo". Passam a vida a lamentar-se! Eu felizmente ou infelizmente dependendo da prespectiva, lido com pessoas muitas das vezes nos seus infortunios maiores, e ouço-as lamentar, entra a 100 sai a 200, dou houvidos encaixa no "buffer" e depois faz "dump". Quando vou ao café socialmente e ouço alguém virado pra mim a lamentar-se dos seus "infortunios" depois de um dia a ver "infortunios maiores", por vezes dou uma resposta que se tornou quase "imagem de marca", e que nada é bem vida por quem a ouve ("Acha mesmo que eu tenho cara de muro? É que o muro da lamentações fica em Israel"). Com isto quero eu dizer que passar a vida a lamentar não muda nadinha de nada! Fazer a diferença, dar o corpinho ao manifesto, fazer alguma coisa, isso sim pode mudar, mas tem de ser com temperança e bom-senso!

Cada um tem direito de pensar da maneira que quer, logo que não importune a liberdade dos restantes, e não se torne inconveniente.

Eu custumo dizer que por muito mau que tenha sido o meu dia, mais de um bilião de pessoas tiveram um varias vezes pior, e não se estão a lamentar.... Para que raio me ei de lamentar eu? É inconveniente passar a vida a ouvir lamentos, a dizer que lá fora é que se está melhor, etc.... Cá não está, e paciência.... Não se pode mudar o mundo, mas podemos mudar a nossa actictude. Cada um que mude a sua a ver se as coisas não começam a melhorar....

Não concordo com a pena capital para casos de currupção, alias não concordo com a pena capital de todo. Mas é a minha opinião.

Achas que toda a gente não declara todo o que ganha? Pois eu declaro. Faço a minha parte. Ainda sou de "bom tempo", faço voluntáriado feito "burro", porque se fosse esperto não fazia! Afinal dou o corpo e a cabeça ao manifesto, e ainda pago do meu bolso as despesas de alimentação, acidentes pessoais, formação, e aguento do meu bolsinho caso contraia doênça em serviço e tenha de meter baixa. Sabes porquê? Porque hoje sou eu a "lixar o meu lombo por alguém", mas amanha poderá ser alguém a lixar o seu proprio por mim.

Gostava imenso de um mundo perfeito, mas na impossibilidade, Desenrasco-me com o actual!

Cumprimentos

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Não concordo com a pena capital para casos de currupção, alias não concordo com a pena capital de todo. Mas é a minha opinião.

^^ Eu não estava a defender a pena capital... Eu disse que na China foram 4 empresários condenados à pena de morte (pena capital) ... Mas também disse que não a defendia e que acho é que as penas em Portugal deviam ser mais severas...

Algo do género: "Se você for corrupto e nós o apanharmos, fica sem nada e vai para a cadeia por 25 anos" (Que é a pena igual a de um homicida .... omfg)

Achas que toda a gente não declara todo o que ganha? Pois eu declaro. Faço a minha parte. Ainda sou de "bom tempo", faço voluntáriado feito "burro", porque se fosse esperto não fazia! Afinal dou o corpo e a cabeça ao manifesto, e ainda pago do meu bolso as despesas de alimentação, acidentes pessoais, formação, e aguento do meu bolsinho caso contraia doênça em serviço e tenha de meter baixa. Sabes porquê? Porque hoje sou eu a "lixar o meu lombo por alguém", mas amanha poderá ser alguém a lixar o seu proprio por mim.

Eu também declaro o que ganho... Senão era uma festa :)

Nem sei porque é que perguntaste se eu achava que toda a gente não declarava o que ganhava... A minha comparação encaixa na perfeição... Ora vê lá:

1 - Poucos declaram menos do que ganham (que não sao assiiiiim tao poucos... :confused:)

2 - Poucos são corruptos (que não são assiiiiiiim tão poucos :D)

Logo é comparável :D

Gostava imenso de um mundo perfeito, mas na impossibilidade, Desenrasco-me com o actual!

Cumprimentos

Partir de um principio que é "Nada é perfeito" remete-te a tentar ou a desistir?

Abraço

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Sobreviver é a melhor resposta! Não me remeto a tentar, nem a desistir. Faço a minha parte para ajudar a que seja melhor, mas "mudar o mundo" é uma tarefa muito grande. Mudar-me a mim é uma tarefe execuivel!

O mal é que muitos tentaram mudar o mundo, e nunca nenhum conseguiu. Talvez se tivessem optado por uma tarefa execuivel tivessem visto frutos do esforço.

Repara numa coisa.... todo o ano tu sabes que pagas impostos por isso caso tenhas um acidente com alguma gravidade, aparecem um monte de "gajos porreiros", que não só te vão tirar de dentro do carro onde estás encarcerado, como te vão prestar assistencia, transportar ao hospital, e tratar de ti. É algo que dás por garantido, certo? Da mesma forma que caso sejas vitima de uma cheia, esperas que esse "bando de gajos porreiros" te vá acudir, e caso estejas doente e precises de assistência, lá aperecem uns "gajos porreiros", para ta prestar. Achas que esses "gajos porreiros" estão a tentar mudar o mundo?

Em primeiro dos impostos que tu pagas, e eu pago e todos pagamos, maior parte desses "gajos porreiros", não vê tusto! Além de também pagarem impostos. Depois se tivessem a tentar mudar o mundo tavam "lixados" pois são cada vez menos, e o mundo cada vez tem mais gente! Por isso eu já à muito que me deixei da poesia de tentar mudar o mundo. Comecei a mudar-me eu, e fazer a minha quota-parte para o bem comum. Por isso nem tento nem desisto! Faço a minha parte justa. Mudo a minha parte, e não tento fazer mais do que é para mim possivel!

Espero ter respondido à tua pergunta.

Relativamente às penas aplicadas na lei, na minha opinião são demasiado leves até mesmo para homicidio. Mas não sou legista, não tenho poder para fazer seja o que for sobre isso. Pior que serem leves é houvires o que eu houvi de um individuo que logo após a sua libertação, (cumprida a sentença de 1 ano e 7 meses), cometeu logo de seguida novo crime, para garantir que iria novamente detido. E com muita calma disse "Sabe.... Cá fora passo fome, passo frio, durmo na rua, não tenho agua pra tomar banho, e roupa limpa pra vestir. Ao menos lá dentro, dão-me de comer, tenho onde dormir, roupa pra vestir, e agua pra tomar banho. Por isso prefiro estar preso". Ouço contar de outros tempos em que os reclusos trabalhavam nas obras publicas, e que muita obra era feita com recurso a mão de obra dos reclusos. Agora não se fala nisso. Ao que sei pouco fazem! Imagina um sujeito detido por corrupção estar a trabalhar no duro? Ia ser bonito!

Os 25 anos para homicidio, acho pouco! Tens ideia do fardo que é para as familias das vitimas? e aqueles que foi homicidio voluntário na forma tentada? Que acabam em liberdade? Fazes ideia do que seja para quem quase foi morto cruzar-se na rua com o tipo que "quase lhe passou um bilhete para o inferno", e ver que o tipo no fim de contas ainda saiu a rir?

Concordo que muita gente não declare tudo o que ganha. Eu faço, mais gente o faz, nem toda a gente o faz! (Comparavel)

Quando dizes que poucos são curruptos (que não são assiiiiiiim tão poucos). Eu apenas posso basear uma opinião com base em resultados de condenações em tribunal, não vou acusar e condenar alguém sem que na devida instancia isso seja feito. E que eu tenha conhecimento não existem assim tantos casos de corrupção com condenações efectivas na justiça portuguesa. Pelo menos aos que conheço são poucos e foram sempre "ratos pequenos".

Cumprimentos

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

O nosso país é um dos mais corruptos da UE. Facto.

Vê-se os políticos e as pessoas que mais poder têm a entrarem em jogos de corrupção.

Se alguém me explicar porque é que aqueles que ganham xx milhares ou yyy milhares de euros mensalmente a roubar dinheiro aos clientes/contribuintes eu era um pouco mais feliz, ou pelo menos, um pouco menos ingénuo. E eu que ganho o ordenado mínimo (atenção que: eu == um gajo qualquer) estou cada vez a viver pior, e a minha vida até dava para umas férias há uns tempos em Espanha ou no Algarve, contudo, agora as férias é ali na praia a 10km de casa e vou de transportes públicos (não tenho nada contra os transportes públicos, as minhas deslocações são maioritariamente em transportes públicos). E penso, f******, porque é que os ricos podem roubar e eu não? Eles têm milhares/milhões, eu tenho algum e eles têm sempre mais (nem sei bem porquê) e eu tenho cada vez menos para eles terem mais porque o dinheiro não nasce... E depois vê-se em todo o lado (!=toda a gente) pessoas a tentar fugir a isto, enganar este, aquele e o sistema.

Eu (agora sou eu mesmo) ando todos os dias de autocarro e metro e ouço todos os dias pessoas a explicar esquemas para fugir aos impostos, para receber duas vezes o ordenado mínimo, para receber abonos de 5 filhos terem apenas 2, receber subsidio para isto e para aquilo mas sem precisar... É só esquemas manhosos... Mas como criticar estas pessoas (tirando por questões éticas) se as pessoas que deviam dar o exemplo, que são a imagem do país no estrangeiro e que nos representam em vez de roubar umas centenas de euros, roubam milhares e milhões? E ética é algo que falta, cada vez mais,...

Juro-vos a todos vós que tenho medo do caminho que está a levar Portugal.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

O nosso país é um dos mais corruptos da UE. Facto.

;)

Vê-se os políticos e as pessoas que mais poder têm a entrarem em jogos de corrupção.

Se alguém me explicar porque é que aqueles que ganham xx milhares ou yyy milhares de euros mensalmente a roubar dinheiro aos clientes/contribuintes eu era um pouco mais feliz, ou pelo menos, um pouco menos ingénuo. E eu que ganho o ordenado mínimo (atenção que: eu == um gajo qualquer) estou cada vez a viver pior, e a minha vida até dava para umas férias há uns tempos em Espanha ou no Algarve, contudo, agora as férias é ali na praia a 10km de casa e vou de transportes públicos (não tenho nada contra os transportes públicos, as minhas deslocações são maioritariamente em transportes públicos). E penso, f******, porque é que os ricos podem roubar e eu não? Eles têm milhares/milhões, eu tenho algum e eles têm sempre mais (nem sei bem porquê) e eu tenho cada vez menos para eles terem mais porque o dinheiro não nasce... E depois vê-se em todo o lado (!=toda a gente) pessoas a tentar fugir a isto, enganar este, aquele e o sistema.

Ora bem. Quanto a isto posso-te dizer que:

- Os ricos são cada vez mais ricos porque, o tal dinheiro que ganham com a fuga aos impostos e com a corrupção e o tráfico de influências, abrem uma empresa ou investem em mercados a dar dinheiro. Logo "Dinheiro Gera Dinheiro".

- Quanto ao 'porquê de eles roubarem dinheiro aos contribuintes mesmo ganhando yyy milhares de euros mensalmente'... Bem isso é porque o ser humano (ninguem em particular) não se contenta com nada... ;)

Eu (agora sou eu mesmo) ando todos os dias de autocarro e metro e ouço todos os dias pessoas a explicar esquemas para fugir aos impostos, para receber duas vezes o ordenado mínimo, para receber abonos de 5 filhos terem apenas 2, receber subsidio para isto e para aquilo mas sem precisar... É só esquemas manhosos... Mas como criticar estas pessoas (tirando por questões éticas) se as pessoas que deviam dar o exemplo, que são a imagem do país no estrangeiro e que nos representam em vez de roubar umas centenas de euros, roubam milhares e milhões? E ética é algo que falta, cada vez mais,...

Eu também... No autocarro, no trabalho, em casa... Ouço muitas vezes a manha que o pessoal usa para fugir aos impostos ou poder pagar menos ou ganhar mais um bocadinho à custa... do Estado (contribuintes).

No entanto ter em atenção que a corrupção NÃO é roubo... É o 'receber mais' para fazer 'ouvidos de mercador' ou então ao contrário 'puxar uns cordelinhos' só para o que paga garantir o 'sucesso' do que pretende.

Mas mesmo assim... é punível por lei. E se a lei não os pune, leva-nos a pensar "Será que a lei é assim tão justa e eficiente?"... É a isto que chamamos Justiça!

Juro-vos a todos vós que tenho medo do caminho que está a levar Portugal.

:) Infelizmente, não é só Portugal e - tal como o apocsantos - eu também penso que existem outros piores que nós... Mas, eu sou muito comodista e tal como muitos portugueses vivo um dia de cada vez criticando o meu país sem fazer nada para o corrigir porque, infelizmente, não possuo os meios para o fazer.

Abraço

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

mAiN_iNfEcTiOn, quero apenas clarificar o significado da expressão "dinheiro gera dinheiro".

Essa expressão está erradamente ligada aos ricos como insinuaste, acontece que isso se aplica a qualquer pessoa.

O que isso quer dizer é tão simplesmente que o dinheiro quando aplicado (seja por que for) gera dinheiro, seja 500€ ou 500 mil €...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Dinheiro gera dinheiro, aplica-se a toda a gente. Desde que se saiba gerir e aplicar bem, gera mais dinheiro. Um exemplo simples disso é o que fazem pessoas comuns com um bocadito de sorte.... Investem por exemplo num terreno... aguardam uns anos, vendem, e pronto... dinheiro gerado! Eu até numa moto tive sorte... Comprei por 200, vendi por 300, com mais 2 anos de uso em cima. A isso chama-se aproveitar oportunidades. o "Dinheiro gera Dinheiro", não se aplica só aos ricos, aplica-se a toda a gente. Tem é de se fazer as coisas de forma prudente, honesta, e na hora certa. Olha que tenho um caso na familia que começou como porteiro, e chegou a gerente. Obvio que quando chegou a gerente ganhava mais, soube como aplicar os ganhos, e olha agora está melhor que bem, a gozar a reforma à grande. Mas nunca se esquece de dizer que andou muitos anos descalço, por não ter sapatos.

Cumprimentos

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

mas... pareceu-me que vocês não viam corrupção na acções politicas actuais? mudaram assim tanto agora?  posso ser eu que estou enganado... mas...

Vou pressupor que estás a falar do Governo da República e em particular do Primeiro Ministro.

Até agora nenhuma das acusações contra ele foram provadas em tribunal. E a informação que tem vindo ao público é apresentada de forma sensacionalista e sem que haja contraditório (por causa do segredo de justiça). Todos os meses temos modificações nos factos que são imputados...

Ora tudo isto, faz com que prefira esperar para ver o que o tribunal decide, porque não tenho informação em quantidade e fidelidade suficiente.

Sei que há decisões deste e de outros governos e da Assembleia da República, que na minha opinião vão contra o interesse público, mas a motivação para essas decisões não é necessariamente a corrupção, podem ser apenas opiniões diferentes sobre o interesse público, ou até mesmo incompetência.

Se fores à vizinha França, os motins são levados a sério pela população, em prol do que é para eles .. Em portugal, chora-se. Chora-se por não ter dinheiro, chora-se por não ter emprego, chora-se por ter um governo corrupto, chora-se por tudo e mais alguma coisa, mas acção não existe.

Fazer e defender alterações de ordem pública e destruição de propriedade pública e privada, não é defesa do interesse do povo. Só defende esse tipo de acção quem é anti-democracia. Porque em democracia não é assim que se faz política.

Muito pelo contrário, o facto de se querer subir impostos e (se não fosse a pressão popular/sindical) manterem o mesmo ordenado mínimo (que eu recebo mais e isso não me influencia a mim, mas influencia os outros).

O ordenado mínimo tem subido nos últimos anos!

Alias há um acordo entre o Governo da República e os parceiros sociais para que ele chegue até aos 500€, no prazo estabelecido. Infelizmente alguns parceiros não querem cumprir aquilo a que se comprometeram.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Fazer e defender alterações de ordem pública e destruição de propriedade pública e privada, não é defesa do interesse do povo. Só defende esse tipo de acção quem é anti-democracia. Porque em democracia não é assim que se faz política.

Concordo plenamente. Vir para a rua destruir propriedade publica ou privada, criando ondas de violência não só é anti-democracia, como cria mal estar social, não afecta assim tanto os politicos e faz pagar os "inocentes" por erros que não cometeram. O incitar deste tipo de actitude só por si é um erro. Eu não acho nada interessante ver nas noticias que uma manifestação resultou em x carros a arder, y autocarros a arder, z milhões de euros... O que é que isto fez para o bem comum??? Nada! Absolutamente Nada! Só criou um clima de insegurança.

Cumprimentos

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eles têm milhares/milhões, eu tenho algum e eles têm sempre mais (nem sei bem porquê) e eu tenho cada vez menos para eles terem mais porque o dinheiro não nasce... E depois vê-se em todo o lado (!=toda a gente) pessoas a tentar fugir a isto, enganar este, aquele e o sistema.

Off-topic: Achas mesmo que não? Vê os documentários "Money as Debt" que o teckV postou. :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
Eu não acho nada interessante ver nas noticias que uma manifestação resultou em x carros a arder, y autocarros a arder, z milhões de euros... O que é que isto fez para o bem comum??? Nada! Absolutamente Nada! Só criou um clima de insegurança.

Exacto!

Muitas vezes andam as pessoas a trabalhar e até mesmo a endividar-se anos a fio, para montar o seu negócio, para comprar um carro... E depois vêm estes vândalos destruir tudo!

Quem é que sai prejudicado?

O povo!

E claro que essas manifestações violentas, também são normalmente exploradas por pessoas com intenções exclusivamente criminosas, para efectuar actos violentos contra pessoas e até mesmo furtos.

Apelar a este tipo de violência é irresponsável, ilegal e imaturo. E nunca contribuiu para a resolução de problemas só para os agravar.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora