• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

herakty

CRISE É TB ISTO COMISSÃO DE INQUÉRITO SOBRE A SUPERVISÃO BANCÁRIA

8 mensagens neste tópico

documento oficial (li o todo apesar de ter mais palha e seca, têm pontos fabulosos a meu ver) mostranto a promiscuidade e corrupção no nosso pais... o Banco de Portugal sabia há mt dos esquemas e que a bomba ia rebentar

mas... é o que eu tenho dito... CRSISE, CRISE, é burla e quem perde é o ze povinho e ninguem o defende

e ainda qurem menos regulação? se com regulação é assim.. sem regulação só com o dinheiro debaixo do colchao... mas como este numero de assaltos, nao sei nao

COMISSÃO DE INQUÉRITO SOBRE A SITUAÇÃO QUE LEVOU À NACIONALIZAÇÃO DO BPN

E SOBRE A SUPERVISÃO BANCÁRIA INERENTE

De acordo com o RGICSF, compete em especial ao BdP autorizar a constituição de instituições de crédito e sociedades financeiras nos casos em que a decisão se pauta unicamente por critérios de natureza técnico-prudencial, acompanhar a actividade das instituições supervisionadas, vigiar a observância das normas que disciplinam essa actividade, emitir recomendações para que sejam sanadas as irregularidades detectadas, sancionar as infracções praticadas e tomar providências extraordinárias de saneamento.
Ainda antes de 2001, logo em 1998, houve uma inspecção que detectou que o BPN tinha insuficiências de organização complicadas. O controlo interno não funcionava, os dossiers de crédito não estavam suficientemente preenchidos, havia crédito que era concedido em curto-circuito às regras estabelecidas no controlo interno, havia falhas graves na informática. Por outro lado, havia excesso de participações em empresas não financeiras. Ora, há limites em participações em empresas não financeiras, que são os seguintes: nenhuma instituição de crédito pode deter mais de 25% do capital de uma empresa não financeira.

http://static.publico.clix.pt/docs/economia/relatoriobpn.doc#_Toc234335201

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
e ainda qurem menos regulação? se com regulação é assim.. sem regulação só com o dinheiro debaixo do colchao... mas como este numero de assaltos, nao sei nao

Este caso mostrou duas coisas: que a regulação foi suficientes para detectar os problemas, e que a regulação não serviu de nada.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
Este caso mostrou duas coisas: que a regulação foi suficientes para detectar os problemas, e que a regulação não serviu de nada.

e isso diz-te que estamos no bom ou mau caminho? o que achas que deveria ser feito? porque não duvida que não concordes com as fraudes...

o BCP, o BES, BPN, BNP... eu sei lá mais quantos estão em tribunal e quase todos já foram condenados no passado

isto prova algo horrivel que tenho falado... há ligações ao mais alto nivel... grupos... unidos... por um unico objectivo... enrriquecer Às nossas custas

isto acontece desde que o homem é homem... uns exploram outros... mas não está na hora de mudar?

que achas que se deve fazer? terminar a regulação ou melhorala? porque saber dos problemas e nada fazer não é regulação

e ISTO ESTÁ A AFECTAR GRAVEMENTE as nossas vidas

voçes sabem quanto se ganhava na programaçao à uns anos e quanto custava um café? essa perca enorme de poder de compra não vos incomoda?

teckV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
e isso diz-te que estamos no bom ou mau caminho? o que achas que deveria ser feito?

Continuar no mesmo caminho será errado, o que não quer dizer que só haja outro caminho (aumentar a regulação) e que esse seja o caminho correcto.

Aumentar a regulação, significa dar mais poder aos reguladores. Mais poder nos reguladores, também significam mais razões para quem é regulado corromper os reguladores.

No caso do BPN bastava que aquilo que a regulação actual produziu tivesse passado do papel.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

se se criarem regras fixas... sem estas cenas da lei nacional da alinea a e b que muda tudo

depois se aplicares seriamente essas regras... como se faz na tropa... qual é a duvida?

estive nos instituto militar dos pupilos do exercito e mais tarde na policia aerea... as regras funcionam muito bem... basta serem aplicadas e quando não se cumpre serem sereiamente punidas para servir de exemplo

a impunidade é o pior e uma lei que permite ser interpretada de varias formas

e o pior... o sistema judicial não funcionar... se funcionasse sem atrasos e sem questões como "como era o relogio do gajo que te violou há 10 anos?" "nao sei"... então estas a mentir

e penas muito grandes para os condenados

teckV

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Penso que nestas discussões já defendi anteriormente uma simplificação legislativa/burocrática que aumente a eficiência, e reduzam a possibilidade de haver trapdoors.

Agora, para mim, isto é diferente de mais regulação (aliás, até acho que é quase o oposto).

E aplicar as penas como na tropa era capaz de resolver as coisas, mas provavelmente também teríamos abusos.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
E aplicar as penas como na tropa era capaz de resolver as coisas, mas provavelmente também teríamos abusos.

na tropa há o RDM... é a lei... e lá os artigos são claro... não há forma de um advogado da a volta.

pisaste este risco é esta pena

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Penso que nestas discussões já defendi anteriormente uma simplificação legislativa/burocrática que aumente a eficiência, e reduzam a possibilidade de haver trapdoors.

Mas assim os advogados não podiam cobrar tanto pelos seus honorários  :wallbash:

A opinião que fui formando é que as leis são feitas por (ou com a supervisão de) advogados e as ambiguidades são propositadas para que aqueles que as conhecem tirem partido delas (e lhes paguem bem por isso).

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora