• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Ridelight

Yahoo e Microsoft mais próximas de acordo para publicidade

2 mensagens neste tópico

Ainda não é oficial mas aparentemente a Microsoft e a Yahoo já chegaram a acordo para uma parceria na área da publicidade online, contrariando o domínio da Google. De acordo com várias agências internacionais, o negócio deverá ser anunciado hoje.

Já na semana passada se falava sobre a possibilidade das duas empresas fecharem um acordo de parceria, mas essa hipótese acabou por não se concretizar.

Este é um dos negócios mais esperados, depois da tentativa da Microsoft comprar a Yahoo, que acabou por ser barrada pela Administração da empresa apesar do acordo de alguns accionistas, o que acabou por levar à demissão de Jerry Yang.

Segundo as fontes citadas pelas agências Reuters e Associated Press, as empresas vão partilhar receitas geradas pela publicidade nos seus sites e a Yahoo passará a usar o novo motor de pesquisa da Microsoft, o Bing.

Será também a tecnologia da gigante de Redmond que irá potenciar a selecção de anúncios a serem exibidos ao lado das pesquisas.

Do lado da Yahoo deverá ficar a comercialização da publicidade e o serviço aos clientes.

Com o acordo a Microsoft pretende fortalecer também a sua posição no mercado de motores de busca, onde a Google detém uma posição de 67% e a Yahoo está em segundo lugar com cerca de 20%. Apesar do reforço da sua aposta nesta área com o Bing, e o investimento feito, a Microsoft não ultrapassou ainda uma quota de mercado de 3% a nível mundial, segundo dados da comScore.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

As duas empresas vão controlar pouco menos de 30 por cento das pesquisas on-line. Mas as mudanças serão nos "bastidores" e os utilizadores não vão sentir grande diferença

Uma união de esforços era vista há muito como a única hipótese de a Microsoft e o Yahoo conseguirem enfrentar o domínio da Google no mercado das pesquisas na Internet. O esperado acordo acabou por ser oficializado ontem, depois de um ano e meio de conversas intermitentes.

Ao abrigo da parceria, a tecnologia de pesquisa da Microsoft - que recentemente lançou o motor de busca Bing - vai passar a ser usada nos sites do Yahoo. Por seu lado, o portal passará a ter a responsabilidade de angariar anúncios publicitários para surgirem nas páginas de resultados das buscas feitas pelos utilizadores (os restantes anúncios nos sites das empresas vão continuar a ser geridos separadamente).

Mesmo depois de concretizada a parceria, porém, as duas empresas ficarão numa posição minoritária neste sector. Os analistas de mercado dão à Google uma quota que oscila entre os 70 e os 80 por cento das pesquisas on-line. O Yahoo surge num afastado segundo lugar e a Microsoft, em terceiro. Combinadas, as duas ficam abaixo dos 30 por cento.

Já para os utilizadores, as alterações estão longe de serem abruptas. A utilização de tecnologia da Microsoft vai influenciar os sites que aparecem nos resultados das pesquisas e vai determinar os anúncios que as acompanham - mas as principais mudanças ocorrem apenas "nos bastidores" e no funcionamento das empresas.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora