• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Ridelight

Televisão Digital já funciona para 40% da população

6 mensagens neste tópico

A Televisão Digital Terrestre (TDT) já está em funcionamento e para um número acima do anunciado previamente pela Portugal Telecom, que lançou o serviço esta quarta-feira: 40 por cento da população já está coberta pela nova tecnologia.

Os números iniciais falavam em oito a dez concelhos, mas a TDT está disponível em 29 localidades. São elas Alcochete, Almada, Alpiarça, Amadora, Barreiro, Benavente, Chaves, Coimbra, Entroncamento, Évora, Faro, Funchal, Gaia, Golegã, Lisboa, Mangualde, Matosinhos, Moita, Montijo, Oeiras, Olhão, Palmela, Ponta Delgada, Porto, Salvaterra de Magos, Seixal, Sintra, Torres Novas e Viana do Castelo.

Veja se a sua zona já está coberta pela TDT aqui.

«Estamos a preparar Portugal para, se quiser, poder desligar o sinal analógico em 2010. Ou seja em três anos», disse o presidente da Portugal Telecom (PT), Zeinal Bava, na sessão de lançamento da tecnologia, que decorreu esta quarta-feira em Lisboa, na sede da operadora. Em cima da mesa, mantém-se o objectivo de chegar ao fim deste ano com 80% da população coberta, embora se assuma que este objectivo também pode ser antecipado.

O presidente da PT recordou que Portugal avança assim mais rápido que outros países, casos da Espanha que demorou 11 anos a preparar o switch off, ou seja o fim do sinal analógico, ou o Reino Unido, que o fez em 15 anos. No entanto, o Governo mantém a data para apagar o sinal analógico, apesar da antecipação da PT: 26 de Abril de 2012.

Vai haver subsidiação para caixas

«Estamos a falar de democracia digital», sintetizou Zeinal Bava sobre o impacto da nova tecnologia.

A PT estima que dos 4,5 milhões de lares portugueses, 47%, ou seja cerca de 2 milhões, sejam o alvo da TDT por não deterem actualmente televisão por subscrição (cabo ou satélite). Destes, e para se saber quantas caixas descodificadoras serão necessárias, é preciso descontar o número de pessoas que detêm televisões preparadas para receber o sinal (a grande maioria dos LCD mais recentes já o permitem).

Deco alerta: faltam dados sobre preços

A sua televisão é compatível?

De acordo com o presidente da PT, a empresa não terá responsabilidade na comercialização das ditas caixas, que podem ser adquiridas nas lojas, a não ser na subsidiação para lares mais carenciados. As condições para estas ajudas ainda estão por determinar e Zeinal Bava reconhece que o preço dos aparelhos descodificadores ainda é caro: ronda os 80 a 90 euros e as mais simples podem chegar a 30 ou 40 euros. No entanto, espera-se descida dos preços até ao momento de apagar o sinal analógico.

«Estamos a ajudar a indústria de equipamentos a produzir produtos melhores e mais baratos», disse o presidente da PT aos jornalistas.

Esperam-se vários modelos e marcas de descodificadores que estarão disponíveis para venda no mercado, uns mais simples com funções de recepção de sinal e outros com funcionalidades mais avançadas.

A TDT vai permitir canais com imagem e som de transmissão digital, extensão de conteúdos em alta definição, novas funcionalidades e possibilidade de recepção a outros equipamentos, nomeadamente o computador. Além disso há serviços para cidadãos com necessidades especiais, transmissão em formato 16:9 e serviços, nas funcionalidades mais avançadas (às quais corresponde também uma caixa mais sofisticada), como pausa na emissão, guia de programação, gravação de conteúdos e barra de programação.

«Vamos poder ter os mesmos conteúdos em vários tipos de equipamentos», sintetizou Zeinal Bava na referida apresentação.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

A nova Televisão Digital Terrestre (TDT) também vai ser móvel: a Portugal Telecom (PT), através da empresa TMN, lançou esta quarta-feira uma placa de banda larga móvel que permite ver televisão.

Ou seja, em termos práticos, além de se ver televisão digital em casa, no equipamento televisivo, é possível também fazê-lo no computador.

A nova placa da TMN, que é o primeiro operador a disponibilizá-lo, tem incorporado um receptor de TDT.

A empresa esclarece que a oferta integrada mantém o valor mensal da banda larga móvel da TMN, com o serviço de televisão gratuito.

O custo destas placas de banda larga ronda os 149 euros.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pessoalmente acho que o sistema actual de televisão funciona bem e que isto é daquelas coisas que querem meter na cabeça das pessoas que é muito melhor e não sei mais o quê.

A alta definição é a vantagem mais apregoada, pessoalmente não acho muito crítico uma vez que um ecrã de 50 cm com um sintonizador analógico já oferece mais resolução do que um olho humano consegue ver a 3 metros de distancia. Haverá quem argumente que os ecrãs estão a ficar maiores, o que é verdade, mas convem referir já aqui que os canais NÃO serão em alta definição, apenas haverá um canal em alta definição com conteudos partilhados pelos outros canais.

A única vantagem que pode realmente existir é a possibilidade de consulta de horarios e gravação de programas de forma muito simples. Mas estou mesmo a ver o que vai acontecer... cheira-me a que o serviço será pobre e que seja tendencialmente canalizado para utilizadores pagantes, ZONs, MEOs e afins. O mercantilismo do costume, já é assim com a internet, não tenho nenhuma razão para acreditar que será agora diferente uma vez que a PT é a empresa que está basicamente a dar conta da transmissão televisiva em canal aberto.

Quanto a televisões em telemóveis... sinceramente... foi preciso chegar a 2009, depois de ser completamente sabido que o streaming não é mais que um desenrasque do passado e que tem péssima escalabilidade, em particular para comunicações como a televisão?

Tipo, estão a usar um remendo que era usado no passado, e a anuncia-lo como o futuro quando na verdade cada vez tem menos viabilidade.

Enfim, mas como o portuga tem falta de informação, até não se importa de pagar 10 euros por mês para poder ver  horas de TV no telemovel por mês, sempre dá para ir para o café mostrar à outras pessoas que lá estão que é uma pessoa com poder de compra.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites
«Estamos a preparar Portugal para, se quiser, poder desligar o sinal analógico em 2010. Ou seja em três anos»

Ou eu sou muito burro a matemática ou...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pessoalmente acho que o sistema actual de televisão funciona bem e que isto é daquelas coisas que querem meter na cabeça das pessoas que é muito melhor e não sei mais o quê.

Depende da zona... Há zonas com bastantes dificuldades em ter imagem em qualidade. Na minha zona, com uma televisão com qualidade vejo o 3 canais que interessam (a tvi nem por isso, mas também não me interessa ;)) com qualidade.

Óbvio que se pode argumentar que nas zonas rurais (que é onde normalmente há má imagem/som) as pessoas não estejam para comprar as caixas descodificadoras ou tenham sequer dinheiro para tal. Tal como estou um pouco céptico que em zonas onde antes não "dava jeito" instalar antenas, agora dê.

De qualquer modo, estou satisfeito com o meo :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eu tambem não apanho a TVI em condições mas tal como tu isso pouco me interessa. Mas devo referir o seguinte: eu, e provavelmente tu, estamos numa zona com cobertura para os quatro canais. O problema é que as antenas de televisão são direccionais, pelo que por vezes a recepção de bom sinal proveniente de uma estação emissora, implica não apanhar sinal em boas condições vindo de outras direcções.

Mas verdade seja dita, isto da TV digital não resolve ABSOLUTAMENTE NADA em termos de cobertura, apenas se usa um sistema de transmissão diferente através do mesmo meio físico em ferquencias na mesma banda. De resto tanto quanto sei, não haverá qualquer investimento em antenas emissoras.

Não sei quanto custa uma dessas caixas descodificadoras ( o nome correcto penso que será 'sintonizador de sinal digital de televisão' ) mas não deviam custar mais de 25 euros. Há nas lojas de informática já hoje em dia uma vasta oferta de sintonizadores digitais que podem ser ligados a um PC e os preços andam nessa ordem porque o mercado assim obriga. Já estou mesmo a ver que se vão vender os equipamentos que toda a gente vai precisar a preços brutais, ainda para mais com ajudas do estado na aquisição.. vai ser chular à bruta.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora