• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Ridelight

EUA pedem que hacker seja deportado de Londres

4 mensagens neste tópico

O hacker Gary McKinnon, que se encontra em Londres, pode ser extraditado para os Estados Unidos, na sequência de um requerimento apresentado pelas autoridades norte-americanas. McKinnon é acusado de ter realizado um ataque aos computadores da administração Bush.

O pedido de extradição do pirata informático será agora analisada pelo ministro do Interior britânico, John Reid, a quem caberá a decisão.

McKinnon, de 40 anos, terá alegadamente acedido aos computadores da NASA, do Exército, da Marinha, do Departamento de Defesa e da Força Aérea dos EUA entre Fevereiro de 2001 e Março de 2002.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Isto realmente, estes gajos quando vêm o cu apertado é que começam a trabalhar, tanto hacker que faz tanta porcaria, mas quando ha um com informações integrais e que possam prejudicar o governo americano começam eles a atacar que nem umas meninas grávidas que não sabem como contar a mãe  ;).

É o mundo em que vivemos e la irá mais um hacker preso para servir de exemplo para uns quantos outros que se estejam a iniciar.

Só gostava de perceber porque é que a NASA não o contratou como fez com outro individuo qualquer que mudou as rotas dos foguetões através do seu linux caseiro  :biggrin:.

Cumps. Overrun

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

É o mundo em que vivemos e la irá mais um hacker preso para servir de exemplo para uns quantos outros que se estejam a iniciar.

Preso? Contratado a peso de ouro é o termo correcto.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

É o mundo em que vivemos e la irá mais um hacker preso para servir de exemplo para uns quantos outros que se estejam a iniciar.

Preso? Contratado a peso de ouro é o termo correcto.

É o mais provável. Acho que os americanos são inteligentes neste aspecto: pegam nos maiores criminosos e dão-lhes cargos que favoreçam o estado. Fazem isto principalmente quando se tratam de jovens, com a vida toda á sua frente.

Como já estamos a falar de um senhor de 40 anos, o mais certo é que sirva de exemplo, isto é, nunca mais ninguem ouça falar dele ou do seu paradeiro no caso de ir para os EUA.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora