• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

Nuno

Resoluções de ecrã

31 mensagens neste tópico

Boas people!

Bem tou a desenvolver um web site para uma empresa e tou com prblemas que me estão a deixar maluco.

para além de problemas que tou a ter com os diferentes browsers e respectivas versões descobri agora que também vou ter problemas com a resolução de ecrã.

e que tava a desnvolver o site no pc de secretária com uma resolução de 1280x1024  e ao testar num portátil com rtesolução de 1366x768 reparei que o site não aparece como eu desejava e esperava e já testei com mais algumas resoluções e também fiko com problemas de estrutura. :)

alguem tem soluções para resolver isto?

thnks

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Sim.

Desenha o site param 800x600 (actualmente a maioria das pessoas usa esta resolução como mínimo) ou faz o site dinâmico, ou seja, sem tamanho fixo, permitindo que o conteúdo se ajuste ao espaço disponível.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

podes explicar isso melhor do site dinamico??!

e já agora conheces alguma solução para o conflito de browsers e suas versões?

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

podes explicar isso melhor do site dinamico??!

Dá uma olhadela aqui http://www.tableless.com.br/layout-fixo-fluido-de-3-colunas-em-8-minutos creio que explica melhor do que eu.

e já agora conheces alguma solução para o conflito de browsers e suas versões?

Sim, usa CSS standard, i.e. não uses extensões dos browsers e evita layouts complexos, é a melhor abordagem que podes ter.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Sim.

Desenha o site param 800x600 (actualmente a maioria das pessoas usa esta resolução como mínimo) ou faz o site dinâmico, ou seja, sem tamanho fixo, permitindo que o conteúdo se ajuste ao espaço disponível.

acho que a maioria já é 1024.
0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

acho que a maioria já é 1024.

Creio que não. Nós (programadores) não somos exemplo do utilizador comum, tipicamente andamos um passo à frente do utilizador comum, e este ainda tem CRTs e usa 800x600.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eu baseio-me nas resoluções que vejo no analytics. Já é raro ver 800. Já nem desenvolvo para essas resoluções, e já não pedem para menos de 1024. Só se tivesse target para África ou Ásia.

É mais comum até ver widescreens que 800x600.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eu baseio-me nas resoluções que vejo no analytics. Já é raro ver 800. Já nem desenvolvo para essas resoluções, e já não pedem para menos de 1024. Só se tivesse target para África ou Ásia.

É mais comum até ver widescreens que 800x600.

O analytics que vês é sobre que sites?

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Vai de notícias a entretenimento. Em todo os casos o mais comum é 1024, os 800 no máximo em 3º.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Vai de notícias a entretenimento. Em todo os casos o mais comum é 1024, os 800 no máximo em 3º.

Parece que os 800 estão a perder terreno mais depressa do que imaginava... Em todo o caso ainda me parece significativo suportá-los durante os próximos tempos...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Um site bem desenhado e implementado consegue escalar para uma quantidade grande de resoluções...

Por exemplo, estou a desenvolver um site que escala independentemente da resolução ser tão pequena quanto 799x352, para poder ser visto nos portáteis com monitores mais pequenos, quer em resoluções como 1280x800, ou até maiores (embora ainda não tenha testado em resoluções maiores).

Neste momento 800x600, já não é a dimensão mínima mais correcta, devido aos novos portáteis ultra-moveis (chamem-lhes o que quiserem) com resoluções menores e que tem sido vendidos como "pães quentes". Por isso quem desenvolve só para resoluções grandes que comece a pensar duas vezes de novo.

Lembrem-se que sendo possível fazer facilmente sites universais, ou seja, independentes de necessidades especiais das pessoas, independentes do software que quem visita usa e de outras restrições técnicas como as resoluções. Não há qualquer desculpa eticamente e moralmente aceitável para não o fazer. Não devemos excluir pessoas só porque não fazem o mesmo que a maioria. Não queremos ditaduras da maioria!

Há muitas soluções possíveis, utilizando o position, float e clear. Podes procurar num motor de busca, por CSS tableless layout, que vais encontrar muita coisa. Se usares medidas relativas como % em vez de medidas fixas como px, podes facilmente atingir esse objectivo.

Aderindo aos standards (podes ler as especificações do W3C pelo menos nas partes que vais precisando),  as recomendações de acessibilidade do W3C e fores lendo coisas sobre isso na net, vais ver que apesar de radicalmente diferente, consegues fazer estas coisas mais facilmente com CSS.

<off-topic>

Estou a preparar uma espécie de workshop sobre layouts com CSS, sendo que publicarei a sua documentação. Ainda estou no início e ultimamente tenho avançado pouco, por falta de tempo-livre.

Mas já agora gostava de saber se há pessoas interessadas.

</off-topic>

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Só mais um lembrete sobre tamanho de displays: há pelo menos 1 pessoa em Portugal que, de vez em quando, acede a sites diversos através do telemóvel :P

Resoluções de telemóvel: 128x160; 176x220; 240x320; 320x480; ...

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

@falco

Sites líquidos podem ser a solução, se tiveres sorte com o designer não te impõem um header de 1000px :down: :P ou se o site viver maioritariamente da informação e não da imagem (passo a redundância). Quanto aos ultra portáteis, a resolução é à volta dos 1440 x 900.

@pmg

Esses casos só com uma folha css com media target diferente.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Quanto aos ultra portáteis, a resolução é à volta dos 1440 x 900.

:eek:

Nem no meu portátil tenho essa resolução...

Os EeePC parece-me que estão limitados a 1024x600.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Só mais um lembrete sobre tamanho de displays: há pelo menos 1 pessoa em Portugal que, de vez em quando, acede a sites diversos através do telemóvel :P

Resoluções de telemóvel: 128x160; 176x220; 240x320; 320x480; ...

É o meu caso. Há sites que simplesmente não consigo ver no meu IE do PDA... O P@P até nem fica muito mal.
0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

:eek:

Nem no meu portátil tenho essa resolução...

Os EeePC parece-me que estão limitados a 1024x600.

Pois, é capaz, depende entre as 9 e as 11" :P.

@thyrax

O SMF parece-me tem um sistema de arquivo com css já preparado para WAP e afins.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

@thyrax

O SMF parece-me tem um sistema de arquivo com css já preparado para WAP e afins.

Para browsers de telemóveis tem (um desenho superminimalista para poupar tráfego), mas reconhece o IE do WM5 como um browser normalíssimo (e é, o ecrã é que nem por isso) (porque quem o usa está-se a cagar para o tráfego que está a gastar).
0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pois, depende de como o browser se identifique, muda o tipo de css aplicado.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pois, depende de como o browser se identifique, muda o tipo de css aplicado.

Não não! Não é o CSS, o próprio output é diferente.
0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Ah, ok. É que mesmo aqui no fórum, consigo ver css para print e handheld, pensei que era isso que vias no telemóvel.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

pmg quanto a aceder com telemóveis e outros dispositivos como PDAs, há mesmo media types de CSS específicos para isso.

Sites líquidos podem ser a solução, se tiveres sorte com o designer não te impõem um header de 1000px

Se o site fosse para mim, eu mandava o designer às urtigas.

Quanto às resoluções para os ultra-portáteis/netbooks/whatever... Elas variam. A que mencionei tem por base informação recolhida com um Asus EeePC 700, com Ubuntu.

As minhas fontes sobre vários modelos, que falam em resoluções como 800x480 para o Asus EeePC 700 e para o Acer Aspire One 110, para o Classmate (ou seja, para o Magalhães) e outros. Há modelos conseguem melhor, mas devemos reger-nos pelo mínimo denominador comum e não pelo máximo.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Depende sempre do target e do tipo de site.

E o site nunca é para mim, é sempre para os clientes, e o que eles pedem é "uma coisa nova, moderna e gira" :P.

E acaba por ser o design que apela aos visitantes, a maioria não quer saber o que está por trás.

PS:

E discordo que temos que nos regir pelo mínimo. Pelo menos pelo médio, é a mesma lógica do que manter sempre compatibilidade com IE5,6(que já faltou menos para o largar) e outros que só atrasam o desenvolvimento de frontoffice, mas neste caso atrasa aos designers expandir a sua criatividade.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Temos que seguir princípio da universalidade, ou seja, garantir que não á discriminação com base em deficiências, e liberdade de escolha. Quem não segue este princípio não tem ética.

Não é razoável, nem aceitável que por exemplo alguém não possa aceder a conteúdos de um site, por ser invisual. Ou por não utilizar um browser popular mas que cumpra os standards. Tal como devemos garantir que o site é bem feito, ou seja, que se adapta a resoluções grandes pequenas.

O cliente não é profissional de desenvolvimento web e muitas vezes nem percebe nada disto. Por isso e por questões de ética, o cliente embora possa querer determinadas coisas, nem todas são aceitáveis.

O web é um sistema distribuido de acesso universal. E cabe aos profissionais da web garantir que assim seja. Quem atira as culpas todas para cima do cliente, porque ele pediu, determinada coisa, é apenas alguém que não tem coragem de assumir as suas responsabilidades.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora