• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

mpeixoto

Engenheiros e economistas alvo de reduções na PT

1 mensagem neste tópico

A Portugal Telecom (PT) vai passar a fazer mais pressão para a saída de trabalhadores com formação académica e quadros superiores, com o aprofundar da convergência fixo--móvel e a necessidade de apertar os custos.

A convergência é uma tendência do sector que irá afectar um grupo profissional com uma dimensão elevada dentro da PT: supera os 3000 trabalhadores, ou seja, quase 50 por cento do total da instituição, que após a cisão da PT Multimédia passou a contar com 7000 colaboradores, noticia hoje o "Público".

Até agora, a pressão tem sido colocada mais ao nível dos trabalhadores menos qualificados, mas a fusão de áreas e direcções da TMN e da PT Comunicações (PTC) vai começar a criar excedentários entre os trabalhadores mais qualificados.

Algumas pessoas deste grupo, maioritariamente engenheiros e economistas, já começou, segundo soube o PÚBLICO, a sentir os sinais de que algo poderá estar a acontecer em relação aos seus postos de trabalho, uma vez que há equipas da TMN e da PTC que já começaram a ter responsáveis comuns. O caso, por exemplo, da fusão do departamento de recursos humanos da TMN e da PTC num só, com o director de Comunicações a assumir o pelouro, aponta nesse sentido. Admite-se que poderá haver operações do género em curso para outros departamentos, sendo dado como certo que haverá fusão nas direcções de engenharia das duas empresas.

Fonte: http://www.jornaldenegocios.pt/default.asp?Session=&CpContentId=306244

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora