• Revista PROGRAMAR: Já está disponível a edição #53 da revista programar. Faz já o download aqui!

magician

Documentação sobre D

29 mensagens neste tópico

Boas estava aqui a tentar aprender alguma coisa de D e conclui que não existe lá muito doc sobre esta linguagem :S

Pesquisei no google mas sem ser a pagina oficial não encontrei mais nada de jeito, será que ninguém sabem ai de algum material bom ?

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Com isto não te safas?

Depois avisa se gostaste da linguagem, também ando curioso desde que ouvi falar a 1ª vez !

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pá eu já vi esses link lol mas não sei se é de estar mal habituado ao Java parece ser fraquinho lolol.

Em relação á linguagem pelo que vi até agora promete, não foge muito do Java pelo menos a nível de POO depois a nível funcional é C.

Não precisas de usar apontadores embora tenhas essa opção caso precises o que ás vezes dá jeito, bom mas ainda tenho de ver melhor mas entre D e C++ acho que vou mesmo para o D.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Bem... eu não conheço muito esta linguagem, mas não será mais uma que não traz nada de novo.

Parece que a moda é inventar linguagens, como se as que existem não bastassem.

Alguém me explique o que D têm a mais que não possa ter em Java ou C++ ?

Eu na minha opinião era fazer exactamente o contrario... tentar melhorar o que já existe e acabar com as coisas novas que de facto não vêm trazer nada de novo.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

D não é propriamente novo já é de 99, Java eu sei mas queria aprender uma linguagem não interpretada, sei razoavelmente C mas não gosto lá muito de programar em C, ainda pensei em aprender C++ mas pelo que vi é bastante complicado :S

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Alguém me explique o que D têm a mais que não possa ter em Java ou C++ ?

D is being designed with lessons learned from practical C++ usage rather than from a theoretical perspective. Even though it uses many C/C++ concepts it also discards some, and as such is not strictly backward compatible with C/C++ source code. It adds to the functionality of C++ by also implementing design by contract, unit testing, true modules, automatic memory management (garbage collection), first class arrays, associative arrays, dynamic arrays, array slicing, nested functions, inner classes, limited form of closures, anonymous functions, compile time function execution, lazy evaluation and has a reengineered template syntax. D retains C++'s ability to do low-level coding, and adds to it with support for an integrated inline assembler. C++ multiple inheritance is replaced by Java style single inheritance with interfaces and mixins. D's declaration, statement and expression syntax closely matches that of C++.

The inline assembler typifies the differences between D and application languages like Java and C#. An inline assembler lets programmers enter machine-specific assembly code in with standard D code—a technique often used by system programmers to access the low-level features of the processor needed to run programs that interface directly with the underlying hardware, such as operating systems and device drivers.

D has built-in support for documentation comments, but so far only the compiler supplied by Digital Mars implements a documentation generator.

o D já vem a ser desenhado desde 1999, no entanto só em Janeiro deste ano saiu uma versão estável

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Fizeram, nem por isso. Porque não existe compatibilidade com C++ pelos vistos.

Se eu quiser usar uma daquelas bibliotecas poderosas em C++ posso usar em D?

magician:

Para quem sabe Java, não é assim tão diferente.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Fizeram, nem por isso. Porque não existe compatibilidade com C++ pelos vistos.

O que é dito é que não é estritamente compatível com C++, o que também acontece com C/C++.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

magician:

Para quem sabe Java, não é assim tão diferente.

C++ ?? Acho que não é tão dinamico como Java nem com aparentemente D.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Dinâmico?

Que queres dizer com isso?

Acho que nos estamos a desviar do tópico inicial. Alguém vai ficar fulo!

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Não faz problemas a assunto tá lá :P

C é muito nativo pá não se explicar :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Não faz problemas a assunto tá lá :P

C é muito nativo pá não se explicar :P

magician já que é para aprender, aconselho-te C++ , por tudo, pela linguagem em si, relativamente fácil de aprender, pelas Lib's, pela velocidade, pelo uso de dll's nativas do windows (isto programando em windows), integração fácil no linux, a maior parte de programas open source que podes modificar é escrita em C++ :D

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pá eu também pensei nisso ponderei entre C++ e D, mas pelo que vi o código de C++ é algo confuso, quando digo confuso refiro-me à comparação com Java acho que D é mais parecido, para alem disso supostamente D será o futuro :P

O que me esta a deixar de pé a trás é a falta de documentação referente à linguagem :|

Ai ai estou tão confuso lololol :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pá eu também pensei nisso ponderei entre C++ e D, mas pelo que vi o código de C++ é algo confuso, quando digo confuso refiro-me à comparação com Java acho que D é mais parecido, para alem disso supostamente D será o futuro :P

por que é que D é o futuro?

duvido que alguma vez se aproxime do C++ ou do Java...

daqui a algum tempo alguém se lembra de inventar o E e toda a gente deixa o D  :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pá mas eu tive a ver C++ e fiquei bastante assustado  lol :P

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

pessoalmente também não gosto de alguns pormenores do C++, razão pela qual ainda não investi muito na linguagem. o ideal era mesmo o Java ter a eficiência do C++ :P (apesar de também haver algumas coisas em Java que poderiam ser melhoradas)

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pois é mesmo isso eu adoro Java mas dá jeito saber uma linguagem nativa, C embora bom não serve muito a nível profissional, resta C++ e D, e C++ tem umas coisas muito estranhas :| O maior problema que vi em D até agora foi mesmo a falta de integração do compilador a nível de SO.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Pá eu também pensei nisso ponderei entre C++ e D, mas pelo que vi o código de C++ é algo confuso, quando digo confuso refiro-me à comparação com Java acho que D é mais parecido, para alem disso supostamente D será o futuro :P

por que é que D é o futuro?

duvido que alguma vez se aproxime do C++ ou do Java...

daqui a algum tempo alguém se lembra de inventar o E e toda a gente deixa o D  :P

Relativamente ao E: http://en.wikipedia.org/wiki/E_programming_language

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eu quero é saber se vale mesmo a pena entrar no D ou então no C++ ;(

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Eu quero é saber se vale mesmo a pena entrar no D ou então no C++ ;(

E porque não? Acho que isso é pessoal, se pensas que te interessa porque não experimentar?

Só porque o C++ é a linguagem mais usada aqui ou ali, ou porque o java tem isto ou aquilo, o que interessa isso?

Por mim, sim, vale a pena, eu pelo menos vou.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

http://www.levenez.com/lang/history.html (não encontrei a D - será uma linguagem fantasma - .. mas também no meio de tanta confusão)

Lol deve ser normal acho que é preciso um GPS para encontrar o que quer que seja nesse diagrama lol

Bom do que experimentei até agora posso dizer que D está a bater as minhas expectativas, simples bastante intuitivo, sintaxe muito semelhante a Java, largas bibliotecas std, realmente acho que o maior ponto fraco é mesmo a documentação ser pouca e ainda existirem muito poucos recursos para desenvolvimento de GUI, a o os IDEs não consegui arranjar mais do que simples editores com colorização. Mas também é normal dado que D não tem Refletion como Java e C#.

A proprosito para alem das lib nativas, D permite tambem usar as libs de C como

# std.c.fenv

# std.c.locale

# std.c.math

# std.c.process

# std.c.stdarg

# std.c.stddef

# std.c.stdio

# std.c.stdlib

# std.c.string

# std.c.time

# std.c.wcharh

Para quem souber C e não quizer aprender as funções de D pode sempre usar os printf e scanf ao invés das funções equivalentes de D.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Tenho andado a ver o desenvolvimento de D já à bastante tempo mas só agora posso realmente tentar aprender a praticar. Parece-me ser uma linguagem com futuro, e já tem bastantes projectos a serem desenvolvidos.

Quanto ao Reflection pelo que percebi existe desde a versão 2.003-  http://www.digitalmars.com/d/traits.html

Existe também este projecto http://www.dsource.org/projects/tango.tools/browser/trunk/tools/rodin que acho que permite algo parecido.

Para editores vou experimentar primeiro o codeblocks senão me engano já trás algum suporte para o debugger.

0

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar noutros sites

Crie uma conta ou ligue-se para comentar

Só membros podem comentar

Criar nova conta

Registe para ter uma conta na nossa comunidade. É fácil!


Registar nova conta

Entra

Já tem conta? Inicie sessão aqui.


Entrar Agora